Crónicas em Ciências

Finning: entre o capricho e o massacre

Tubarão

Finning: corte das barbatanas de tubarão ou raias seguido do seu abandono nas águas para uma morte agonizante

Imagem cedida pelos autores

Conhece a Rede Universitária e os nossos canais: https://linktr.ee/stopfinningpt

Aluna da Faculdade
Madalena Sottomayor
Imagem cedida por MS

Finning... outro estrangeirismo, supõe-se. Antes fosse! Descreve, porém, o corte das barbatanas a tubarões ou raias, seguido do seu abandono nas águas para uma morte agonizante por hemorragia ou asfixia. Sendo estes predadores de topo, esta prática, associada à sobrepesca, consiste num dos motivos do preocupante decréscimo das populações (Pacoureau et al. 2021), colocando em causa a vida saudável dos oceanos.

Dados da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) apontam 36% de espécies de tubarões e raias como ameaçadas. Por quê? Um mergulho na sua biologia, revela uma lenta taxa de reprodução e proles de baixo número. Sendo alguns indivíduos capturados imaturos (91% no caso da Tintureira (Vandeperre et al. 2020)), tornam-se incapazes de fazer face à crescente ameaça da pesca, diminuindo alarmantemente as populações.

Talvez o leitor comum descarte Portugal deste cenário. Errado. Tendo uma riqueza em 117 espécies de tubarões, raias e quimeras não as valoriza, sendo o terceiro país com mais capturas da UE (FAO), remetendo-nos para o supracitado finning.

A demanda por barbatanas reflete a luxuosa gastronomia da sopa de barbatana de tubarão, sendo o mercado asiático o seu maior importador.

Face à atual legislação, o finning foi vetado em 2003. Porém, o massacre continua.

Nota da redação

A iniciativa de cidadania europeia “Stop Finning – Stop the Trade” tem como objetivo o término da União Europeia como uma importante plataforma de trânsito para o comércio mundial de barbatanas. Segundo Bernardo Leal, biólogo, licenciado pela Ciências ULisboa, a iniciativa pretende que as barbatanas estejam por lei naturalmente ligadas ao corpo em todo o espaço europeu, de modo a permitir uma melhor fiscalização e conservação destes seres importantes.

A Rede Universitária, um grupo de estudantes do ensino superior, apelou à assinatura desta iniciativa, juntamente com outras entidades e personalidades. A recolha de assinaturas começou em janeiro de 2020 e terminou no final de janeiro deste ano. No total foram submetidas 1.201.932 declarações de apoio. Consulte as próximas etapas desta iniciativa.

Referências
- Vandeperre, F.; Parra, H.; Machete, M. 2020. A pesca com palangre de superfície nos Açores. Relatório do projeto COSTA (Consolidating Sea Turtle conservation in the Azores). Direção Geral das Pescas dos Açores. 10 pp
- Pacoureau, N., Rigby, C. L., Kyne, P. M., Sherley, R. B., Winker, H., Carlson, J. K., Fordham, S. V., Barreto, R., Fernando, D., Francis, M. P., Jabado, R. W., Herman, K. B., Liu, K. M., Marshall, A. D., Pollom, R. A., Romanov, E. V., Simpfendorfer, C. A., Yin, J. S., Kindsvater, H. K., & Dulvy, N. K. (2021). Half a century of global decline in oceanic sharks and rays. Nature, 589(7843), 567–571. https://doi.org/10.1038/s41586-020-03173-9

Madalena Sottomayor, aluna de mestrado em Biologia da Conservação da Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Está disponível a edição de 2012 do JCR (Journal Citation Reports).

O trabalho de cinco investigadoras portuguesas foi distinguido no início de junho em Boston, nos EUA. O congresso mundial contou com mais de 800 cientistas de 50 países.

[Tec Labs]i – Potenciar a Inovação

“Os alunos da FCUL tiveram uma experiência única que não vão esquecer ao longo da sua vida académica e profissional”, denota Rui Ferreira, administrador do Tec Labs – Centro de Inovação da FCUL.

Visita de Estudo à nova Universidade de Lisboa

“[Viveu-se um ambiente] muito propício ao debate onde o intercâmbio de ideias e de boas práticas foram muito gratificantes e uma mais-valia para os participantes e oradores do evento”, declarou Luísa Cerdeira, pró-reitora da Universidade de Lisboa e presidente do FORGES.

Álvaro de Campos

TABACARIA

O Departamento de Informática da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (DI-FCUL) vai organizar a 3 de julho deste ano a primeira edição do 

“Eu sempre gostei de fazer desenho geométrico e sempre me interessei pelos azulejos e seus painéis e pela calçada portuguesa pela sua beleza, pela arte, e porque têm potencialidades científicas, estéticas e didáticas praticamente ilimitadas”, conta o investigador do Grupo de Física-Matemática, distinguido recentemente com o Prémio Abordagem Inovadora “SOS Azulejo 2012”.

As bibliotecas do C4 e C8 têm horários alargados durante a época de exames de 1 a 29 de Junho.

Mestrados DBA 2013-2014

Investigadores do projeto “Climate Change Iniciative – Ocean Colour”

A equipa do projeto “Climate Change Iniciative – Ocean Colour” esteve reunida na FCUL, nos dias 21 e 22 de maio. Os investigadores avaliaram as ações em curso e discutiram alguns assuntos com a comunidade de end-users.

Jorge Manuel Ribeiro Rezende galardoado com o prémio “Abordagem Inovadora”

Intervenção na cerimónia de entrega dos Prémios 'SOS Azulejo' 2012:

Sessões dias 24 e 25 de junho 2013

"Gás de Xisto"?! Sim? Não? Porquê? Como? Onde?

Cerimónia de escritura do Instituto do Petróleo e do Gás

A transferência de conhecimento e tecnologia para a sociedade faz-se mediante o reforço das relações entre as comunidades científica e empresarial. Para J. M. Pinto Paixão, diretor da FCUL, esta é a oportunidade ideal para constituir parcerias suportadas no conhecimento e no exercício de uma cidadania plena.

Acções de Formação em Geologia na FCUL / 2013

Departamento de Geologia da FCUL

Informações sobre o procedimentos de escolha de ramo na Licenciatura em Geologia, 2013-14, do Departamento de Geologia da FCUL.

Alunos de Estatística Aplicada da FCUL

Atualmente, o uso e a aplicação da estatística têm a sua razão de ser não apenas na legitimação da indução, mas também na possibilidade de incorporar a incerteza nas suas conclusões: outro testemunho da sua proximidade ao real.

 

O Departamento de Informática (DI), da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL), convida as empresas e instituições para o estabelecimento de Parcerias e a submeter propostas de trabalhos na área de Engenharia Informática e da Seguranç

Sessão de esclarecimento dia 31 de maio 2013, 11h, anfiteatro 2.4.16

Colocação por unidade curricular- informação atualizada

 

Conhece as reais causas das expulsões de 1947? Como eram as relações da Faculdade de Ciências com o Instituto Superior Técnico? Uma das últimas edições da FCUL procura responder a estas e a outras questões.

Alexandre Ribeiro, criador do jogo Fangz destacado recentemente na App Store dos EUA, voltou àquela que foi a sua instituição de ensino superior, a FCUL, para partilhar experiências, curiosidades e dificuldades vivenciadas ao longo da conceção do jogo, aproveitando para responder às dúvidas dos interessados.

Conferência por Isabel Sacramento Grilo, Department of Geological Sciences SDSU, San Diego, California. EUA.

No âmbito do Ano Internacional de Estatística, a Sociedade Portuguesa de Estatística (SPE)  e o Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa (CEAUL)  promovem uma

Visitantes e colaboradores do Dia Aberto em Ciências comentam a iniciativa que em 2013 reuniu cerca de 1400 pessoas, entre alunos do básico e secundário e seus professores.

Páginas