Jobshop Ciências 2017

PREPARA-TE e ATUA

Esclarecimento de dúvidas através do contacto pessoal com empresas, workshops, treino de entrevistas de emprego e análises de currículos foram algumas das atividades que marcaram os dois dias

ACI Ciências

Na Jobshop o universo das temáticas de estudo de Ciências aparece representado por empresas. Do lado de quem esclarece dúvidas não se encontram professores, mas sim empregadores.

E o objetivo é esse mesmo, o de “promover o contacto entre o mundo empresarial, a área internacional, o setor público e os estudantes finalistas e recém-graduados dos vários cursos de Ciências”, explica a equipa organizadora do evento.

Em 2017 esta feira de emprego organizou-se em duas etapas, a primeira em 20 e 21 de abril - PREPARA-TE -, no qual se realizaram vários workshops formativos a cargo do TecLabs, Gabinete de Apoio Psicopedagógico (GAPSI), Gabinete de Empregabilidade e AEFCL; a segunda – ATUA em 27 e 28 de abril -, marcada por atividades de interação com as empresas em stands, workshops, contacto e conversas com antigos alunos de Ciências já inseridos no mercado de trabalho e momentos de interação entre entidades empregadoras e alunos.

“É muito importante para nós, enquanto empresa, ter contacto com aqueles que vão ser os profissionais do futuro. É importante estarmos aqui para que eles possam ter interesse pelas áreas de atuação da nossa empresa e para que, desta forma, haja a possibilidade de virem a colaborar connosco. Estamos à procura de novos talentos”, diz Isa Lopes, client manager da empresa Habber Tec, que recrutou três estudantes de Ciências para aí trabalharem, na edição de 2016 da JobShop.

Accenture, Bee Engineering, Deloitte Digital, EDP, Ernst & Young, Grupo Lusiaves foram algumas das empresas presentes.

Para além do aumento do número de participantes no evento, quer de empresas quer de estudantes que procuram informações, Cristina Catita, professora do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia e membro da equipa organizadora do evento, mostrou-se satisfeita pelo facto de haver cada vez mais empresas a recrutar em diferentes áreas de ensino da Faculdade.

“Falei com profissionais da Lusiaves e ao contrário do que pensei, que apenas deveriam vir contratar estudantes da área da Química, explicaram que pela dimensão que a empresa tem o objetivo é recrutar pessoas de Ciências em qualquer área. E isto, para nós, é muito importante”, exemplificou a professora.

 

Mais informações e apoio na procura de emprego:

Emprego (área) – https://ciencias.ulisboa.pt/pt/emprego
Portal de emprego - http://emprego.fc.ul.pt/
Tel.: (+351) 217 500 457 | Ext. 25313 / 25338  
E-mail: emprego@ciencias.ulisboa.pt

Raquel Salgueira Póvoas, Área de Comunicação e Imagem
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
<i>Jobshop</i> Ciências

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

Vale a pena recordar a iniciativa do Gabinete de Mobilidade, Estágios e Inserção Profissional da FCUL.

Fotografia de alunos a andarem, junto ao C8

A primeira edição do curso realiza-se já em 2012.

Outra forma de fazer turismo.

Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25.Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25

O Encontro decorreu em Junho no GeoFCUL.

Páginas