Porquê a FCUL?

Fotografia com pontos de interrogação
Octávio Pinto

Guilherme Gaspar, estudante do último ano do mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente da FCUL não tem qualquer dúvida em recomendar o seu curso. Trata-se de um programa de estudos que assenta numa “área em destaque, não só no presente, mas também no futuro”.

O mesmo sucede com o colega Ricardo Leandro, igualmente inscrito no último ano daquele mestrado integrado. “Para além de ser um curso com uma enorme heterogeneidade de matérias em relação ao tema das energias renováveis, tem um protocolo de cooperação com o Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG), o que facilita o contacto para possíveis colaborações em projetos de diversas áreas relacionadas com a energia”.Cara de um rapaz

Legenda: Guilherme Gaspar

Ricardo Leandro salienta ainda a existência de outra cooperação, com o Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa – Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) e que possibilita a frequência da disciplina Projeto Empresarial, do 3.º ano da licenciatura em Finanças e Contabilidade. “Os alunos de mestrado da FCUL com ideias inovadoras juntamente com os colegas do ISCTE-IUL formam grupos com o objetivo de criar uma ideia de negócio, desenvolvendo um plano de negócios e preparando inclusivamente a sua apresentação pública. Temos como exemplo, do sucesso desta cooperação, a empresa Science4you”, explica. A par das parcerias que enriquecem a oferta formativa da FCUL, o jovem estudante acrescenta ainda como mais-valia do curso, o contacto entre os docentes e os alunos, facto que permite a partilha de experiências e o esclarecimento de dúvidas com maior facilidade.Cara de um rapaz

Legenda: Ricardo Leandro

O mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente existe desde o ano letivo de 2007/2008, sucedendo a licenciatura em Energia e Ambiente (pré-Bolonha). Até 2009/2010 a FCUL concedeu o grau de mestre a 15 estudantes deste curso, de acordo com dados oficiais do Registo de Alunos Inscritos e Diplomados do Ensino Superior. Os candidatos ao ensino superior podem consultar informações úteis sobre o curso, nomeadamente alguns dados sobre as saídas profissionais, no site Candidato a Ciências. A este propósito é de salientar que o European Renewable Energy Council prevê um crescimento fortíssimo a nível europeu da indústria das energias renováveis, estimando dois milhões de postos de trabalho na Europa em 2020. Segundo a Unidade Académica atualmente a FCUL tem inscritos no 1.º ano deste curso 69 estudantes e no último ano letivo 93.

Para Guilherme Gaspar o curso da FCUL está “virado sobretudo para as energias renováveis e para a eficiência energética, formando técnicos que podem vir a contribuir para uma sociedade melhor, mediante o grande apoio e disponibilidade dos docentes, fundamentais para a aprendizagem dos alunos”. O jovem de 23 anos já teve hipótese de escrever um artigo científico, juntamente com Miguel Centeno Brito, investigador do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia, e apresentá-lo sob a forma de poster durante a CPV-7, uma das mais importantes conferências científicas relacionadas com a tecnologia de concentração fotovoltaica, ocorrida em abril do ano passado.

Este tipo de experiência é relevante não só para os alunos, como também para a Faculdade. Guilherme Gaspar sente-se motivado com o seu trabalho académico e deseja contribuir para uma sociedade mais justa e sustentável. Também Ricardo Leandro foi coautor de duas comunicações apresentadas sob a forma de poster naquele evento científico. “Aprendemos bastante sobre os procedimentos que devemos adotar na redação de um artigo científico e ainda mais sobre o tema em que incidiu o nosso trabalho. A publicação do projeto também veio a ser um elemento importante no nosso currículo, sendo de bastante relevância no momento da procura de emprego”, realça o estudante que considerou fundamental o trabalho da orientadora Filipa Reis, estudante de doutoramento ao abrigo do Programa MIT Portugal.

Por ora os candidatos ao ensino superior inscrevem-se para a 1.ª fase dos exames nacionais do ensino secundário, previstos para a 2.ª quinzena de junho. Nos próximos meses muitos decidem que rumo irão dar às suas vidas. Descobre. Escolhe. Concorre. Assim é o slogan da Direção-Geral do Ensino Superior. A FCUL aconselha Engenharia da Energia e do Ambiente.

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.

Ana Subtil Simões, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt
Banner Prémio de Doutoramento em Ecologia - Fundação Amadeu Dias

Já são conhecidos os vencedores da edição 2024 do Prémio de Doutoramento em Ecologia - Fundação Amadeu Dias, organizado pela Sociedade Portuguesa de Ecologia (SPECO).

Jorge Buescu, professor do Departamento de Matemática (DM) de CIÊNCIAS, reeleito Vice-Presidente da European Mathematical Society (EMS)

Jorge Buescu, professor do Departamento de Matemática (DM) de CIÊNCIAS, foi reeleito Vice-Presidente da European Mathematical Society (EMS).

Verão na ULisboa em CIÊNCIAS

Foi com um sorriso na cara e com vontade de um dia regressarem, que os estudantes do programa Verão na ULisboa deixaram o campus de CIÊNCIAS, após as cerimónias de entrega de diplomas que decorreram nos dias 5 e 12 de julho.

Assinatura do Protocolo com a REDCORP

No passado dia 9 de julho a Direção de CIÊNCIAS assinou um protocolo de cooperação com a REDCORP, empresa de empreendimentos mineiros responsável pelo Projeto Lagoa Salgada.

CIÊNCIAS assinA um protocolo de colaboração com a Raiz Vertical Farms nas instalações de CIÊNCIAS, tendo sido assinado pelo Diretor da faculdade, Luís Carriço, e pela co-fundadora da startup Rede Vertical Farms, Inês Barros.

CIÊNCIAS assinou um protocolo de colaboração com a Raiz Vertical Farms, com o objetivo de instalar uma horta vertical no campus da faculdade.

Equipa do CSD Lab do BioISI

Uma equipa de investigadores do Laboratório de Estrutura e Dinâmica Celular (CSD Lab) do Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (BioIS

Diogo Rodrigues Fernandes

Diogo Rodrigues Fernandes, doutorando de CIÊNCIAS e investigador no Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (

Banner O Planeta Vivo

“Temos este mundo, ou nada. E temos um grande problema se não entendermos o planeta que queremos salvar.” Esta citação de Carl Sagan é o mote do documentário ‘O Planeta Vivo’, que estreou no passado dia 3 de julho na RTP.

Vista Aérea do Observatório do Paranal

O Observatório do Paranal, no deserto do Atacama no Chile, que faz parte do Observatório Europeu do Sul (ESO), vai receber em 2025 um telescópio made in Portugal para observar o Sol.

Nuno Gonçalves e Inês Leite posam com os prémios junto aos restantes investigadores do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA)

Nuno Gonçalves e Inês Leite, estudantes de CIÊNCIAS, foram premiados na SPIE Astronomical Telescopes + Instrumentation, a maior conferência internacional sobre instrumentação para a Astronomia.

Ranking de Leiden: Há três áreas de investigação de CIÊNCIAS em que a ULisboa é líder nacional

A Universidade de Lisboa (ULisboa) está em primeiro lugar a nível nacional em três áreas de produção científica de CIÊNCIAS no reputado CWTS Leiden Ranking: Ciências da Vida e da Terra, Matemáti

Banner Curso PRODIGI

A partir de 2025 a Universidade de Lisboa em parceria com o Instituto Politécnico de Lisboa, vai disponibilizar uma nova formação online em competências digitais.

 

Inês Fragata, Margarida Matos, Sara Magalhães e Cristina Máguas.

CIÊNCIAS inaugura hoje oficialmente a infraestrutura laboratorial de investigação - Unidade de Evolução Experimental.

Imagem alusiva ao Deep Tech Talent Initiative (DTTI), um programa do European Institute of Innovation and Technology (EIT)

O Mestrado em Bioestatística de CIÊNCIAS foi acreditado pela Deep Tech Talent Initiative (DTTI), um programa do European Institute of Innovation and Technology (EIT).

Dois professores de CIÊNCIAS eleitos sócios da Academia das Ciências de Lisboa

Pedro Miguel Duarte e Luís Eduardo Neves Gouveia, professores de CIÊNCIAS, foram eleitos sócios da Academia das Ciências de Lisboa.

O Centro de Congressos da Alfândega do Porto é o palco da edição de 2024 do Encontro Ciência.

Luís Carriço (Diretor de CIÊNCIAS) e Carlos Martins (Presidente da EPAL) junto a um dos novos bebedouros.

A Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa aderiu ao desafio da EPAL - Empresa Portuguesa das Águas Livres de consumir Água da Torneira nas suas áreas comuns, representando mais um compromisso com o Ambiente e com

 Rodrigo Freitas, Francisco Graça e Diogo Ávila no Pódio dos 3000 metros obstáculos no Campeonato Nacional Universitário de Pista ao Ar Livre

Rodrigo Freitas, estudante de CIÊNCIAS, sagrou-se bicampeão no Campeonato Nacional Universitário (CNU) de Atletismo Pista Ar Livre.

Desde ontem que CIÊNCIAS dispõe de um novo espaço: o Lounge C7!

Carolina Margarido, Catarina Lima e Raquel Costa seguram o prémio de primeiro lugar na segunda fase do Future Innovators Program da Unicorn Factory Lisboa

Carolina Margarido, Catarina Lima e Raquel Costa venceram a segunda fase do Future Innovators Program da Unicorn Factory Lisboa

A cientista Ana Russo, investigadora do Instituto Dom Luiz (IDL), visitou duas escolas básicas do concelho de Sintra no dia 23 de abril para rea

Branca Edmée Marques, cientista alumna de CIÊNCIAS

Branca Edmée Marques, alumna de CIÊNCIAS, será homenageada no dia 20 de junho pelos Museus da Universidade de Lisboa

Vanessa Fonseca, Catarina Frazão Santos, Rita Cardoso, Cláudio Gomes, Ana Duarte Rodrigues e Paulo J. Costa posam com os prémios para uma foto numas escadas

A faculdade conseguiu obter o segundo lugar entre as Escolas da Universidade de Lisboa mais galardoadas.

Pages