Alimentação

Os circuitos curtos agroalimentares, o direito à alimentação e as redes cidadãs

A 4.ª Sessão do Ciclo de Seminários sobre Planeamento Alimentar Urbano que o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) organiza em parceria com o Centro de Informação Urbana de Lisboa (CIUL), abordará o tema “Os circuitos curtos agroalimentares, o direito à alimentação e as redes cidadãs” e contará com intervenções de Isabel Rodrigo (ISA-ULisboa), Maria João Estorninho (FD/ULisboa) e Maria José Ilhéu (RRN).

Perspetivar o futuro da alimentação nas áreas urbanas num mundo em mudança

A 3.ª Sessão do Ciclo de Seminários sobre Planeamento Alimentar Urbano que o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) organiza em parceria com o Centro de Informação Urbana de Lisboa (CIUL), abordará o tema “Perspetivar o futuro da alimentação nas áreas urbanas num mundo em mudança” e contará com intervenções de Isabel Loupa Ramos (IST-ULisboa), Jorge Gaspar (CEG-IGOT/ULisboa) e Paulo Morgado (IGOT-ULisboa).

A expansão urbana e regressão das áreas agrícolas: O caso da Área Metropolitana de Lisboa

A 2.ª Sessão do Ciclo de Seminários sobre Planeamento Alimentar Urbano, que o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) da Universidade de Lisboa organiza em parceria com o Centro de Informação Urbana de Lisboa (CIUL), abordará a “expansão urbana e regressão das áreas agrícolas: O caso da Área Metropolitana de Lisboa” e contará com intervenções de João Teixeira (CCDR-LVT), Leonel Fadigas (FA-ULisboa) e Rosário Oliveira (ICS-ULisboa).

AlimentAÇÃO: direito humano a uma alimentação adequada através de compras públicas a cadeias curtas agroalimentares

Com o objetivo de contribuir para promover a realização do Direito Humano à Alimentação Adequada, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), a rede ReAlimentar, a Rede Rural Nacional (RRN) e o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) da Universidade de Lisboa organizam no dia 7 de fevereiro, em Lisboa, o Seminário “AlimentAção: Direito Humano a uma Alimentação Adequada através de compras públicas a cadeias curtas agroalimentares”.

Pegada alimentar urbana: de onde vêm e para onde vão os alimentos consumidos nas cidades?

A quantificação dos fluxos de recursos que as áreas urbanas consomem/utilizam permite caracterizar o metabolismo destas áreas e perceber qual a sua dependência em termos de recursos externos em contraposição com o uso de recursos locais, situação que se verifica nomeadamente com os alimentos. É comum nos dias de hoje verificar que vários alimentos que podemos adquirir, mesmo nos mais pequenos estabelecimentos como mercearias de bairro, provêm de zonas muito distantes do local de consumo.

Leguminosas no Ponto!

Criado no seguimento do ciclo de oficinas Leguminosas no Ponto!, este livro  representa o culminar de um ano de consciencialização coordenado pelo MUHNAC-ULisboa para os benefícios e potencialidades das leguminosas secas em Portugal e no mundo. 

Saúde e Sustentabilidade: como pô-las no prato?

Como introduzir hábitos alimentares mais saudáveis? Como promover o consumo de plantas locais, sem esquecer a partilha de saberes entre gerações?

O Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa, através do projeto europeu “Big Picnic, Big Questions?”promove, até outubro de 2018 um ciclo de Cafés de Ciência com o objetivo de discutir as diferentes dimensões da alimentação saudável e sustentável.

Superalimentos

Não são super-heróis, mas quase! Os superalimentos são alimentos com elevado teor de nutrientes que exercem efeitos benéficos para a saúde. Saiba como os superalimentos podem complementar uma alimentação saudável e de que forma os pode incorporar na sua alimentação.

Palestra no ambito do Dia Europeu da Alimentação e Cozinha Saudáveis.

Entrada gratuita, sujeita a confirmação de presença para geral@estadio.ulisboa.pt.

Páginas