2.ª edição do FCUL Rally Pro

Pela 2.ª vez, o Departamento de Informática da Faculdade de Ciências da ULisboa lançou o desafio aos alunos do ensino secundário: resolver sete problemas de programação, durante 1h30. Entusiasmados e confiantes, 19 jovens promoveram a prática e o gosto pela programação, fazendo jus ao principal objetivo do FCUL Rally Pro.

Na iniciativa, estiveram presentes dez estudantes do 12.º ano, sete do 11.º e dois do 10.º, oriundos de sete escolas entre elas, o Agrupamento de Escolas D. Dinis, o Agrupamento de Escolas de Eça de Queirós, a Escola Secundária da Amadora, a Escola Secundária da Portela, a Escola Secundária Maria Amália Vaz de Carvalho, a Escola Secundária de Gama Barros, a Escola Secundária Virgílio Ferreira.

Organizados em equipas de três alunos, os participantes tiveram uma sessão de treino blocky e, depois, o aguardado concurso de programação que tem por objetivo “distinguir equipas pelo desempenho na resolução de vários problemas de algoritmia, sendo o desenvolvimento feito numa linguagem de programação visual em ambiente web”.
 


Este ano, os pontos positivos do evento destacados pelos alunos foram “programar” e “adquirir conhecimentos de programação”
Fonte GCIC

O concurso organizou-se como um rally, ou seja, a resolução de um problema forneceu pistas para o próximo problema.

Em média, as equipas a competir resolveram cinco dos sete exercícios propostos. A equipa vencedora conseguiu superar o desafio na sua totalidade. Para os vencedores Rodrigo Ramos, Robin Vassantlal e Nuno Burnay, alunos da Escola Secundária da Portela, a estratégia foi “saber trabalhar em equipa. Se alguém não sabia resolver um dos problemas, os outros ajudavam e a seguir outro haveria de precisar de ajuda. Fazíamos o que sabíamos e se não estivesse a resultar, passávamos ao próximo”. Para o professor dos alunos, Paulo Torcato, “a técnica vem do empenho (…) e ‘quem corre por gosto não cansa’!”.

Para além do interesse pela área da Informática, os alunos mostraram-se curiosos sobre a realidade académica.

“É a primeira vez que tenho contacto com este ambiente. Gosto de programação e o curso que quero seguir é Engenharia Informática. Aqui, vou ganhar alguns conhecimentos”, referiu o aluno do 11.º ano da Escola Secundária da Amadora, Miguel Almeida.


Resolver sete problemas de programação durante 1h30 foi o desafio lançado, pela 2.ª vez, pelo Departamento de Informática de Ciências
Fonte GCIC

Para o professor Paulo Torcato, da Escola Secundária da Portela, trazer os alunos ao Departamento de Informática da Faculdade de Ciências da ULisboa é uma forma de “sentir a programação fora de contexto de sala de aula e de desenvolver um intercâmbio de informações”, já que “a maior parte dos alunos sabe que quer seguir esta área mas não conhece as saídas profissionais, não sabe os conteúdos e competências que aqui podem adquirir”.

Durante o evento foi ainda apresentado um vídeo inspirador e de incentivo aos alunos, protagonizado pelos fundadores de grandes empresas como a Apple (Steve Jobs), Microsoft (Bill Gates), Facebook (Mark Zuckerberg), Dropbox (Drew Houston), entre outros. No vídeo, foram diversas as mensagens transmitidas, entre elas, "everybody in this country should learn how to program a computer… because it teaches you how to think", o mesmo que “todos deveriam aprender como programar um computador… Pois iria ensiná-los a pensar”, de Steve Jobs.

Depois da visualização do vídeo, o professor do Departamento de Informática, Hugo Vieira, destacou a necessidade de formar pessoas em programação, animando a sala ao dar a informação de que “esta área tem uma empregabilidade próxima dos 100%”.
 


Os vencedores foram premiados com um ano de propinas pagas e os segundos e terceiros classificados com o pagamento de um semestre de propinas
Fonte GCIC

Este ano, a organização considera que houve uma mudança relativamente à importância dada pelos alunos ao evento – “no ano passado, o ponto mais positivo  foram os prémios”. Em 2014, os pontos em destaque foram “programar” e “adquirir conhecimentos de programação”, o que demonstra, para o professor Hugo Vieira, que “este possa ser um indicador de que a divulgação foi bem conseguida e, por isso, tenhamos conseguido captar alunos motivados para tirar um curso de Informática no nosso departamento".

O balanço do FCUL Rally Pro 2014 é, por isso, positivo, “é um evento que dá muito gozo organizar, é um dia muito bem passado e o feedback que recebemos dos alunos é muito motivador e encoraja-nos a continuar a oferecer este evento que, com estas características, é único no País”.

Os vencedores foram premiados com um ano de propinas pagas e os segundos e terceiros classificados com o pagamento de um semestre de propinas.

Para consultar as fotografias do evento pode entrar no Facebook de Ciências ou aceder a este link.

Raquel Salgueira Póvoas, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura
info.ciencias@fc.ul.pt
Um grupo de membros de Instituições do Ensino Superior, onde se inclui CIÊNCIAS, está reunido em frente a um jardim, em visita à Siemens

 A iniciativa teve como objetivo aproximar a academia do tecido empresarial.

Nuno Gonçalves alcança o segundo lugar na competição 3MT ULisboa.

Nuno Gonçalves foi distinguido com o segundo lugar, na final da competição ‘Três Minutos de Tese – 3MT ULisboa’, que se realizou esta quint

Inês Ventura

Inês Ventura, a desenvolver o seu doutoramento no Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE) e no Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (

Universidade de Lisboa

A Universidade de Lisboa alcança a 260ª posição no QS World University Rankings (SUR) 2025, tornando-se na universidade portuguesa mais bem classificada neste ranking.

Signatários do acordo

Dia 5 de junho foi assinado o acordo para a construção do espectrógrafo ANDES (ArmazoNes high Dispersion Echelle Spectrograph – Espectrógrafo Echelle de alta dispersão do Armazones), entre o Observatório Europeu do Sul (

 Luís Carriço, Diretor de CIÊNCIAS, e David Gonçalves, Dean do Instituto da Ciência e do Ambiente da Universidade de São José (USJ) assinam acordo sentados a uma mesa

CIÊNCIAS assinou no dia 5 de junho um acordo de cooperação com o Instituto da Ciência e do Ambiente da Universidade de São José (USJ), com vista à cooperação científica em várias áreas de interesse comum.

Equipa do projeto 'Ciências em Harmonia'

Esta terça-feira, 28 de maio, o projeto ‘Ciências em Harmonia’ assinalou o seu primeiro ano de atividades: um marco comemorado com um convívio informal com a comunidade, que

António Branco

António Branco, docente do Departamento de Informática de CIÊNCIAS, foi um dos oradores convidados da conferência que

Sabemos que no futuro um sismo de magnitude significativa voltará a atingir Lisboa. Não sabemos é quando. E se o pudéssemos prever? E se existisse uma probabilidade forte de ser já em 2027?

Ana Santos, finalista 3MT ULisboa

Ao longo dos próximos dias, daremos a conhecer os quatro finalistas de CIÊNCIAS que irão participar na final da competição

Painel e sessão de Perguntas & Respostas | Estreia de documentário

Perto de 120 pessoas assistiram este sábado, 25 de maio, à estreia do documentário ‘O que se esconde na luz? A ciência da missão espacial Euclid’, produzido pelo Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA).

Investigadores do Instituto Dom Luiz, de CIÊNCIAS, instalaram um sismómetro na Escola Básica Professor Delfim Santos, que se encontra a menos de um quilómetro do Estádio da Luz, em Lisboa, onde vão ter lugar os concertos.

Banner Bênção de Finalistas & Queima das Fitas 2024

Este fim de semana a Alameda da Universidade de Lisboa vai voltar a encher-se de finalistas de CIÊNCIAS e de tantas outras faculdades e universidades. A cerimónia de Bênção de Finalistas decorre amanhã dia 25 de maio, a partir das 11h30.

 

3MT ULisboa 2024

Quatro dos doze finalistas da competição ‘Três Minutos de Tese – Universidade de Lisboa’ são de CIÊNCIAS.

Pinguins-de-adélia

Num artigo agora publicado na Science, investigadores de instituições de renome a nível mundial propõem uma estratégia para envolver todas as partes interessadas na governança do Oceano Antártico através de um processo de ordenamento do espaço marinho (OEM) inteligente do ponto de vista climático.

Impressão artística da missão Euclides no espaço.

A 25 de maio (sábado), às 21h00, vamos ver e compreender as novas imagens de entre as maiores alguma vez feitas do Universo, no Grande Auditório de CIÊNCIAS (Edifício C3). A entrada é livre.

Redes Doutorais Marie Curie Projeto PROMOTE

CIÊNCIAS vai participar numa das propostas vencedoras do concurso 2023 das Redes Doutorais de Ações Marie Skłodowska-Curie (MSCA DN).

Foto de entrega de prémio aos vencedores

No âmbito do projeto Invasives e como atividade inserida na

Dia Nacional dos Cientistas - 16 de maio

O Dia Nacional dos Cientistas foi instituído em 2016 por Resolução da Assembleia da República com o objetivo de reconhecer e celebrar a contribuição vital dos cientistas para o progresso da sociedade.

CIÊNCIAS e OKEANOS em parceria para monitorizar biodiversidade e alterações dos ecossistemas marinhos

Projeto internacional SEAGHOSTS visa a monitorização e conservação das populações de painhos, as aves marinhas mais pequenas do planeta.

Reitoria da ULisboa

O CWUR 2024 avaliou de entre 20.966 instituições de ensino superior e atribuiu à ULisboa o 211.º lugar (top 1.1%) e a 80.ª posição no panorama europeu.

Páginas