Alumnus Engenharia da Energia e Ambiente

A história de Adyler Frota

2.º prémio das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP

1.ª edição das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP

A dissertação premiada da autoria de Adyler Frota foca-se no desenvolvimento de uma estratégia para aumentar a captura de luz em amostras de silício cristalino

Imagem cedida por JS

26.ª edição dos Prémios REN

Melhor tese de doutoramento
Prémio bienal (€30 mil)
“Modelos de difusão no planeamento e políticas dos sistemas elétricos”
Fabian Heymann

Melhor tese de mestrado
1.º prémio (€25 mil)
"Optimal Power Flow robusto”
Pedro Gonçalo da Silva
2.º prémio (€15 mil)
“Comparação entre o reforço tradicional das redes e o uso da flexibilidade Distributed Energy Resources”
Tiago José Torres
3.º Prémio (€10 mil)
“Aplicação do Modelo de Controle Preditivo na direção das esteiras: abordagem de decomposição do modo dinâmico Koopman”
Nassir Rodrigues Cassamo

1.ª menção honrosa (€2.500)
“Viabilidade da energia eólica para a produção de hidrogénio: o caso de estudo da WindFloat Atlantic”
Tiago José Lucas
2.ª menção honrosa (€2.500)
“Uso de sistemas de armazenamento de energia em mercados de eletricidade”
Inês Reis Gaspar

1.ª edição das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP

Categoria jovens estudantes
1.º Prémio (€5.000)
“Otimização do trânsito de potência da rede Média Tensão (MT) com tecnologia de armazenamento na Ilha do Sal (Cabo Verde)”
Denis Albertino dos Santos
2.º Prémio (€2.500)
“Otimização do desempenho ótico de amostras de silício cristalino por MACE”
Adyler Frota
Categoria mulheres investigadoras
1.º Prémio (€5.000)
“Controle de um retificador regenerativo PWM trifásico”
Felicidade Pemba Kinzo Garcia
2.º Prémio (€2.500)
“A sustentabilidade do desenvolvimento em Cabo Verde no contexto dos pequenos Estados insulares: A Política Pública de Energia”
Luzia Mendes Oliveira

“Além da sua perene boa disposição, [Adyler Frota] tem uma disciplina de trabalho que infelizmente hoje é rara. Apesar de trabalhar todas as noites para pagar os estudos. Todos os dias aparecia bem-disposto e à hora combinada para fazer o trabalho de dissertação de mestrado, desenvolvido no contexto do projeto de investigação ‘TACIT - Células Solares Tandem Melhoradas Oticamente’.”
José Silva

Adyler Frota,  alumnus do mestrado integrado em Engenharia da Energia e Ambiente, foi galardoado este mês com o 2.º prémio das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP, na categoria jovens estudantes, pela tese “Otimização do Desempenho Ótico de amostras de silício cristalino por Metal Assisted Chemical Etching (MACE)”.

“Este prémio tem grande valor para mim, representa esforço e dedicação. A nossa força e vontade ultrapassam qualquer tipo de barreira”, diz o jovem, que atualmente trabalha na Livre Power, uma pequena empresa em crescimento na área das energias renováveis, uma experiência que tem permitido adquirir conhecimentos também ao nível da gestão.

Adyler Frota terminou o curso na Ciências ULisboa em 2020, antes já havia concluído uma formação como técnico de instalação de painéis solares. Escolheu este mestrado integrado porque pretendia aprofundar conhecimentos na área das energias renováveis.

“Na minha ilha - São Tomé e Príncipe - temos grandes problemas… Nada mais me daria prazer do que poder contribuir para melhorar o sector da energia elétrica”, conta o antigo aluno que gostou muito de estudar na Ciências ULisboa, não só pelas amizades que fez, como pelo acolhimento que recebeu, agradecendo especialmente aos “excelentes professores orientadores” do DEGGE e IDL Ciêncas ULisboa -  José Silva e Ivo Costa - o rigor, mas também o facto de serem “pessoas ‘cinco estrelas’, o que torna qualquer ambiente de trabalho mais saudável e produtivo”.

1.ª edição das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP

Em 2021 a Redes Energéticas Nacionais (REN) associou-se ao Centro Ciência LP e à Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) para atribuir, pela primeira vez, estas medalhas destinadas a reconhecer e valorizar trabalhos de investigação realizados por jovens oriundos de países africanos de língua oficial portuguesa (PALOP), nas áreas da Energia e da Transição Energética.

Com uma periodicidade bianual, a 1.ª edição deste galardão teve mais três premiados: na categoria jovens estudantes, o 1.º lugar foi para Denis Albertino dos Santos; na categoria mulheres investigadoras, Felicidade Pemba Kinzo Garcia foi a vencedora, seguindo-se Luzia Mendes Oliveira.

A cerimónia de entrega das Medalhas de Mérito Científico REN - Ciência LP aconteceu no passado dia 6 de dezembro, na sede da Impresa, durante a 26.ª edição dos Prémios REN,  que visam distinguir as melhores teses de doutoramento e de mestrado realizadas em Portugal nas áreas da Energia. Este ano foram entregues quatro prémios e duas menções honrosas, na presença de Rodrigo Costa, presidente da REN, Manuel Heitor, ministro da Ciência e Tecnologia, João Galamba, secretário de estado adjunto da Energia, entre outras personalidades.

O Expresso publicou uma notícia sobre o evento, bem como uma reportagem multimédia com testemunhos dos participantes, incluindo de Adyler Frota. A cerimónia foi transmitida em direto na rede social do Expresso.

“Otimização do desempenho ótico de amostras de silício cristalino por MACE”

A dissertação premiada da autoria de Adyler Frota foca-se no desenvolvimento de uma estratégia para aumentar a captura de luz em amostras de silício cristalino, tendo em vista o aumento da eficiência de conversão dos sistemas fotovoltaicos baseados em silício cristalino.

Para José Silva, orientar Adyler Frota foi muito gratificante.  “Além da sua perene boa disposição, tem uma disciplina de trabalho que infelizmente hoje é rara. Apesar de trabalhar todas as noites para pagar os estudos. Todos os dias aparecia bem-disposto e à hora combinada para fazer o trabalho de dissertação de mestrado, desenvolvido no contexto do projeto de investigação ‘TACIT - Células Solares Tandem Melhoradas Oticamente’”, menciona o cientista.

“A maior alegria foi ter conhecido pessoas maravilhosas na Ciências ULisboa que esperavam por mim para estudar."
Adyler Frota

“A maior alegria [do percurso académico] foi ter conhecido pessoas maravilhosas que esperavam por mim para estudar”, conta Adyler Frota, mencionando também que teve imensas dificuldades, quando partiu o pé durante uma partida de futebol com amigos, no pavilhão da Cidade Universitária. “Pensei em desistir, mas ultrapassei”, diz o jovem que acredita que “o caminho faz-se caminhando”.

Para pertencer à Rede Alumni Ciências ULisboa, visite o site da Faculdade e faça o seu registo.

Para os orientadores de Adyler Costa o trabalho realizado pelo aluno foi muito importante para o progresso do projeto TACIT e possibilitou até uma comunicação na conferência europeia de energia solar fotovoltaica. Os orientadores salientam ainda a sua capacidade de integração na equipa de investigação. “Foram-lhe atribuídas tarefas necessárias ao desenvolvimento do projeto, cumpriu-as sempre no prazo solicitado”, refere José Silva.

O foco principal da tese premiada passou por texturizar amostras de silício cristalino com recurso à técnica MACE, isto é, gravura química assistida por metal. A ideia deste método é usar um metal nobre, neste caso, a prata (Ag), para catalisar localmente a reação de gravura realizada num banho químico de peróxido de hidrogénio (H2O2) e ácido hidrofluorídrico (HF).

“São criadas texturizações mais profundas, que reduzem significativamente a refletividade da superfície, produzindo aquilo que é normalmente denominado de black silicon, aumentando assim a quantidade de luz captada e potenciando um aumento de eficiência das células solares de silício cristalino”, conclui José Silva.

Processo MACE
Ilustração do processo MACE
Imagem cedida por JS

Ana Subtil Simões, Área Comunicação e Imagem Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Fernando Antunes, João Pires da Silva e Fadhil Musa

A Delox, a spin-off do Tec Labs – Centro de Inovação da Ciências ULisboa, acaba de anunciar a angariação de 750 mil euros de financiamento para desenvolver as etapas necessárias até ao início da comercialização do novo sistema de biodescontaminação.

Estrelas

Qual é o nosso lugar no Universo? A resposta a esta e tantas outras questões encontra-se no livro do astrofísico David Sobral, que em 2015 descobriu a galáxia CR7, a mais brilhante do Universo, e que está disponível nas livrarias a partir desta terça-feira e tem lançamento marcado para esta quinta-feira, 19 de maio, pelas 18h30, no campus da Faculdade, no edifício C6, anfiteatro 6.1.36.

grande auditório da Faculddade com pessoas

O livro “ESPRESSO: Uma Aventura no Deserto de Atacama”, da autoria dos cientistas Alexandre Cabral  e Nuno Cardoso Santos, foi apresentado ao público numa cerimónia ocorrida no grande auditório da Faculdade no passado dia 14 de maio. A obra bilingue e gratuita dá a conhecer a aventura tecnológica e humana da construção do ESPRESSO, com fotografias e memórias criadas no deserto mais seco no mundo, no Chile.

logotipo radar

Vigésima terceira rubrica Radar Tec Labs, dedicada às atividades do Centro de Inovação da Faculdade. A empresa em destaque é a NBI – Natural Business Intelligence.

pessoas observam a exposição

“De Lisboa para os Trópicos” é o nome da mais recente exposição da Ciências ULisboa, patente no átrio do edifício C6 desde 21 de abril e que vai estar em exibição até ao próximo dia 21 de junho. A mostra itinerante de fotografias assinala o 2.º aniversário do Colégio Tropical, uma unidade transversal da ULisboa.

Logotipo CHI 2022

A principal conferência internacional dedicada aos fatores humanos em sistemas computacionais distinguiu com a classificação de melhor apresentação 25 papers, destaque para o paper "Investigating the Tradeoffs of Everyday Text-Entry Collection Methods" sobre as vantagens e desvantagens de vários métodos de introdução de texto.

Margarida Amaral

Margarida Duarte Amaral dirigiu o Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (BioISI) durante oito anos. Esta entrevista é sobre o passado, o presente e o futuro e como “o todo é maior do que a simples soma das suas partes”.

pin sobre palavra credit

Conceição Freitas, presidente do Conselho Científico da Ciências ULisboa, escreve sobre a prestigiante subida da ULisboa no Center for World University Rankings e no SCImago Institutions Rankings.

4 fotografias da envolução do terreno

Life Ribermine é o nome de um projeto ibérico responsável pelo restauro geomorfológico de minas em Portugal e Espanha. A  Associação Centro Ciência Viva do Lousal, da qual Ciências ULisboa é associada fundadora, é o único parceiro português do projeto.

Saco com logotipo da jobshop em destaque

A XII edição da Jobshop Ciências 2022 - a feira anual de emprego da Ciências ULisboa realiza-se nos próximos dias 11 e 12 de maio, no campus da Faculdade, no Campo Grande. Cerca de 80 entidades participam nesta edição e poderão contactar diretamente os estudantes, graduados e pós-graduados da Faculdade em stands, workshops e sessões de recrutamento. Além de empresas, também participam no acontecimento unidades de I&D da Faculdade.

Vários edificos - imagem com duas cores

Com foco na posição de Portugal em comparação com os restantes países europeus, a rubrica "Dados Contados" abordou temas como educação, desigualdade salarial, direitos LGBTQ+, impostos e imigração, entre outros, através de diversos indicadores estatísticos. Durante toda a produção, a autenticidade das fontes e a correta representação dos dados foram as duas principais preocupações.

duas pessoas a fazerem uma experiencia, e um monitor do Dia Aberto ao fundo a observar

Depois de duas edições com atividades online, o Dia Aberto em Ciências regressa este ano às atividades presenciais. A investigação científica e o ensino vão estar no centro da programação, abrangendo todas as áreas científicas. São mais de 70 as atividades disponíveis, entre visitas a laboratórios, atividades científicas, palestras, speed dating com cientistas, visitas ao campus e conversas rápidas sobre os cursos.

Henrique Leitão e Gracinda Gomes

Os cientistas da Faculdade foram eleitos sócios honorários da Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM), juntamente com outras quatro personalidades, duas delas da ULisboa. Atualmente a SPM tem nove sócios honorários.

Jaime A. S. Coelho, professor convidado do Departamento de Química e Bioquímica e investigador do polo desta faculdade do Centro de Química Estrutural, foi distinguido pela Sociedade Portuguesa de Química (SPQ) com o Prémio para Melhor Químico Orgânico Jovem 2021.

Alunos na biblioteca do C8

Os artigos da revista Astronomy & Astrophysics (A&A), uma das principais revistas científicas de Astronomia do mundo, já são publicados em acesso aberto, através do subscribe-to-open (S2O), um modelo de ciência aberta por assinatura.

5 quitones

Artigo científico publicado no Journal of Paleontology dá conta da descoberta em Portugal de duas novas espécies de moluscos marinhos do Pliocénico (há cerca de 3,6 Ma) . O cientista Carlos Marques da Silva é um dos autores deste trabalho.

pessoa a ver uma fotografia da exposição

Crónica sobre a exposição “De Lisboa para os Trópicos”, da autoria de Rúben Oliveira e Teresa Vaz, curadores da mostra e que a partir de 21 de abril e até 21 de junho vai estar em exibição no átrio do edifício C6, no campus da Faculdade.

Cinco oradores e vários alunos a assistir

A Matemática une. O tema das comemorações do Dia Internacional da Matemática 2022 reflete o espírito de quem organiza atividades de divulgação científica, na Faculdade e fora dela, e também de quem participa. Fique a par das atividades do IDM, e conheça a opinião de estudantes e professores.

Logotipo das comemorações do Dia da Faculdade

Após dois anos a comemorar um aniversário de forma remota, em 2022, a comunidade da Faculdade volta a reunir-se no grande auditório da Ciências ULisboa para celebrar os 111 anos da instituição, criada por decreto a 19 de abril de 1911. A cerimónia comemorativa acontece no próximo dia 27 de abril, a partir das 14h00.

Logotipo da olimpíadas

A semifinal das Olimpíadas de Química Mais (OQ+) e a semifinal das Olimpíadas de Química (OQ) Júnior acontecem, respetivamente, nos próximos dias 30 de abril e 7 de maio, no campus da Faculdade. Professores e estudantes do Departamento de Química e Bioquímica colaboram em ambos os eventos.

Mercado de Santa Clara

"A sustentabilidade económica e escalabilidade dos sistemas agroecológicos é um objetivo difícil de atingir, mas sem dúvida necessário", escreve Inês Costa Pereira, da equipa da Caravana AgroEcológica, a propósito do 4.ª Dia Aberto de Produtores.

Unidade de colimação

O grupo de Instrumentação do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço  produziu nos laboratórios da Ciências ULisboa uma peça essencial para o sucesso da missão espacial PLATO, designada unidade de colimação. Segundo notícia publicada no site do IA, duas delas já estavam previstas no âmbito do consórcio, a terceira acontece por encomenda direta da Agência Espacial Europeia.

Barco

Eduardo Sampaio, aluno de doutoramento da Faculdade, participou num documentário em Cabo Verde a bordo de um barco chamado Captain Darwin, como conta nesta crónica. Este mês a Science também publica uma carta da sua autoria, a propósito de uma das aventuras vividas durante parte desta viagem.

José Ribeiro, Pedro Machado e João Dias

Um estudo do IA Ciências ULisboa analisa observações da luz infravermelha dos planetas Vénus, Marte e Júpiter comparando-as com simulações do Planetary Spectrum Generator. Artigo inclui entrevista com o autor principal do artigo, alumnus da Faculdade.

Musaranho

O musaranho-de-dentes-brancos (Crocidura russula) está em expansão na Europa e foi identificado como tendo um carácter invasor em algumas ilhas, nomeadamente na Irlanda.Segundo comunicado de imprensa pulicado esta segunda-feira no EurekAlert!, a descoberta é feita por um grupo de investigadores do CESAM Ciências ULisboa e do Institute of Environmental Biology da Adam Mickiewicz University, na Polónia.

Páginas