“O Mundo em Pessoa”

Projeto dá conta da contemporaneidade da obra de Fernando Pessoa

Fernando Pessoa em destaque nas Redes Sociais
Fotografia de Filipe Freitas

Cento e vinte e cinco anos após o seu nascimento, Fernando Pessoa, um dos maiores poetas da língua portuguesa e da literatura universal, é homenageado por professores e alunos da FCUL e por profissionais do SAPO Labs, através do projeto “O Mundo em Pessoa”.

Tendo como ponto de partida a recolha de citações da sua autoria nas redes sociais Facebook e Twitter, o objetivo do projeto é “mostrar a dimensão universal do autor e a contemporaneidade das suas obras. [Pretendemos] identificar quais os versos e frases de Fernando Pessoa que mais inspiram os seus leitores de todo o mundo e, ao mesmo tempo, conduzir todos aqueles que usam as palavras de Pessoa aos seus textos originais”, explica Francisco Couto, professor do Departamento de Informática da FCUL e coordenador do projeto.

De acordo com o comunicado emitido pelo SAPO Labs, “sempre que é citado um texto de Fernando Pessoa no Twitter ou em páginas públicas do Facebook, "O Mundo em Pessoa" identifica e mostra essa mensagem num interface próprio. Para validarmos se um texto é uma citação da obra de Fernando Pessoa recorremos a arquivos da obra do poeta disponíveis online”.


Fonte: Fotografia de Filipe Freitas
Legenda: O poeta das várias personalidades literárias marca encontro nas redes sociais com utilizadores de diferentes cantos do mundo

“O Mundo em Pessoa” surgiu no âmbito da disciplina de Aplicações na Web do mestrado em Engenharia Informática, lecionada na FCUL desde o ano letivo 2006/2007. No seu desenvolvimento estiveram envolvidos os alunos dessa disciplina - João Martins, Carlos Barata e Tiago Aparício -, os professores Francisco Couto, Luís Carriço e Tiago Guerreiro e a equipa do SAPO Labs – Pedro                Torres, Bruno Tavares, Sara Ribas, Ana Gomes - , um laboratório pertencente ao portal SAPO que ao longo dos anos se tem relacionado com diversas instituições de ensino superior com o intuito de potenciar projetos em estado embrionário, tornando-se num parceiro de desenvolvimento e investigação.

Para Pedro Torres, coordenador da equipa SAPO Labs neste projeto, a cooperação entre o laboratório e a FCUL, entre outros aspetos, foi também importante “por ter sido bem recebida pelo público e pelos media e por ter um cariz simultaneamente educacional, de diversão e interação social”.
 

O projeto foi concebido em quatro meses sendo que houve um estudo prévio sobre a vida e a obra do autor, tendo sido particularmente interessante para a equipa da FCUL a “exploração das várias "pessoas" (heterónimos) em Pessoa e a relevância dada aos seus textos (…)”.

Para os alunos da FCUL, a mais-valia deste trabalho passou por “permitir aos utilizadores do website [“O Mundo em Pessoa”] explorarem a obra de Fernando Pessoa de uma forma rápida e divertida, desde conhecerem os heterónimos mais importantes, a conhecerem quais as obras mais citadas”. Os estudantes puderam “entrar em contacto com um conjunto de pessoas, que trabalha para uma grande empresa e que desenvolve aplicações na web, uma área com elevado interesse e que poderá constituir uma oportunidade futura”.


Fonte: Cedida o Pedro Torres
Legenda: Para os alunos da FCUL, a mais-valia deste trabalho passou por “permitir aos utilizadores do website [“O Mundo em Pessoa”] explorarem a obra de Fernando Pessoa de uma forma rápida e divertida

Entre os muitos poemas e versos partilhados, “Tabacaria”, de Álvaro de Campos, ganha destaque. Vários são os utilizadores que fazem posts (publicações) nas redes sociais Facebook e Twitter com as mensagens do heterónimo, distinto pelo seu pessimismo decadentista e que o autor definia como sendo “o mais histericamente histérico de mim”, entre elas:

“Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.”

 

A ocupar o segundo lugar no top das citações (de acordo com a informação alcançada até ao dia 2 de junho), surge o poema “II – O meu olhar é nítido como um Girassol” de Alberto Caeiro, citado 119 vezes:

“Porque quem ama nunca sabe o que ama
Nem sabe por que ama, nem o que é amar ...
Amar é a eterna inocência,
E a única inocência não pensar...”

 

“Somos Morte” de Bernardo Soares, citado 17 vezes (segundo a informação obtida até ao dia 2 de junho), ocupa o terceiro lugar:

“O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela.
Povoamos sonhos, somos sombras errando através de florestas impossíveis, em que as árvores são casas, costumes, ideias, ideais e filosofias.”

Desde o lançamento do portal, o número médio de citações por semana tem oscilado entre as 500 e 700, sendo que o coordenador do projeto do SAPO Labs alerta para o facto do “algoritmo utilizado, por razões técnicas, não recolher todas as citações que aparecem nas redes sociais, não havendo, neste momento, uma estimativa da percentagem que não está a ser considerada”.


Fonte: Fotografia de Filipe Freitas
Legenda: Através do projeto, os utilizadores do website ficam não a conhecer Fernando Pessoa ortónimo, como também os seus heterónimos. Entre os muitos poemas e versos partilhados, “Tabacaria”, de Álvaro de Campos, ganha destaque.

No mês de junho, foram contabilizadas 2210 citações, sendo 479 delas pertencentes a Fernando Pessoa, 488 a Alberto Caeiro, 413 a Álvaro de Campos, 206 a Bernardo Soares e 124 a Ricardo Reis.

Bernardo Soares era, no dia 28 de junho, o mais citado com uma vantagem de mais de 200 citações face aos restantes heterónimos e a Fernando Pessoa ortónimo.

Pedro Torres afirma ainda que “a maior parte das citações são [de utilizadores registados] em Portugal e no Brasil, sendo Pessoa largamente mais citado no Brasil”.

Nos dias que correm, em que as tecnologias fazem parte do dia-a-dia dos cidadãos e em que as relações humanas se constroem também (e cada vez mais) no mundo virtual, o poeta das várias personalidades literárias marca encontro nas redes sociais com utilizadores de diferentes cantos do mundo. É neste contexto que Francisco Couto destaca a importância das redes sociais no processo de difusão da cultura portuguesa e das suas figuras emblemáticas. "Uma das razões deve-se ao facto de que as citações nas redes socias são tendencialmente pequenos excertos, de fácil leitura mas condensados na mensagem a transmitir e que podem assim, em grande escala, cativar novos leitores que de outra forma nunca o seriam. No caso concreto de Fernando Pessoa, a atualidade, a universalidade e a qualidade da sua obra fazem desta o exemplo ideal de como podemos usar as novas tecnologias para difundir a nossa cultura”, conclui.
 
A iniciativa irá continuar. Segundo Francisco Couto, entre as “muitas ideias que podem aumentar o âmbito do projeto”, a abordagem a outros autores pode ser uma realidade.

Raquel Salgueira Póvoas, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt
Lâmpada

Estudantes de Engenharia Biomédica e Biofísica da FCUL promovem reunião especializada. O Ne2b2 existe desde outubro de 2008.

Luzes

Pela primeira vez a Reitoria da UL abre as suas portas aos estudantes da cidade, organizando um evento noturno para alunos dos ensinos universitário e secundário.

A exposição está a partir de 26 de Abril no Museu Nacional de História Natural e da Ciência.

As provas de doutoramento em Biologia, especialidade de Microbiologia, da Mestre Egídia Maria Valente de Azevedo realizam-se no próximo dia 26 de Abril, pelas 10h:30 na Sala de Actos da

O grande momento do dia é a sessão solene, que inclui este ano o lançamento do segundo volume dos Professores Cientistas e a inauguração do Quadro de Honra.

Sobre Namoros e Casamentos

Jorge Buescu

Quinta-feira, dia 12 de Abril de 2012, às 18h30, na sala 6.1.36

Vela

Ricardo Leandro é o vencedor da Competição Europeia. O estudante da FCUL apresentou a melhor ideia: um coletor solar térmico de baixo custo, acoplável a um módulo fotovoltaico.

A palestra "O Princípio do Tempo" proferida por Pedro Gil Ferreira é uma das iniciativas do “VII Encontro Ibérico de Cosmologia”, que decorre em abril nas instalações da FCUL.

Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Páginas