Opinião

Anotações de J. Lima-de-Faria

Última Revisão —
J. Lima-de-Faria
J. Lima-de-Faria
Fonte Fernando Barriga

José Avelino Pais Lima de Faria, proeminente cientista de 92 anos e antigo aluno de Ciências - licenciou-se em Ciências Físico-Químicas em 1950 -, faleceu no dia 27 de maio de 2018. A Faculdade lamenta o triste acontecimento e apresenta as condolências aos familiares, amigos e colegas.

Há vários tipos de cientistas

Muitos tipos de homens se dedicam à ciência, e nem todos em prol da ciência. Há alguns que vêm ao seu “templo” porque lhes é oferecida uma oportunidade de mostrarem os seus talentos particulares. Para este tipo de homens a ciência é uma espécie de desporto na prática do qual se entusiasmam tal como o atleta se exulta no exercício das suas proezas musculares. Há uma outra classe de homens que vêm ao "templo" para fazer a oferta do seu cérebro na esperança de receberem uma boa recompensa. Estes homens são cientistas só pelo acaso de algumas circunstâncias que se lhe ofereceram quando escolheram uma carreira. Se as circunstâncias tivessem sido diferentes poder-se-iam ter tornado políticos ou gestores de negócios. Se um anjo de Deus descesse à Terra e retirasse do “templo da ciência” todos os que pertencem a estas categorias que mencionei, receio que o "templo" ficasse quase vazio. Mas ainda ficariam uns poucos devotos alguns dos tempos antigos e outros do nosso. A esta última categoria pertence o nosso Planck. E é por isso que o amamos (Einstein).

A descoberta científica

Pensando sempre nelas [descobertas]. Mantenho o assunto constantemente na minha mente e espero que a pouco e pouco apareçam as primeiras revelações até à luz plena (Newton).

A imaginação é mais importante que o conhecimento (Einstein).

A descoberta consiste em ver o que toda a gente viu e pensar naquilo que as pessoas não pensaram (Szent-Gyorgyi). Portanto, a tarefa é não tanto ver o que os outros não viram, mas pensar o que ainda ninguém pensou acerca daquilo que todos viram (Schrödinger).

A escolha do problema científico

Uma das maiores qualidades de um cientista consiste em saber julgar quais os problemas que estão amadurecidos para análise, decidir quando é altura de explorar de novo uma velha área e retomar questões pouco tempo antes consideradas resolvidas ou insolúveis. É, em grande parte, à segurança do julgamento neste domínio que corresponde a criatividade da ciência (François Jacob).

Sempre me dediquei a estudar problemas simples (Debeye).

A sorte em ciência

No campo da observação, a sorte só favorece as mentes que estão preparadas (Louis Pasteur).

A oportunidade em ciência

Aquele que agarra o momento certo é o homem certo (Goethe). Schoenflies foi o mais influente, estava no lugar certo, no tempo certo, e o seu trabalho foi publicado em alemão (Marjorie Senechal).

As ideias revolucionárias

Quando uma coisa era nova, as pessoas diziam: “Não era verdade”.  Mais tarde, quando a verdade se tornou óbvia, as pessoas disseram: “De qualquer forma, não é importante”, e quando a sua importância não pôde ser negada as pessoas ripostaram: “De qualquer forma, não é nova” (William James).

A dificuldade reside, não nas ideias novas, mas no escapar às ideias antigas, que se ramificam em todos os recantos das nossas mentes, como acontece àqueles que tiveram a educação que a maior parte de nós teve (Keynes).

Quanto mais os homens aprendem, mais eles enchem as suas mentes de conhecimento, e menos estão preparados para examinarem de um ponto de vista crítico o fundamento dos pensamentos que deram forma às suas concepções sobre as coisas. É neste sentido que se tem correctamente afirmado que é o que nós sabemos que nos impede de descobrir o que não sabemos (Maurice De Broglie).

O amanhã é dos loucos de hoje (Fernando Pessoa).

Autoridade

Uma inovação científica importante raramente se desenvolve vencendo e convertendo gradualmente os seus opositores. É raro que Saul se torne Paulo. O que acontece é que os seus opositores vão morrendo gradualmente, e a geração que surge se familiariza com as ideias desde o princípio (Planck).

A simplicidade na ciência

Na sua essência a ciência é simples (Dirac).

Se um assunto de Física não pode ser explicado a uma empregada de bar, é porque não é boa Física, não faz sentido (Rutherford).

Ideias novas e velhas

Não é uma nem duas vezes, mas um sem número de vezes que a mesma ideia surge no mundo (Aristóteles).

Factos

A ciência é feita de factos, como uma casa é feita de pedras. Mas uma colecção de factos não é de maneira nenhuma ciência, tal como um montão de pedras não é uma casa (Henri Poincaré).

Especialização

Porque a vida é curta e o tempo passa depressa; se nos aperfeiçoamos numa coisa e se a compreendemos bem, o que se ganha é a compreensão e o conhecimento de muitas outras coisas (Vincent Van Gogh).

Na vida somos sempre um amador. Não há tempo para sermos outra coisa (Charlie Chaplin).

Liberdade em ciência

A liberdade está para a ciência como o ar para um animal (Henri Poincaré).

Beleza em ciência

Toda a Física deve estar impregnada da beleza Matemática (Dirac).

Teoria

Nada é tão prático como a teoria (Oppenheimer).

Classificação

A classificação, tal como o autor insiste, provou não ser somente parte importante, mas uma parte integrante da actividade científica (Kathleen Lonsdale).

Ensino

Só se ensina bem o que se faz, e quem não investiga não ensina a investigar (Cajal).

História da ciência

Estudar só o presente é equivalente a procurar desenhar um gráfico dispondo de um só ponto (S. G. Lipson e H. L. Lipson).

Publicação

Pouca, mas madura (Gauss).

O erro em ciência

O homem fará sempre erros bastando que se empenhe em qualquer coisa (Goethe).

Se não temo o erro é porque estou sempre pronto a corrigi-lo (Bento de Jesus Caraça).

A ciência é uma actividade colectiva

Se vi um pouco mais longe do que os outros foi porque pude subir aos ombros de gigantes (Newton).

Limite da ciência

Um assunto científico nunca se esgota. Um cientista é que se pode sentir esgotado perante ele (Einstein).

Nota da redação:o autor não segue o atual Acordo Ortográfico.

Referências:

  • Aristóteles (384-322 a.C.) em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The Institute of Physics, Londres, p.7.
  • Broglie, Maurice De (1951) Les Premiers Congrés de Physique Solvay. Albin Michel, Paris, p.10.
  • Cajal, Ramon y (1946) Los tonicos de la voluntad, Buenos Aires, p.177.
  • Caraça, Bento de Jesus, escrito na parede do edifício B.J. Caraça, do Instituto Superior de Economia e Gestão, Lisboa.
  • Chaplin, Charles (1952) no filme  As luzes da ribalta
  • Dirac, Paul, citado por Corbi e H. E Helge, K. Paul Dirac et la Beauté de la Physique, na revista “Pour la Science” nº189, Julho de 1993, p.78.
  • Einstein, Albert , em Planck, Max, (1933), Where is science going?. Edit. George Allen Unwin, Londres, p.9; também  Acta Crystallographica, 1961, vol. 1, art 8, p.902.
  • Gauss, Carl Friedrich, citado por Gibs, J. Willard Frederich (1926)  Principes Elementaires de Mécanique Statistique.  Lib. Scientifique, J.Hermann, Paris (na introdução).
  • Goethe, Johann Wolfgang, em Planck, Max, (1933)  Where is science going?.  Edit. George Allen Unwin, Londres, p.25
  • Jacob, François (1981) O jogo dos possíveis. Gradiva , Lisboa, p.26.
  • James, William , em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The Institute of Physics, Londres, p.81.
  • Keynes, John Maynard, em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The Institute of Physics, Londres, p.87.
  • Lipson, S. G. e Lipson H.L., (1969) Optical Physics, University Press, Cambridge, p.1.
  • Lonsdale, Kathleen (1967) Origins of the science of crystals, Chemistry and Industry, January,  p.57.
  • Newton, Isaac, em Mackay, Alan (1990) A Dictionary of Scientifique Quotations.The Institute of Physics, p.39.; e citado por Bento de Jesus Caraça (1970) Conferências e outros escritos. Edit. Minerva, Lisboa, p.284.
  • Oppenheimer, Robert, citado na revista Finisterra, 1985, XX, vol. 39, Lisboa. P.159.
  • Pasteur, Louis, em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The Institute of Physics, Londres, p.116.
  • Pessoa, Fernando, em Dionísio, Mário (1963) Introdução à Pintura. Publicações Europa-América, Lisboa, p.26.
  • Planck, Max , em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The institute of Physics, Londres,p. 119.
  • Poincaré, Henri, (1943) La Science et L’Hypothèse. Ernest Flamarion, Paris, p.2. ; e Mackay, Alan (1990) A Dictionary of Scientifique Quotations, The Institute of Physics, p.42.
  • Rutherford, Ernest , citado em A difícil arte de comunicar ciência. Em Espaço Ciência, 22 a 29 de Outubro de 1994.
  • Schrödinger, Erwin, em Mackay, Alan (1990) A Dictionary of Scientific Quotations, The Institute of Physics, p. 46.
  • Senechal, Marjorie, em Lima-de-Faria, José (1990) Historical Atlas of Crystallography, Kluwer Academic Publishers, Dordrecht, p.48.
  • Szent-Gyorgyi, Albert, em Mackay, Alan (1981) The harvest of a quiet Eye. Selection of scientific quotations. The institute of Physics, Londres, p. 144.
  • Van Gogh, Vincent, em Lettres a son frère Théo, Editions Grasset, 1937, p.25.
J. Lima-de-Faria, Prémio Gulbenkian de Ciência 1976
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Composição fotográfica alusiva à missão da Faculdade

“Portugal pode por isso estar certo de que, nesta época de crise, toda a comunidade da Ciências Ulisboa beneficia de um ambiente de trabalho seguro e sustentável, que não compromete a qualidade da sua missão”, escreve Pedro Almeida, subdiretor da Faculdade.

Tec Labs - Centro de Inovação Ciências ULisboa

No Tec Labs – Centro de Inovação e incubadora da Ciências ULisboa são várias as empresas, spin-off, proto-company e startups a trabalhar para encontrar soluções que ajudem doentes, profissionais, unidades hospitalares e autoridades governamentais nesta “luta”, que só poderá ser vencida pelo esforço conjunto.

Skype, Zoom e Houseparty são boas apostas para combinar eventos sociais

"Socializar por meio de momentos lúdicos, rir e partilhar ideias sobre novos projetos são excelentes formas de dirigir a nossa atenção para além da preocupação. Ajuda-nos a colocar o foco da nossa energia ao serviço daquilo que nos faz bem e sentirmo-nos ligados", escreve a psicóloga Andreia Santos.

Mapa

O Centro de Física Teórica e Computacional da Ciências ULisboa participa no desenvolvimento do mapa de risco de propagação da COVID-19 por contágio comunitário em Portugal, um projeto coordenado pelas Universitat Rovira i Virgili, em Tarragona, e Universidad de Zaragoza, em Zaragoza, ambas em Espanha e que em Portugal tem como parceiros a NOS, a Data Science Portuguese Association e a Closer Consulting.

Grupo de investigadores do HIT-CF Europe

Cerca de 502 pessoas com mutações raras de fibrose quística (FQ) foram recrutadas pelo projeto inovador HIT-CF Europe, financiado pela União Europeia através do Horizonte 2020 e que conta com a participação de Margarida Amaral, professora do Departamento de Química e Bioquímica da Ciências ULisboa, coordenadora do Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (BioISI) e líder do grupo português neste consórcio.

Medicamentos

Ao longo dos últimos dias, vários colegas da Ciências ULisboa e de outras faculdades entraram em contacto com Manuel Carmo Gomes, professor do Departamento de Biologia Vegetal, manifestando disponibilidade para contribuir com o seu conhecimento e meios no auxílio à análise dos dados, modelação e projeção do futuro da epidemia.

O Conselho Pedagógico da Ciências ULisboa preparou um conjunto de orientações relacionadas com as ferramentas de apoio ao ensino à distância, disponíveis no site da Faculdade e que visam ajudar os professores, investigadores e alunos durante este período de tempo sem aulas presenciais, uma medida implementada no âmbito do Plano de Contingência em Ciências COVID-19.

Imagem gráfica associada ao Plano de Contingência em Ciências COVID-19

A Direção da Ciências ULisboa determinou um conjunto de medidas que pretendem contribuir para a contenção da propagação do novo coronavírus e que vigoram até ao próximo dia 27 de março, podendo ser ajustadas conforme a necessidade e a evolução da situação.

Reunião de arranque do Colégio POLAR2E

O POLAR2E tem como objetivo criar sinergias em áreas como as ciências da criosfera, a modelação climática, a ecologia de ambientes extremos, a deteção remota, a construção em ambientes extremos, a astrobiologia e a engenharia aeroespacial dentro da Universidade.

Grupo de campus ambassadors da Jerónimo Martins, de diferentes faculdades de todo o país

No ano letivo de 2019/2020, todos os estudantes da Faculdade com interesse e dúvidas quanto aos Young Talent Programmes da Jerónimo Martins (JM) poderão contactar Catarina Bernardo, por email ou via LinkedIn! A aluna finalista de Biologia da Faculdade está disponível para responder a dúvidas sobre as várias oportunidades da JM para jovens universitários.

Imagem gráfica da rubrica Radar Tec Labs

Segunda rubrica Radar Tec Labs, dedicada às atividades do Centro de Inovação da Faculdade. A empresa em destaque é a UpHill.

Na sequência das orientações da Direção-Geral da Saúde e procurando evitar desta forma alarmismos desnecessários, sem descurar uma atuação prudente e responsável, Ciências ULisboa elaborou o Plano de Contingência em Ciências COVID-19.

Primeira reunião do IDEA-FAST

Tiago Guerreiro, professor do DI e investigador do LASIGE Ciências ULisboa, participa no IDEA-FAST, um projeto inovador na área da saúde digital, com um orçamento de 42 milhões de euros.

Estatística

“O CEAUL tem pessoas com uma contribuição notável para a Estatística em Portugal”, escreve o investigador Tiago Marques, a propósito do último congresso da Sociedade Portuguesa de Estatística.

Golfinhos

Que espécies encontrarão os cadetes do NRP Sagres? Que informação se esconde na cor do mar? Estas são algumas das questões a que o CIRCULARES, um projeto de ciência cidadã irá responder durante a viagem de circum-navegação, que deverá terminar em janeiro de 2021.

Ana Rita Carlos

Ana Rita Carlos, investigadora no polo da Faculdade do Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3c) e antiga aluna da Ciências ULisboa, é uma das quatro jovens cientistas portuguesas premiadas na 16ª edição das Medalhas de Honra L’Oréal Portugal para as Mulheres na Ciência, com um estudo sobre os mecanismos que desencadeiam as distrofias musculares congénitas.

José Cabrita Freitas e João Pinto Coelho integram o grupo de trabalho dedicado ao encandeamento por <i>laser</i> no visível, efeitos e proteção

José Cabrita Freitas e João Pinto Coelho, investigadores do Departamento de Física e do Laboratory of Optics, Lasers and Systems da Ciências ULisboa, foram distinguidos com o Scientific Achievement Award e com o SET Panel Excellence Award, pelo Conselho de Ciência e Tecnologia da NATO.

Encontro Nacional sobre Investigação em Alterações Climáticas

Mais de 500 pessoas inscreveram-se no Encontro Nacional sobre Investigação em Alterações Climáticas, uma iniciativa organizada pela Ciências ULisboa em parceria com o IDL e a CML, no âmbito da Lisboa Capital Verde Europeia 2020. O acontecimento visa debater a melhor investigação em alterações climáticas que é realizada em Portugal. O programa integra oito sessões temáticas e uma sessão de posters, com 47 trabalhos.

Comitiva da Faculdade no “Matchmaking” da EIT Health

Ciências ULisboa participou no “Matchmaking” da EIT Health. “O balanço final é bastante positivo pois foi possível obter a participação da Faculdade em duas summer schools e ainda angariar parceiros para propostas campus e innovation lideradas ou comparticipadas pela Faculdade”, refere Ana Faisca, técnica do GAI da Direção de I&D da Ciências ULisboa.

Primeira prova das OUB

Em Portugal existem atualmente 12 licenciaturas de Bioquímica com um total de 615 vagas. Leia o artigo da autoria do professor Francisco Pinto sobre o importante dinamismo desta comunidade estudantil.

Imagem gráfica da rubrica Radar Tec Labs

A rubrica Radar Tec Labs, dedicada às atividades do Centro de Inovação da Faculdade, tem aqui a sua primeira edição, com destaques do mês de janeiro e da spin-off Delox.

Levada Wanderungen, Madeira

Carlos A. Góis-Marques é o primeiro autor deste estudo. O aluno inscrito no doutoramento em Geologia da Ciências ULisboa desenvolve o seu trabalho sob orientação dos professores José Madeira, Miguel Menezes de Sequeira e José M. Fernández-Palácios.

Constituição da AMONET no notário em 2004

“(…) embora existam mudanças positivas, persiste uma grande diferença entre homens e mulheres cientistas em cargos de topo. Continua a ser muito menor o número de reitoras, diretoras de laboratórios de investigação ou professoras catedráticas. (…)”. Crónicas em Ciências com Maria José Costa, presidente da AMONET.

Vigilantes da natureza do Parque Natural do Vale do Guadiana do ICNF no JBT

O Jardim Botânico Tropical a ULisboa volta a abrir portas ao público.  A 1.ª fase do projeto de requalificação incluiu o melhoramento dos caminhos, lagos e linhas de água e alguns canteiros da zona sul do jardim.

Homenagem a Helena Iglésias Pereira

“Lena, partiste, mas estarás sempre presente no nosso coração.” Artigo da autoria de Maria Antónia Turkman, professora do DEIO Ciências ULisboa.

Páginas