RESISTIR

“Todo o consórcio está expectante com o impacto do projeto”

Pormenor de análise de agrupamento multidimensional de infeções microbianas

Ricardo Dias

A Maxdata Software tem várias parcerias com o sistema científico e tecnológico português e em especial com a Universidade de Lisboa. Para Paulo Sousa, managing director e CEO da Maxdata Software, este consórcio é muito importante porque se foca num produto recente CLINIdATA® Vigilant, lançado em 2013 para a área da vigilância epidemiológica. O produto em questão deteta de forma automática infeções hospitalares, comunitárias, portanto, infeções transversais a vários hospitais.

“Com este projeto vamos conseguir dar um salto gigante, vamos conseguir detetar infeções desconhecidas, vamos ter um motor de inteligência artificial e vamos conseguir prever, detetar infeções por microrganismos ainda desconhecidos na altura de configuração do sistema, no fundo vamos permitir oferecer melhores cuidados de saúde aos cidadãos”, explica Paulo Sousa, que tem como objetivo tornar este produto uma referência a nível mundial.

“O projeto RESISTIR terá um impacto muito significativo no controlo de infeção e diminuição dos custos associados a determinadas patologias, criando condições tecnológicas para a prática de medicina de precisão na área das doenças infeciosas”. Quem o diz é Ricardo Dias, investigador do BioISI - Instituto de Biossistemas Ciências Integrativas e Cátia Pesquita, professora do Departamento de Informática e investigadora do LaSIGE - Laboratório de Sistemas Informáticos de Grande Escala.

O projeto RESISTIR, cofinanciado pelo Portugal 2020, insere-se num consórcio que reúne membros do BioISI e do LaSIGE, entidades empresariais na área de eHealth, sob coordenação da Maxdata Software e diversas instituições de saúde, como é o caso do Centro Hospitalar Lisboa Norte, cujo acordo estratégico de cooperação soi assinado em setembro deste ano. Carlos Martins, presidente do Conselho de Administração deste estabelecimento hospitalar público, realça a importância da criação deste tipo de sinergias. “Sozinhos seria mais difícil, iria demorar mais tempo, teria um custo maior e se calhar o resultado não seria com o sucesso que se antevê neste acordo (…) este tipo de sinergias deixa-nos satisfeitos”.

O projeto RESISTIR iniciou-se em abril deste ano e visa criar até abril de 2019 um sistema de informação - inovador, modular, inteligente e adaptável - para apoiar a tomada de decisão clínica no domínio da vigilância epidemiológica, resistência aos antimicrobianos, controlo de infeção e gestão hospitalar.

“Todo o consórcio está expectante com o impacto do projeto, inclusive existe um hospital norte-americano de referência que está como parceiro observador de modo avaliar o potencial de replicação do modelo para a realidade norte-americana”, referem Ricardo Dias e Cátia Pesquita.


O acordo estratégico de cooperação com o Centro Hospitalar Lisboa Norte foi assinado em setembro de 2016
Fonte ACI Ciências

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem de Ciências
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

Vale a pena recordar a iniciativa do Gabinete de Mobilidade, Estágios e Inserção Profissional da FCUL.

Fotografia de alunos a andarem, junto ao C8

A primeira edição do curso realiza-se já em 2012.

Outra forma de fazer turismo.

Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25.Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25

Páginas