Entrevista a Hugo Bettencourt

“Foi uma experiência cinco estrelas que me ajudou imenso”

FameLab Portugal

"Falei sobre o cerebelo e a importância do seu estudo para a área da saúde."

Hugo Bettencourt

“Sempre achei as áreas da educação e comunicação bastante interessantes, sonho desde jovem em incorporar um pouco destas duas áreas na minha carreira científica”, declara Hugo Bettencourt, aluno do mestrado integrado em Engenharia Biomédica e Biofísica, finalista do concurso FameLab Portugal 2017.

O que o levou a participar?

Hugo Bettencourt (HB) - Não sabia da existência do FameLab até uma professora - Raquel Conceição -, ter-me indicado e incentivado a participar, pois achava que o concurso seria ideal para mim! Pesquisei acerca do concurso e achei muito bom ser possível frequentar uma masterclass em comunicação. Por isso, não perdi tempo e comecei a preparar o texto para o vídeo que submeti uns dias antes da data final de entrega, depois de muitos takes sem sucesso com a minha irmã mais nova a segurar na câmara!

De que trata o tema que apresentou?

HB - Falei sobre o cerebelo e a importância do seu estudo para a área da saúde. Algumas das suas funções principais já são conhecidas como, por exemplo, o equilíbrio e o movimento, mas ano após ano têm aparecido cada vez mais provas que indicam o seu envolvimento em funções mais complexas, entre as quais a memória e a navegação espacial. No entanto, o impacto exato do cerebelo nas suas funções ainda se encontra por descobrir completamente, por isso achei necessário colocar o cerebelo num “altar” para que as pessoas partilhem o mesmo entusiasmo por este mistério cerebral que eu!

Como se prepararou?

HB - A minha preparação consistiu em falar com as paredes do meu quarto e apresentar umas dezenas de vezes para os meus amigos e familiares. Também tive uma ajuda muito grande de professores que deram dicas muito valiosa, algumas no dia anterior, que me fizeram mudar grande parte do texto da apresentação. Tenho a certeza que fortaleceram a minha apresentação na semifinal.

A Comunicação de Ciência é uma área do seu interesse e em que pretende continuar a adquirir competências? Que importância lhe atribui?

HB - Sempre achei as áreas da educação e comunicação bastante interessantes, sonho desde jovem em incorporar um pouco destas duas áreas na minha carreira científica. No meu futuro vejo muita investigação científica e noites em laboratórios, mas não descarto, de todo, uma carreira em Comunicação de Ciência, fico até muito entusiasmado com a ideia!

O que foi mais gratificante, nesta participação?

HB - Foi, sem sombra de dúvida, participar na masterclass com o Malcolm Love. Permitiu-me fortalecer determinados aspetos das minhas apresentações, bem como conhecer os restantes finalistas. Houve logo uma conexão entre todos nós e ficámos muito unidos desde o início, até aconteceu depois da aula irmos passear por Lisboa. Estes foram, sem dúvida, os pontos altos, na minha opinião.

E o mais difícil?

HB - Combater o nervosismo foi uma batalha. Achei que muitos dos erros que cometi na semifinal podiam ter sido evitados se não tivesse tão nervoso. Houve momentos em que me esquecia do que estava a dizer e tinha de me mexer para voltar ao ponto-chave, o que fez com que parecesse que não conseguia parar quieto. Algo que sinto que melhorei muito desde então, muito graças à participação na masterclass.

Que balanço faz da masterclass?

HB - Foi uma experiência cinco estrelas que me ajudou imenso, não só como comunicador. Ajudou em pontos tais como lidar com nervosismo e combater aquele monstrinho que aparece sempre nas piores alturas. Nunca vou a vou esquecer!

Raquel Salgueira Póvoas, Área de Comunicação e Imagem
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Para os fundadores do AppEEL, este laboratório pode ser considerado o primeiro centro no mundo a reunir investigadores que estudam a evolução sociocultural a partir das teorias que formam parte da Síntese Expandida.

 

O Departamento de Matemática recebeu ontem, dia  4 de Fevereiro, cerca de 70 alunos (9º ano) do  Agrupamento de Escolas D. Miguel de Almeida - Abrantes.

Entre os empregos mais bem pagos contam-se os que estão ligados às engenharias.

Esta coleção de Livros Brancos foi organizada pela META-NET, uma rede de excelência parcialmente financiada pela Comissão Europeia, que levou a cabo uma análise dos recursos e tecnologias da linguagem atualmente disponíveis. A análise abordou as 23 línguas oficiais europeias assim como outras línguas importantes na Europa a nível nacional e regional. 

O Prémio João Branco é uma iniciativa conjunta da Universidade de Aveiro e da família do designer Jo

Dia 4 Fevereiro 2013 – 14:00h às 19:30h (Sala 2.2.15)

Grupo liderado por Henrique Miguel Pereira, investigador do Centro de Biologia Ambiental da FCUL, submete à apreciação da comunidade científica o desenvolvimento de um sistema de monitorização da biodiversidade baseado num conjunto de variáveis essenciais.

“Ao longo dos últimos dois séculos a Estatística foi indispensável em confirmar muitas das maiores descobertas científicas e inovações da humanidade, tais como a partícula bosão de Higgs e a Revolução Verde na agricultura”, declaram Daniel Paulino, presidente da Sociedade Portuguesa de Estatística e Maria Antónia Amaral Turkman, coordenadora do CEAUL.

Dois artigos -- contando com docentes e investigadores do GeoFCUL no seu elenco de autores -- assinalados no “TOP 25 Hottest Papers” de Abril-Junho de 2011 da revista Journal of South American Earth Studies (Sciencedirect / Elsevier).

Henrique Leitão foi eleito membro efetivo da Académie International d'Histoire des Sciences, pela relevância da sua carreira e produção intelectual. Para o historiador das ciências foi uma “honra enorme” receber a distinção, “a maior ambição de qualquer estudioso ou cientista”.

Proposal for a REGULATION OF THE EUROPEAN PARLIAMENT AND OF THE COUNCIL.

Laying down the rules for the participation and dissemination in 'Horizon 2020 – the Framework Programme for Research and Innovation (2014-2020).

EUA represents over 850 universities and university associations across 47 European countries. Its highly diverse membership covers the full spectrum of universities participating in European research programmes.

Vai realizar-se de 18 a 20 de Março de 2013, em honra do Professor Ross Leadbetter, o "Symposium on Recent Advances in Extreme Value Theory ".

O Flora-On sistematiza informação fotográfica, geográfica, morfológica e ecológica de todas as espécies de plantas vasculares autóctones ou naturalizadas listadas para a flora de Portugal. Atualmente, através deste portal acede a 164 famílias, 836 géneros e 2991 espécies.

A cerimónia de abertura do ano letivo de 2012/2013 marca uma nova etapa do ensino superior público.
Exegi monumentum aere perennius - Ergui um monumento mais duradouro que o bronze.
Da nova Universidade de Lisboa vê-se o mundo...

A FCUL abriu as portas do conhecimento aos alunos do Colégio Infantes de Portugal, de Palmela. Durante uma manhã, os laboratórios de Biologia e de Química e Bioquímica foram explorados por cerca de 20 crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 9 anos.

Encontra-se aberto concurso externo para o Banco de Portugal - Departamento de Supervisão Prudencial, com vista ao preenchimento de vagas de Técnico Superior para a área de supervisão

“A inovação é tipo ‘ovo de Colombo’, depois de se saber, parece fácil. Só que ‘saber’ significa um longo caminho de amadurecimento do conhecimento”, declara Maria Filomena Camões, docente do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, a propósito da atribuição da Bolsa Europeia de Excelência de Investigação.

Páginas