MOONS Science Consortium Meeting em Lisboa

O encontro decorre no campus de Ciências

ACI Ciências

Tome nota

O IA participa no MOONS através da definição dos objetivos científicos, da construção de uma parte do instrumento e da sua integração no VLT.
Alexandre Cabral, investigador do DF, do Laboratório de Óptica, Lasers e Sistemas e do IA, é o responsável pelo desenvolvimento tecnológico e pela implementação da componente portuguesa do espectrógrafo.

O "MOONS Science Consortium Meeting" termina esta quarta-feira, dia 13 de setembro, após dois dias de reuniões. O encontro "à porta fechada" decorre no campus de Ciências e visa consolidar os casos científicos e discutir as estratégias de observação do espectrógrafo, cuja fase de construção arranca agora.

O consórcio MOONS junta vários parceiros do Reino Unido, Portugal, França, Itália, Chile e Suíça.

Em Portugal a fase de construção deste instrumento deve estender-se até ao verão de 2018. Após os testes globais na Europa, no final de 2020, o espectrógrafo deverá ser instalado num dos telescópios do Very Large Telescope (VLT) do ESO, o UT1, no Observatório do Paranal, no Chile.

MOONS servirá para observar cerca de 10 milhões de galáxias, permitindo dessa forma o estudo da formação e evolução destes sistemas ao longo da história do Universo.

Membros do consórcio MOONS

UK Astronomy Technology Centre, Royal Observatory of Edinburgh, Cavendish Laboratory e Institute of Astronomy da Universidade de Cambridge – Reino Unido
Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço – Portugal
GEPI, Observatoire de Paris – França
Centros de Florença, Bologna, Milano e Roma do Istituto Nazionale di Astrofisica – Itália
Centro de Astro-Ingeniería da Pontificia Universidad Católica de Chile – Chile
ETH Zürich, Institute for Astronomy e o Observatoire Astronomique de l'Université de Genève – Suíça
ESO

O espectrógrafo também permitirá sondar a estrutura da Via Láctea, observando estrelas até uma distância de 40 mil anos-luz, incluindo regiões obscurecidas por poeira, para a construção de um mapa tridimensional da nossa galáxia.

“Esta participação do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) no MOONS permitirá o acesso a algumas das melhores observações do Universo, assegurando que a investigação nacional continuará na próxima década numa posição de destaque no panorama internacional.”
José Afonso, investigador do Departamento de Física (DF) de Ciências e coordenador do IA

 

ACI Ciências com GCC do IA
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

O Centro de Informática colocou em produção, durante a ultima semana de Maio, um equipamento de rede central na arquitectura de comunicações da FCUL.

Na Licenciatura em Matemática (LM) da FCUL, o leque de opções do 3º ano da LM foi alargado e passou a incluir as seguintes disciplinas, que estarão já disponíveis no ano lectivo de 2012/13:

Em exibio no:

MUSEU NACIONAL DE HISTRIA NATURAL E DA CINCIA

1 de Junho de 2012 a 28 de Abril de 2013

Os cadernos e ascomisses eleitorais esto publicitados no portal da FCUL, assim como o Despacho D/101/2012, que integra o calendrio de eleies.

A eleição do Presidente do Departamento de Física  terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012

Comissão Eleitoral

Informações úteis:

Constituição da Comissão Eleitoral

A festa dos finalistas de Geologia juntou familiares, amigos, colegas e professores.

Conforme o despacho D/101/2012,  as eleições para a Presidência do Departamento de Informática, irão decorrer entre 3 e 5 de Julho de 2012 na secretaria do departamento.

 

Estão abertas as inscrições para o ‘Mestrado em Matemática para Professores’ (1ª fase de candidaturas até dia 15 de Junho)

 

No âmbito do nº 3 do artigo 9º do Regulamento Eleitoral, e de acordo com o calendário de eleições para Presidentes dos Departamentos, já se encontra disponível o 

A Eleio do Presidente do Departamento de Biologia Animal ter lugar de 3 a 5 de Julho de 2012 na Secretaria do Departamento

A inscrição nos exames dos dias 4 e 5 de junho podem ser excecionalmente realizadas até às 23h59m de 1 de junho.

Aeleio do Presidente do DBV ter lugar de 3 a 5 de Julho de 2012

Matéria escura

Um grupo de 19 cientistas, 14 deles investigadores do Centro de Fsica Nuclear da UL e do Instituto Tecnolgico e Nuclear da UTL, publicaramrecentemente novos resultados que contrariam as alegadas descobertas sobre a matria escura.

PSMR2012 Conference

Estudante de doutoramento no IBEB ganha prmio para o melhor Poster

Tomás Aquino

Bolseiro do CFMC distinguido pela Fundao Calouste Gulbenkian

Imagem de Kairos em pedra

O prximo e quinto nmero da revista do Centro de Filosofia das Cincias da UL lanado em novembro. A submisso de textos termina a 30 de setembro.

Encontra-se aberto concurso para bolsa de estágio na área de suporte aos laboratórios letivos e de investigação do Departamento de Informática da Faculdade de Ciências.

Simulação de uma proteína

Quatro lies sobre protenas. As investigadoras Maria Jos R. Gomes e Patrcia Fasca apresentam quatro razes para no faltar quinta iniciativa do projeto Cincia naUL.

O Dr. Rui Lopes ex-aluno do Departamento de Informática e investigador no LASIGE, actualmente a trabalhar na Google, foi um dos responsáveis da equipa de desenvolvimento do doodle de hoje (23 de Maio).

A Investigação dos Doutores de Amanhã

Lâmpada

"O objetivo partilhar com os colegas das outras faculdades a experincia que tivemos, e estamos a ter, com a implementao do modelo de gesto por objetivos, assente na identificao dos processos", diz Ana Rocha, secretria-coordenadora da FCUL.

Vários círculos com várias cores

A reunio de entrada livre e sujeita a prvia inscrio inclui sesses plenrias e workshops sob o tema genrico “Prosseguir a excelncia, promovendo as competncias da UL”.

Produtos alimentares

“Partilhar o que se tem pode ser um convite a algum sacrifcio – mas a solidariedade no pode ser s um sentimento, tem de ser um compromisso de ao”, refere Graa Vieira, professora aposentada da FCUL,a propsito da campanha "Vamos dar com o corao".

Plantas em vasos

Hoje um dia fascinante. Dia de nos fascinarmos com as plantas, com a sua beleza, com o que nos do, e nos possibilitam – a vida tal como a conhecemos.

Páginas