Cooperação na ULisboa

O poder da interdisciplinaridade

Última Revisão —

A colaboração de longa data entre o CEF e o CEAUL versa a aplicação de metodologias estatísticas para a construção de mapas de risco de incêndios florestais. “Este é apenas mais um exemplo entre os muitos trabalhos do CEAUL de carácter interdisciplinar e de transferência de conhecimento. Deu-se apenas o caso deste trabalho ter tido divulgação através dos meios de comunicação social dado o interesse generalizado criado pelos trágicos acontecimentos de 2017. Esperemos que venha a ser útil no apoio à decisão”, alertam os investigadores do CEAUL.

Os incêndios florestais são uma das áreas de estudo do Instituto Superior de Agronomia (ISA) e também da Faculdade de Ciências (Ciências) da Universidade de Lisboa, nomeadamente através do Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa (CEAUL) e do Instituto Dom Luiz (IDL).

Tiago Oliveira, presidente da Estrutura de Missão para a instalação do Sistema de Gestão Integrada de Fogos Rurais, em conversa com José Miguel Cardoso Pereira, professor do ISA e coordenador do grupo ForEco do Centro de Estudos Florestais (CEF), quis saber se seria possível prever onde poderiam acontecer os maiores incêndios em 2018 e qual a sua probabilidade. Para José Miguel Cardoso Pereira a questão lançada por Tiago Oliveira é "muito relevante para a gestão florestal", resultando nesta colaboração entre as três entidades da ULisboa e cujo objetivo passa por fornecer informação técnica para apoio à decisão, ajudando a definir prioridades, tais como, por exemplo, o posicionamento de aviões de combate a incêndio pela Proteção Civil ou o planeamento das missões de patrulhamento da GNR no terreno.

Os novos mapas de risco de incêndios florestais para 2018 envolvem a colaboração de engenheiros florestais, estatísticos e climatologistas.

“Quando a base de dados ficou operacional, foi enviada ao grupo do CEAUL – Kamil Feridun Turkman, Maria Antónia Turkman, Paula Pereira e Patrícia de Zea Bermudez - para tratamento estatístico”, conta Lisete de Sousa, professora do DEIO  Ciências e coordenadora do CEAUL. Este grupo teve como objetivo resolver dois problemas: por um lado, construir mapas de risco para uma divisão de Portugal continental, através de uma grelha com 21757 células de 400 hectares cada; por outro, construir mapas de risco para fogos de grandes dimensões (acima de 1000 hectares) para a divisão de Portugal continental em concelhos. O primeiro trabalho foi divulgado recentemente por alguns meios de comunicação social.

Os investigadores do CEAUL construíram modelos estatísticos para a previsão para 2018 da probabilidade de ignição para cada célula, a probabilidade de cada célula arder mais do que 250 hectares e a probabilidade, para cada concelho, de haver pelo menos um fogo de grandes dimensões, com base nos dados fornecidos por Carlos da Camara, professor do DEGGE Ciências e investigador do IDL, no que diz respeito ao valor anual do índice de severidade meteorológica de 1989 a 2017.

“A colaboração de Carlos da Camara foi essencial para perceber como é que esse índice poderia ser utilizado na construção do modelo, o qual se veio a revelar bastante importante”, contam os investigadores do CEAUL, que destacam ainda “a comunicação constante com os membros do CEF para a afinação da base de dados e afinação final do modelo, que deu origem ao mapa; e o apoio de um grupo de Trondheim, liderado por Havard Rue, que deu permissão para usar a workstation” e dessa forma resolver problemas de hardware.

mapa
As zonas com maior probabilidade de arderem mais de 250 ha em 2018 estão indicadas a laranja e vermelho num mapa com a delimitação dos concelhos
Fonte CEF e CEAUL

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem de Ciências
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Estão abertas as inscrições para a disciplina que promove o empreendedorismo - Projeto Empresarial. Todos os alunos de mestrado ou nos dois últimos anos de mestrado integrado podem candidatar-se até dia 16 de novembro.

A FCUL, bem como toda a Universidade de Lisboa está sem acesso à Internet desde cerca das 11:45 da manhã.

Professora Olga Pombo, autora do livro "O Círculo dos Saberes"

“Estou convencida que a imagem do círculo constitui um arquétipo, uma determinação conceptual prévia a toda a investigação”, defende Olga Pombo, docente na FCUL e autora do livro “O Círculo dos Saberes”.

Imagem ilustrativa do livro "O Círculo dos Saberes"

“A apresentação do livro seguirá um formato sério e discreto. O professor Shahid Rahman fará uma apresentação e apreciação do livro e eu agradecerei todas as suas palavras, sejam elas elogiosas, sejam críticas", afirma a autora Olga Pombo.

Trial para todos os Membros da b-on.

Pessoas a correr junto ao Marquês de Pombal

A primeira Corrida da Ciência aconteceu o ano passado por ocasião das celebrações dos 100 anos da FCUL. A edição deste ano integra-se na 2.ª Edição do AmbientALL – Universidade em Movimento.

O concurso de programação destina-se a alunos universitários e este ano junta 16 equipas, oriundas de oito instituições universitárias portuguesas. A equipa da FCUL chama-se BigO(1).

Imagem da professora Maria José Boavida

“Colega amiga”, “orientadora empenhada e humanista” e “investigadora solidária”, assim se recorda Maria José Boavida (1948 – 2012).

Desenho do campus da FCUL

As tabelas e notas científicas, assim como as regras elementares de segurança em laboratórios são algumas das mais-valias deste “livro”.

A fim de cumprir com o estabelecido no Regulamento Eleitoral, o Caderno Eleitoral para a eleição do Presidente do Departamento de Estatística e Investigação Operacional está disponível para consulta.

 O projecto CAMPUS UL realizado pelos alunos de mestrado em Engenharia Geográfica no âmbito das disciplinas de Fotogrametria Analítica e de Produção Cartográfica ganhou o segundo prémio no concurso internacional de projectos com fins educativos

lâmpada

"Criar, transferir e valorizar economicamente o conhecimento científico" é a causa primária do renovado centro de inovação, situado no campus da FCUL.

Hoje, quarta-feira, dia 10 de Outubro de 2012, registou-se uma quebra no acesso à Internet pelas 17h00 por cerca de 5 minutos.

A causa foi externa à Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e ainda não fomos informados das suas causas.

Estão abertas três vagas para bolseiros para a Unidade de Informática

Imagem do professor J. Sebastião e Silva

O Departamento de Matemática da FCUL apresenta obras selecionadas de personalidades da nossa história, nomeadamente os Compêndios de Matemática e os respetivos Guias para professores de José Sebastião de Silva, cujos direitos patrimoniais foram cedidos à Faculdade por um período de 30 anos.

Devido a uma avaria no equipamento de Videoconferência, o serviço encontra-se interrompido por tempo indeterminado. Pedimos desculpa pelo incómodo causado.

Alunos aguardam a sua vez na fila para as inscrições

Este ano, durante a 1.ª fase de inscrições, foi realizado um inquérito a 845 estudantes. De acordo com os resultados obtidos, o reconhecimento da competência científica (25%), a localização (22%) e a nota de candidatura (22%), foram determinantes na escolha da FCUL.

Abertura de Concurso para uma posição de substituição de Doutor Ciência na CFNUL na área Física Nuclear – Reações Nucleares, ver anúncio em http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx?task=global&job

A FCUL dá as boas-vindas aos novos alunos, após o arranque do novo ano letivo, a 17 de setembro.

Filipe Duarte Santos - Professor Catedrático e Jubilado do Departamento de Física e Director do SIM

Imagem de perfil de Maria Filomena Camões, professora do DQB-FCUL

Maria Filomena Camões, professora do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, assina um artigo sobre a criação do Instituto Nacional de Metrologia da Colômbia e a inauguração de um laboratório do qual é madrinha.

Guiomar Evans - Prof. Auxiliar do Departamento de Física e Investigadora do Centro de Física da Matéria Condensada

A missa do 30.º dia em memória de José Manuel Pires dos Santos, professor aposentado do Departamento de Informática da FCUL, realiza-se a 11 de setembro, pelas 19h00, na Igreja da Luz, em Carnide.

Páginas