Academia das Ciências de Lisboa elege Cristina Branquinho e Isabel Trigo correspondentes nacionais

Última Revisão —
Logotipo da ACL

A 6 de julho a ACL presta homenagem aos ilustres académicos e ao seu empenho em impulsionar a investigação, a inovação e o progresso em diversas áreas do saber

No próximo dia 6 de julho, a ACL celebra o seu dia, uma data em que se assinala o compromisso contínuo com o avanço do conhecimento científico e a promoção da excelência académica; e em que se presta também homenagem aos ilustres académicos e ao seu empenho em impulsionar a investigação, a inovação e o progresso em diversas áreas do saber.

Cristina Branquinho e Isabel Trigo foram eleitas em 2023 respetivamente sócias correspondentes nacionais da Classe de Ciências -  Ciências Biológicas e Ciências da Terra e do Espaço – da Academia das Ciências de Lisboa (ACL).

“Foi com imensa gratidão e honra que recebi a notícia de ter sido eleita sócia correspondente da prestigiada Academia das Ciências de Lisboa. É um privilégio poder fazer parte desta instituição que representa um dos mais altos níveis de excelência académica e científica em Portugal”, diz Cristina Branquinho que agradece a confiança dos membros da Academia e também dos seus professores, colegas, colaboradores e alunos, que a inspiraram e apoiaram ao longo dos anos. “Estou verdadeiramente honrada em fazer parte da Academia das Ciências de Lisboa e ansiosa por poder contribuir, neste contexto, para o avanço da ciência e a disseminação do conhecimento”, conclui.

Isabel Trigo
Isabel Trigo
Imagem cedida por IT

Também para Isabel Trigo é “uma grande honra ser aceite por uma instituição com o legado da ACL”, recordando nesta ocasião o professor Pinto Peixoto, presidente da ACL nos anos 1981, 1983, 1985, 1987, 1989, 1991, 1993, 1995 e que inspirou várias gerações de geofísicos e meteorologias formados na Ciências ULisboa. “Integrar a ACL é uma grande responsabilidade. Mas acima de tudo, considero ser uma enorme motivação para prosseguir o meu trabalho (com a preciosa ajuda da minha grande equipa do IPMA e dos meus colegas do IDL) e para aprofundar o diálogo interdisciplinar entre pares e a divulgação da Ciência na sociedade”, conclui.

Isabel Trigo coordena o Núcleo de Observação da Terra no IPMA, onde desenvolve aplicações de dados de satélite. “Procuramos ‘traduzir’ observações no topo da atmosfera em variáveis como a temperatura da superfície, a identificação e caracterização de fogos rurais, em variáveis relacionadas com o estado e/ou stress hídrico da vegetação, entre muitas outras, que nos permitem acompanhar e modelar o Sistema Terra”, explica Isabel Trigo. O seu trabalho sustenta vários serviços operacionais, de processamento de dados de satélite, nomeadamente para a organização europeia para a exploração de satélites meteorológicos – EUMETSAT - e para o programa europeu Copernicus.

Cristina Branquinho
Cristina Branquinho
Imagem cedida por CB

Cristina Branquinho encontra-se atualmente envolvida em vários projetos científicos e académicos. Está a coordenar na Faculdade o mestrado em Design para a Sustentabilidade e envolvida na preparação de um novo mestrado no Departamento de Biologia Vegetal. Está ainda a coordenar diversos projetos científicos onde se destaca o projeto financiado pelo PRR AdaptForGrazing. Coordena ainda no cE3c a linha temática: Infraestruturas verdes e azuis para a sustentabilidade urbana e no Laboratório Associado CHANGE a linha temática 3: Assegurar a conservação e regeneração dos recursos naturais.

Ana Subtil Simões, Gabinete de Jornalismo Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Pinguins-de-adélia

Num artigo agora publicado na Science, investigadores de instituições de renome a nível mundial propõem uma estratégia para envolver todas as partes interessadas na governança do Oceano Antártico at

Impressão artística da missão Euclides no espaço.

A 25 de maio (sábado), às 21h00, vamos ver e compreender as novas imagens de entre as maiores alguma vez feitas do Universo, no Grande Auditório de CIÊNCIAS (Edifício C3). A entrada é livre.

Redes Doutorais Marie Curie Projeto PROMOTE

CIÊNCIAS vai participar numa das propostas vencedoras do concurso 2023 das Redes Doutorais de Ações Marie Skłodowska-Curie (MSCA DN).

Foto de entrega de prémio aos vencedores

No âmbito do projeto Invasives e como atividade inserida na

Dia Nacional dos Cientistas - 16 de maio

O Dia Nacional dos Cientistas foi instituído em 2016 por Resolução da Assembleia da República com o objetivo de reconhecer e celebrar a contribuição vital dos cientistas para o progresso da sociedade.

CIÊNCIAS e OKEANOS em parceria para monitorizar biodiversidade e alterações dos ecossistemas marinhos

O projeto foca-se em seis espécies que nidificam no Atlântico Norte, cuja ecologia e até a taxonomia são muito pouco conhecidas, por serem muito difíceis de estudar: estas aves são exclusivamente noturnas em terra, não pesam mais que 50 gramas e nidificam em pequenas cavidades em rochas ou solo.

Reitoria da ULisboa

O CWUR 2024 avaliou de entre 20.966 instituições de ensino superior e atribuiu à ULisboa o 211.º lugar (top 1.1%) e a 80.ª posição no panorama europeu.

Fotografia de participantes na Training School

Realizou-se em Portugal, mais precisamente em CIÊNCIAS, no CE3C, de a 6 a 9 de maio a training school

Participantes no Dia Aberto

O campus ganhou vida, cor e energia proveniente do entusiasmo dos cerca de 2000 alunos de 170 escolas de norte a sul do País.

CIÊNCIAS esteve presente nesta edição, com a participação dos docentes do Departamento de Física: Alexandre Cabral, no painel de abertura “À conversa sobre carreiras espaciais” e

Semana Internacional da Compostagem

Uma das transformações necessárias às entidades que querem progredir pelo caminho da sustentabilidade é fecharem os seus ciclos de materiais, nomeadamente o orgânico.

A VicenTuna - Tuna da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa - completou 30 anos em janeiro de 2024. Para comemorar, realizou no dia 30 de abril de 2024, a Festa da Primavera, um espetáculo de música e divertimento dedicado à comunidade de CIÊNCIAS e ao público em geral.

Celebrações dos 50 anos do 25 de abril de 1974 da Academia das Ciências de Lisboa

A 9 de maio realiza-se a segunda de duas jornadas de debate académico e científico organizadas pela Academia das Ciências de Lisboa, que tem por objetivo ‘analisar e discutir a evolução do panorama científico português de forma prospetiv

Lançamento do projeto Barrocal-Cave marca um novo capítulo na Conservação da Biodiversidade em Portugal

O prestigiado Palácio Gama Lobo foi o cenário escolhido para o lançamento do projeto Barrocal-Cave, financiado pelo Prémio Fundação Belmiro de Azevedo 2023.

No passado dia 10 de abril, tivemos a honra de receber um grupo de estudantes e dois professores da Universidade de Leiden, na Holanda. Com um total de 40 estudantes, todos da área das bio farmacêuticas, a visita prometia ser entusiástica.

Miguel Pinto

No dia 29 de abril, Miguel Pinto visitou a Escola Básica Professora Aida Vieira, no Bairro Padre Cruz em Lisboa, para realizar oficinas de divulgação científica e atividades didáticas.

Fotografia de alguns dos oradores

O que é a sustentabilidade? Como podemos agir a nível local, procurando um impacto global? Estas e muitas outras questões marcaram a segunda edição da Semana da Sustentabilidade CIÊNCIAS, entre 15 e 19 de abril de 2024.

Grande Auditório durante a celebração do 113.º aniversário de CIÊNCIAS

Mais de 500 pessoas assistiram no Grande Auditório à celebração do 113.º aniversário de CIÊNCIAS, na passada terça-feira, 23 de abril, numa cerimónia marcada por distinções, homenagens e um balanço dos últimos meses, com os olhos postos no futuro. 

Buracos negros Gaia

Um grupo de cientistas descobriu um grande buraco negro, com uma massa quase 33 vezes superior à massa do Sol, escondido na constelação de Aquila, a menos de 2000 anos-luz da Terra, ao analisar a grande quantidade de dados da missão Gaia da ESA.

Alunos com mãoes no ar num sala de aula

É possível brincar com a Matemática e prova disso foram as várias atividades que se realizaram na Faculdade nos dias 13 e 14 de março de 2024. Março foi um mês dedicado a esta ciência, motor da sociedade. Leia a opinião de quem participou nestas atividades e ainda nas Jornadas de Matemática.

robot e criança

Ecossistema de grandes modelos de linguagem de IA Generativa para a língua portuguesa foi expandido com novas versões dos modelos Albertina e Gervásio.

Participantes da 1.ª edição do JAB

A 1ª edição do JAB, um evento inovador destinado a jovens empreendedores, organizado pela JUST - Júnior Iniciativa de Ciências ocorreu nos dias 22 e 23 de março passado e teve como foco a Educação de Qualidade, quarto Objetivo de Desenvolvimento Sustentável.

Pessoas

Uma comitiva da Shanghai Ocean University (SHOU), cuja origem remonta à Escola de Pesca da Província de Jiangsu, fundada em 1912, visitou Ciências ULisboa no passado dia 25 de março. Wang Hongzhou, presidente do Conselho da universidade chinesa, elogiou o avanço da investigação realizada na Ciências ULisboa, destacando as boas práticas de gestão, interdisciplinaridade e foco na missão. Durante a ocasião, Luís Carriço, diretor da Ciências ULisboa, reconheceu a importância das relações bilaterais com a China.

Páginas