Spring 2014 Risk Management Research Fellow

“Penso que concluiremos o nosso trabalho com um núcleo de resultados sólidos”

Pedro Lencastre
Cedidas por PL

“É possível, através de resultados matemáticos e modelos da física estatística aferir até que ponto as avaliações de ratings das agências são ‘objetivas’ ou não”, diz Pedro Lencastre. O aluno de Ciências premiado pela Global Association of Risk Professionals (GARP) explica que “se as avaliações refletem de facto um processo ‘natural’ na economia, as assim chamadas matrizes de rating, têm de obedecer a determinadas condições”.

Pedro Lencastre
Fonte: Cedida por PL
Legenda: “Markov Processes and Transition Matrices, How Trustful are Rating Agencies?” é o título da tese de Pedro Lencastre

“Com o dinheiro deste prémio vamos ainda apresentar o trabalho noutra conferência internacional, o que é bom para o nosso trabalho. O investigador Frank Raischel e o investigador Pedro G. Lind despenderam tanto do seu tempo comigo e com o nosso trabalho, que é bom agora ter a oportunidade de o apresentar. Não é normal um aluno de mestrado ter tanto apoio de cientistas seniores como eu tive, e nesse sentido tive imensa sorte.”
Pedro Lencastre

Recentemente, Pedro Lencastre, aluno do mestrado em Matemática Financeira de Ciências foi distinguido pela GARP Partnerships for Risk Education com o Spring 2014 Risk Management Research Fellow. O mesmo galardão foi atribuído à tese de Abena Fosua Owusu, estudante do Rensselaer Polytechnic Institute, em Nova Iorque.
 

“É uma grande honra para o Pedro ver o seu trabalho reconhecido. Ele é um estudante muito ativo, que sempre nos surpreende com ideias novas. Integrou-se muito bem no nosso projeto bilateral entre a FCT e o DAAD da Alemanha, e trabalha também, independentemente, com Tim Rogers, da Universidade Bath, em Inglaterra.”
Frank Raischel

Campus de Ciências
Fonte: Cedida por PL
Legenda: Frank Raischel, Isabel Simão, Pedro Lencastre e Pedro G. Lind

O prémio destina-se a teses de mestrado na área financeira do risco e tem como potenciais concorrentes todos os estudantes de mestrados com uma componente financeira em instituições parceiras daquela organização sem fins lucrativos, sediada nos EUA. Os vencedores deste ano além de apresentarem um ou mais seminários para uma audiência de profissionais da área de risco, passam a ser acompanhados pela GARP.

A tese de Pedro Lencastre “Markov Processes and Transition Matrices, How Trustful are Rating Agencies?” tem como principal objetivo combinar métodos da análise estocástica e da física estatística com resultados da álgebra de matrizes. Desta forma o aluno de Ciências pretende aferir se os ratings de empresas ou países publicados pelas atuais agências de rating, refletem ou não verdadeiros processos de evolução ou se, ao contrário, são resultado de artefactos e arbitrariedades circunstanciais.
 

“Foi um grande êxito para o Pedro Lencastre ter sido um de apenas dois estudantes selecionados para a atribuição de uma bolsa em 2014, neste prestigioso concurso global.”
Isabel Simão

Pedro Lencastre com colegas
Fonte: Cedida por PL
Legenda: Pedro Lencastre com membros do grupo de investigação alemão, no âmbito do programa de intercâmbio coordenado por Frank Raischel

A intenção final desta tese de mestrado é descobrir um método matemático que possa aferir objetivamente a fiabilidade das avaliações de rating. “Penso que concluiremos o nosso trabalho com um núcleo de resultados sólidos”, comenta Pedro Lencastre. Neste trabalho, o aluno tem sido orientado por Frank Raischel, investigador do Instituto Dom Luiz e por Isabel Simão, professora do Departamento de Matemática, em colaboração com Pedro G. Lind, atualmente investigador na Universidade de Oldenburgo, na Alemanha.

“O Pedro mostrou-me interesse em trabalhar nas aplicações da física estatística às finanças na altura de um artigo na info-Ciências digital sobre o trabalho de um doutorando João P. da Cruz (ler artigo). Desde então, tem sido a forca motriz no desenvolvimento destes métodos num tópico bastante atual, sempre muito dedicado e atento às novas ideias e sugestões com que nos deparamos. É um enorme prazer trabalhar com ele e com toda a equipa!”
Pedro G. Lind
 

“O que encontrámos até agora é que, embora essas condições parecem ser obedecidas durante intervalos relativamente longos, existem outros períodos onde tal não acontece. É o caso dos anos de 2007, de 2009, onde encontramos evidência de uma descontinuidade na forma como as avaliações são feitas”, conclui Pedro Lencastre.
 

A GARP, fundada em 1996 e composta por profissionais de gestão de riscos de todo o mundo, gere o Financial Risk Manager, um programa de certificação profissional na área da gestão de riscos, que pressupõe a realização de dois exames sobre os principais tópicos da gestão de riscos financeiros. De acordo com Isabel Simão, professora do Departamento de Matemática de Ciências, esses testes são “extensos e rigorosos” e em Portugal “apenas podem ser realizados no ISCTE-IUL, instituição classificada como academic partner da GARP desde 2013”. O mestrado em Matemática Financeira, criado em 2005 e organizado conjuntamente pela ISCTE Business School e por Ciências, visa a formação avançada de quadros na área dos processos estocásticos aplicados às Finanças. Os alunos de Ciências que frequentam este curso podem realizar estes exames, acedendo dessa forma a “um regime competitivo de bolsas de mestrado”, como explica Isabel Simão, uma das coordenadoras científicas do curso.

Ana Subtil Simões, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura
info.ciencias@fc.ul.pt
Um grupo de membros de Instituições do Ensino Superior, onde se inclui CIÊNCIAS, está reunido em frente a um jardim, em visita à Siemens

 A iniciativa teve como objetivo aproximar a academia do tecido empresarial.

Nuno Gonçalves alcança o segundo lugar na competição 3MT ULisboa.

Nuno Gonçalves foi distinguido com o segundo lugar, na final da competição ‘Três Minutos de Tese – 3MT ULisboa’, que se realizou esta quint

Inês Ventura

Inês Ventura, a desenvolver o seu doutoramento no Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE) e no Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (

Universidade de Lisboa

A Universidade de Lisboa alcança a 260ª posição no QS World University Rankings (SUR) 2025, tornando-se na universidade portuguesa mais bem classificada neste ranking.

Signatários do acordo

Dia 5 de junho foi assinado o acordo para a construção do espectrógrafo ANDES (ArmazoNes high Dispersion Echelle Spectrograph – Espectrógrafo Echelle de alta dispersão do Armazones), entre o Observatório Europeu do Sul (

 Luís Carriço, Diretor de CIÊNCIAS, e David Gonçalves, Dean do Instituto da Ciência e do Ambiente da Universidade de São José (USJ) assinam acordo sentados a uma mesa

CIÊNCIAS assinou no dia 5 de junho um acordo de cooperação com o Instituto da Ciência e do Ambiente da Universidade de São José (USJ), com vista à cooperação científica em várias áreas de interesse comum.

Equipa do projeto 'Ciências em Harmonia'

Esta terça-feira, 28 de maio, o projeto ‘Ciências em Harmonia’ assinalou o seu primeiro ano de atividades: um marco comemorado com um convívio informal com a comunidade, que

António Branco

António Branco, docente do Departamento de Informática de CIÊNCIAS, foi um dos oradores convidados da conferência que

Sabemos que no futuro um sismo de magnitude significativa voltará a atingir Lisboa. Não sabemos é quando. E se o pudéssemos prever? E se existisse uma probabilidade forte de ser já em 2027?

Ana Santos, finalista 3MT ULisboa

Ao longo dos próximos dias, daremos a conhecer os quatro finalistas de CIÊNCIAS que irão participar na final da competição

Painel e sessão de Perguntas & Respostas | Estreia de documentário

Perto de 120 pessoas assistiram este sábado, 25 de maio, à estreia do documentário ‘O que se esconde na luz? A ciência da missão espacial Euclid’, produzido pelo Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA).

Investigadores do Instituto Dom Luiz, de CIÊNCIAS, instalaram um sismómetro na Escola Básica Professor Delfim Santos, que se encontra a menos de um quilómetro do Estádio da Luz, em Lisboa, onde vão ter lugar os concertos.

Banner Bênção de Finalistas & Queima das Fitas 2024

Este fim de semana a Alameda da Universidade de Lisboa vai voltar a encher-se de finalistas de CIÊNCIAS e de tantas outras faculdades e universidades. A cerimónia de Bênção de Finalistas decorre amanhã dia 25 de maio, a partir das 11h30.

 

3MT ULisboa 2024

Quatro dos doze finalistas da competição ‘Três Minutos de Tese – Universidade de Lisboa’ são de CIÊNCIAS.

Pinguins-de-adélia

Num artigo agora publicado na Science, investigadores de instituições de renome a nível mundial propõem uma estratégia para envolver todas as partes interessadas na governança do Oceano Antártico através de um processo de ordenamento do espaço marinho (OEM) inteligente do ponto de vista climático.

Impressão artística da missão Euclides no espaço.

A 25 de maio (sábado), às 21h00, vamos ver e compreender as novas imagens de entre as maiores alguma vez feitas do Universo, no Grande Auditório de CIÊNCIAS (Edifício C3). A entrada é livre.

Redes Doutorais Marie Curie Projeto PROMOTE

CIÊNCIAS vai participar numa das propostas vencedoras do concurso 2023 das Redes Doutorais de Ações Marie Skłodowska-Curie (MSCA DN).

Foto de entrega de prémio aos vencedores

No âmbito do projeto Invasives e como atividade inserida na

Dia Nacional dos Cientistas - 16 de maio

O Dia Nacional dos Cientistas foi instituído em 2016 por Resolução da Assembleia da República com o objetivo de reconhecer e celebrar a contribuição vital dos cientistas para o progresso da sociedade.

CIÊNCIAS e OKEANOS em parceria para monitorizar biodiversidade e alterações dos ecossistemas marinhos

Projeto internacional SEAGHOSTS visa a monitorização e conservação das populações de painhos, as aves marinhas mais pequenas do planeta.

Reitoria da ULisboa

O CWUR 2024 avaliou de entre 20.966 instituições de ensino superior e atribuiu à ULisboa o 211.º lugar (top 1.1%) e a 80.ª posição no panorama europeu.

Pages