Astronomia e Astrofísica

Lançamento de livro de David Sobral acontece na Faculdade

Última Revisão —
Estrelas

Qual é o nosso lugar no Universo? A resposta a esta e tantas outras questões encontra-se no livro de David Sobral, cujo lançamento acontece a 19 de maio

Storyblocks

Qual é o nosso lugar no Universo? A resposta a esta e tantas outras questões encontra-se no livro do astrofísico David Sobral, que em 2015 descobriu a galáxia CR7, a mais brilhante do Universo, e que está disponível nas livrarias a partir desta terça-feira e tem lançamento marcado para esta quinta-feira, 19 de maio, pelas 18h30, no campus da Faculdade, no edifício C6, anfiteatro 6.1.36.

A obra editada pela Editorial Planeta vai ser apresentada pelos cientistas Carlos Fiolhais e Francisco S. N. Lobo.

Estaremos sozinhos no Universo? O que existe para além da Terra? O Universo é infinito? Quantas galáxias existem? As estrelas vivem para sempre? De onde vimos, afinal? Qual é o nosso lugar no Universo? Estas são algumas das perguntas a que David Sobral tenta responder neste livro que procura levar o leitor numa viagem cósmica pelo mundo da Astronomia em busca das origens.

Há cerca de 110 anos só existia uma galáxia no Universo. Hoje sabe-se que existem mais de dois biliões de galáxias. Em 1995 não era conhecido um único planeta fora do sistema solar a rodar à volta de uma outra estrela. Desde então, descobriram-se mais de quatro mil, e identificaram-se, até, candidatos a planetas como a Terra, com distâncias das suas estrelas que os podem tornar potencialmente habitáveis. Hoje, sabe-se mais, mas há ainda muito por descobrir segundo nota de imprensa da editora.

Astrónomo e astrofísico na área da Astrofísica Extragalática e Cosmologia Observacional e professor de Astrofísica na Universidade de Lancaster, no Reino Unido, David Sobral descobriu em 2015 a galáxia CR7, a mais luminosa do Universo primordial.

capa de livro
Capa do livro

“Quando descobri a CR7, juntamente com o Jorryt Matthee, o Sérgio Santos e o Behnam Darvish, tinha já feito e participado em diversos comunicados de imprensa. Tinha dado imensas entrevistas. No entanto, a descoberta da CR7, sobretudo pelo nome ou pelas siglas, iria acabar por chegar a muito, muito mais gente, não só em Portugal como por todo o mundo. Na altura, em 2015, o ESO estimou que a descoberta tenha chegado a cerca de 100 milhões de pessoas. A CR7 existiu tal como a vemos hoje há quase 13 mil milhões de anos, mas tinha já quase um décimo da quantidade de estrelas que a nossa galáxia tem. Talvez à volta de dez mil milhões de estrelas. Hoje, se conseguíssemos ver a CR7, veríamos uma galáxia como a M87, a famosa galáxia elíptica que se deixou fotografar com um telescópio do tamanho da Terra e que nos mostrou o seu buraco negro supermassivo. […]. Em 2015, a CR7 era uma descoberta inesperada por imensas razões. Era – e continua a ser – a galáxia mais brilhante em emissão Lyman-alfa do Universo primitivo. É uma das mais brilhantes no ultravioleta. Para o meio não científico, a CR7 tornou-se famosa porque partilhava a sigla com o Cristiano Ronaldo. Isso fazia com que o Ronaldo, para além de ser do outro mundo, também tivesse uma galáxia”, excerto do livro que será apresentado no próximo dia 19 de maio, na Faculdade, uma instituição que diz muito ao autor, já que foi na Ciências ULisboa que se licenciou em Física, em 2007, tendo sido ainda investigador no Observatório Astronómico de Lisboa e professor no Departamento de Física (DF) da Ciências ULisboa, entre 2014 e 2016.

Vale a pena ler "Cosmos em português", um artigo da autoria de Carlos Fiolhais, publicado na edição do Jornal de Letras de 18 de maio, sobre este livro e um outro "O Universo", da coleção de ensaios da Fundação Francisco Manuel dos Santos, da autoria do cosmólogo Paulo Crawford, professor aposentado do DF Ciências ULisboa. "(...) Os dois autores têm evidente talento para divulgarem a ciência que tão bem conhecem e fazem. (...) Os dois livros mostram que o Cosmos não só pode ser contado em português, como pode ser descoberto na língua de Álvaro de Campos. Basta sonhar e perseguir o sonho", escreve Carlos Fiolhais. Destaque ainda para a entrevista a David Sobral a propósito deste livro no programa "A nossa tarde", da RTP1.

GJ Ciências ULisboa com Editorial Planeta
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

A festa dos finalistas de Geologia juntou familiares, amigos, colegas e professores.

Conforme o despacho D/101/2012,  as eleições para a Presidência do Departamento de Informática, irão decorrer entre 3 e 5 de Julho de 2012 na secretaria do departamento.

 

Estão abertas as inscrições para o ‘Mestrado em Matemática para Professores’ (1ª fase de candidaturas até dia 15 de Junho)

 

No âmbito do nº 3 do artigo 9º do Regulamento Eleitoral, e de acordo com o calendário de eleições para Presidentes dos Departamentos, já se encontra disponível o 

A Eleição do Presidente do Departamento de Biologia Animal terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012 na Secretaria do Departamento

A inscrição nos exames dos dias 4 e 5 de junho podem ser excecionalmente realizadas até às 23h59m de 1 de junho.

A eleição do Presidente do DBV  terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012

Matéria escura

Um grupo de 19 cientistas, 14 deles investigadores do Centro de Física Nuclear da UL e do Instituto Tecnológico e Nuclear da UTL, publicaram recentemente novos resultados que contrariam as alegadas descobertas sobre a matéria escura.

PSMR2012 Conference

Estudante de doutoramento no IBEB ganha prémio para o melhor Poster

Tomás Aquino

Bolseiro do CFMC distinguido pela Fundação Calouste Gulbenkian

Imagem de Kairos em pedra

O próximo e quinto número da revista do Centro de Filosofia das Ciências da UL é lançado em novembro. A submissão de textos termina a 30 de setembro.

Encontra-se aberto concurso para bolsa de estágio na área de suporte aos laboratórios letivos e de investigação do Departamento de Informática da Faculdade de Ciências.

Simulação de uma proteína

Quatro lições sobre proteínas.  As investigadoras Maria José R. Gomes e Patrícia Faísca apresentam quatro razões para não faltar à quinta iniciativa do projeto Ciência na UL.

O Dr. Rui Lopes ex-aluno do Departamento de Informática e investigador no LASIGE, actualmente a trabalhar na Google, foi um dos responsáveis da equipa de desenvolvimento do doodle de hoje (23 de Maio).

A Investigação dos Doutores de Amanhã

Lâmpada

"O objetivo é partilhar com os colegas das outras faculdades a experiência que tivemos, e estamos a ter, com a implementação do modelo de gestão por objetivos, assente na identificação dos processos", diz Ana Rocha, secretária-coordenadora da FCUL.

Vários círculos com várias cores

A reunião de entrada livre e sujeita a prévia inscrição inclui sessões plenárias e workshops sob o tema genérico “Prosseguir a excelência, promovendo as competências da UL”.

Produtos alimentares

“Partilhar o que se tem pode ser um convite a algum sacrifício – mas a solidariedade não pode ser só um sentimento, tem de ser um compromisso de ação”, refere Graça Vieira, professora aposentada da FCUL, a propósito da campanha "Vamos dar com o coração".

Plantas em vasos

Hoje é um dia fascinante. Dia de nos fascinarmos com as plantas, com a sua beleza, com o que nos dão, e nos possibilitam – a vida tal como a conhecemos.

Flor sujeita a tratamento para expressão de um gene

Nesta época do ano, não há nada que mais nos descanse o espírito como um campo repleto de cores: branco, amarelo, lilás, vermelho, com flores de diferentes tamanhos e odores.

Seminário do DF

Anúncio de Seminário do DF

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 (uma) Bolsa de Investigação, no âmbito do projecto de investigação “Erro de não-resposta nas sondagens telefónicas com telemóveis: causas, efeitos e correcçã

Para marcar uma visita ao novo lugar destinado ao estudos das ciências e das artes basta telefonar ou enviar um email.

Fascination of Plants Day - 18 de maio de 2012.

Páginas