MOONS Science Consortium Meeting em Lisboa

O encontro decorre no campus de Ciências

ACI Ciências

Tome nota

O IA participa no MOONS através da definição dos objetivos científicos, da construção de uma parte do instrumento e da sua integração no VLT.
Alexandre Cabral, investigador do DF, do Laboratório de Óptica, Lasers e Sistemas e do IA, é o responsável pelo desenvolvimento tecnológico e pela implementação da componente portuguesa do espectrógrafo.

O "MOONS Science Consortium Meeting" termina esta quarta-feira, dia 13 de setembro, após dois dias de reuniões. O encontro "à porta fechada" decorre no campus de Ciências e visa consolidar os casos científicos e discutir as estratégias de observação do espectrógrafo, cuja fase de construção arranca agora.

O consórcio MOONS junta vários parceiros do Reino Unido, Portugal, França, Itália, Chile e Suíça.

Em Portugal a fase de construção deste instrumento deve estender-se até ao verão de 2018. Após os testes globais na Europa, no final de 2020, o espectrógrafo deverá ser instalado num dos telescópios do Very Large Telescope (VLT) do ESO, o UT1, no Observatório do Paranal, no Chile.

MOONS servirá para observar cerca de 10 milhões de galáxias, permitindo dessa forma o estudo da formação e evolução destes sistemas ao longo da história do Universo.

Membros do consórcio MOONS

UK Astronomy Technology Centre, Royal Observatory of Edinburgh, Cavendish Laboratory e Institute of Astronomy da Universidade de Cambridge – Reino Unido
Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço – Portugal
GEPI, Observatoire de Paris – França
Centros de Florença, Bologna, Milano e Roma do Istituto Nazionale di Astrofisica – Itália
Centro de Astro-Ingeniería da Pontificia Universidad Católica de Chile – Chile
ETH Zürich, Institute for Astronomy e o Observatoire Astronomique de l'Université de Genève – Suíça
ESO

O espectrógrafo também permitirá sondar a estrutura da Via Láctea, observando estrelas até uma distância de 40 mil anos-luz, incluindo regiões obscurecidas por poeira, para a construção de um mapa tridimensional da nossa galáxia.

“Esta participação do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) no MOONS permitirá o acesso a algumas das melhores observações do Universo, assegurando que a investigação nacional continuará na próxima década numa posição de destaque no panorama internacional.”
José Afonso, investigador do Departamento de Física (DF) de Ciências e coordenador do IA

 

ACI Ciências com GCC do IA
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avanados" com mais quatro instituies universitrias portuguesas e brasileiras.

Olimpíadas de Química Júnior

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realizao de provas semifinais dasOlimpadas de Qumica Jnior 2012 no sbado, 14 de Abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz Gonalo Faria da Silva, estudante do 3. ano de Biologia.

No penltimo dia de maro realiza-se a quinta e ltima sesso do workshop destinado a preparar os estudantes para a obteno do 1. emprego.

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sesso de recrutamento em Cincias. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a insero profissional dos seus diplomados.

O evento uma organizao conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurana Informtica do DI-FCUL.

O DM est na Futurlia

Pessoas a andar junto ao C8

Para Duarte Flor, presidente da associao acadmica e aluno do 12. ano em Cincias, importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalaes de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espao onde o sentimento de pertena a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictrica da atividade cientfica da FCUL inaugurada a 13 de maro. Conhea as razes pelas quais deve visitar a exposio.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lanamento do livro ainda no pblica, mas o evento dever ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Cincias da Natureza e Cincias Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer at abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presena no evento, juntamente com outras unidades orgnicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colgios doutorais em reas transversais. Opinio de Maria Amlia Martins-Louo.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de maro e organizada pelos Departamentos de Fsica e de Informtica.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro esto abertas inscries para a admisso de novos voluntrios.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avanados" com mais quatro instituies universitrias portuguesas e brasileiras.

Fotografia de alunos procuram informações junto a uma banca no átrio do C3

Vale a pena recordar a iniciativa do Gabinete de Mobilidade, Estgios e Insero Profissional da FCUL.

Fotografia de alunos a andarem, junto ao C8

A primeira edio do curso realiza-se j em 2012.

Outra forma de fazer turismo.

Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25.Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25

O Encontro decorreu em Junho no GeoFCUL.

Páginas