3.as Jornadas da Energia

O que está a mexer na mobilidade?

Carrinho

Carrinho autónomo de pequena dimensão apresentado na Semana da Mobilidade de Lisboa

IDL

No passado dia 8 de março, realizaram-se as 3.as Jornadas da Energia, inseridas na Semana da Mobilidade de Lisboa. Carla Silva, professora do mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente (MIEEA) e investigadora do Instituto Dom Luiz, lançou o convite a dez empresas para uma discussão sobre os últimos avanços no sector da mobilidade sustentável.

Participantes no workshop
Workshop de transformação da bicicleta para elétrica, dinamizado pela Cicloficina da FCUL, na Semana da Mobilidade de Lisboa

Um dos temas em destaque foi a mobilidade sustentável multimodal muito procurada pelas novas gerações, que deixam de centrar a sua mobilidade num só meio de transporte e passam a utilizar uma variedade de soluções, tais como as bicicletas e os carros elétricos partilhados. A relação entre mobilidade e saúde foi também discutida, após a apresentação de novas formas sensorizadas de contagem de tráfego e monitorização de poluentes, que mapeiam e identificam as zonas com maiores problemas dentro de cada localidade.

Os especialistas realçaram ainda as apostas que estão a ser lançadas em meios de combustível alternativos, como o hidrogénio verde produzido por energias renováveis, sublinhando o que muitos parecem desconhecer: os carros movidos a hidrogénio são também carros elétricos.

Orador e plateia
Um dos oradores das 3as Jornadas da Energia a apresentar ao público soluções de mapeamento de qualidade do ar, tráfego e ruído

Além disso, o biodiesel produzido a partir de óleo alimentar 100% português reciclado e misturado com o gasóleo convencional, foi apontado como um impulsionador da economia circular e alívio das ETAR.

O transporte marítimo - embora responsável pela emissão de enormes quantidades de NOx e PM2.5 ao longo da costa Portuguesa -, é frequentemente deixado de fora neste tipo de conferências. Desta vez, não foi o caso, e foi-nos relembrado que Portugal está especialmente afeto a este problema, dada a grande concentração de rotas de transportes de mercadorias e navios de turismo na costa portuguesa. Uma solução que ainda não foi aplicada no país é a delimitação de zonas de emissões controladas, em que os navios que ultrapassam os valores estipulados para as emissões pagam coimas. Outra das soluções apresentadas, estende-se a todas as problemáticas associadas à mobilidade e consiste na redução do consumismo excessivo e da velocidade de transporte.

Marta Aido, IDL com ACI CIências
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Mestrados DBA 2013-2014

Investigadores do projeto “Climate Change Iniciative – Ocean Colour”

A equipa do projeto “Climate Change Iniciative – Ocean Colour” esteve reunida na FCUL, nos dias 21 e 22 de maio. Os investigadores avaliaram as ações em curso e discutiram alguns assuntos com a comunidade de end-users.

Jorge Manuel Ribeiro Rezende galardoado com o prémio “Abordagem Inovadora”

Intervenção na cerimónia de entrega dos Prémios 'SOS Azulejo' 2012:

Sessões dias 24 e 25 de junho 2013

"Gás de Xisto"?! Sim? Não? Porquê? Como? Onde?

Cerimónia de escritura do Instituto do Petróleo e do Gás

A transferência de conhecimento e tecnologia para a sociedade faz-se mediante o reforço das relações entre as comunidades científica e empresarial. Para J. M. Pinto Paixão, diretor da FCUL, esta é a oportunidade ideal para constituir parcerias suportadas no conhecimento e no exercício de uma cidadania plena.

Acções de Formação em Geologia na FCUL / 2013

Departamento de Geologia da FCUL

Informações sobre o procedimentos de escolha de ramo na Licenciatura em Geologia, 2013-14, do Departamento de Geologia da FCUL.

Alunos de Estatística Aplicada da FCUL

Atualmente, o uso e a aplicação da estatística têm a sua razão de ser não apenas na legitimação da indução, mas também na possibilidade de incorporar a incerteza nas suas conclusões: outro testemunho da sua proximidade ao real.

 

O Departamento de Informática (DI), da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL), convida as empresas e instituições para o estabelecimento de Parcerias e a submeter propostas de trabalhos na área de Engenharia Informática e da Seguranç

Sessão de esclarecimento dia 31 de maio 2013, 11h, anfiteatro 2.4.16

Colocação por unidade curricular- informação atualizada

 

Conhece as reais causas das expulsões de 1947? Como eram as relações da Faculdade de Ciências com o Instituto Superior Técnico? Uma das últimas edições da FCUL procura responder a estas e a outras questões.

Alexandre Ribeiro, criador do jogo Fangz destacado recentemente na App Store dos EUA, voltou àquela que foi a sua instituição de ensino superior, a FCUL, para partilhar experiências, curiosidades e dificuldades vivenciadas ao longo da conceção do jogo, aproveitando para responder às dúvidas dos interessados.

Conferência por Isabel Sacramento Grilo, Department of Geological Sciences SDSU, San Diego, California. EUA.

No âmbito do Ano Internacional de Estatística, a Sociedade Portuguesa de Estatística (SPE)  e o Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa (CEAUL)  promovem uma

Alunos no átrio do C3

Visitantes e colaboradores do Dia Aberto em Ciências comentam a iniciativa que em 2013 reuniu cerca de 1400 pessoas, entre alunos do básico e secundário e seus professores.

Inquéritos Pedagógicos. 2.º Semestre de 2012-13

Os Inquéritos Pedagógicos são uma ferramenta fundamental para a avaliação da qualidade do ensino na FCUL

Fangz, jogo criado por aluno da FCUL que conquistou a Apple

Alexandre Ribeiro, antigo aluno do Departamento de Informática da FCUL, é o primeiro português a conseguir destacar uma aplicação nacional na App Store dos EUA. Para além deste destaque, foi eleito jogo da semana no fórum da Touch Arcade, “o site de maior reputação no mundo dos jogos para plataformas móveis”.

Sessões de esclarecimento/apresentação

Secção Autonoma de História e Filosofia das Ciências da FCUL

A Secção Autónoma de História e Filosofia das Ciências - SAHFC

 

DESAFIO SOCIETAIS 1, 2 E 5: HEALTH, BIO-ECONOMY, CLIMATE ACTION

Páginas