Ciências ULisboa lidera SAFE Coating. Biomimetx e Hospital Curry Cabral são parceiros do projeto

Entrevista com Carlos Cordeiro

Seis meses para implementar superfícies capazes de inativar o SARS-CoV-2

janela

Carlos Cordeiro espera que a implementação do SAFE Coating possa ser eficaz não só em relação ao SARS-CoV-2, como a outras ameaças virais que possam emergir no futuro. "Este mundo será muito mais seguro e confortável para todos", diz o cientista

unsplash - Eduard Militaru
Carlos Cordeiro
Carlos Cordeiro
Fonte Laboratório de FT-ICR e Espectrometria de Massa Estrutural Ciências ULisboa

Carlos Cordeiro, professor do Departamento de Química e Bioquímica, coordenador adjunto da Rede Nacional de Espectrometria de Massa e coordenador do Laboratório de FT-ICR e Espectrometria de Massa Estrutural (FT-ICR-MS-Lisboa), lidera o projeto “SAFE Coating – Anti Viral Coating for Wide Spread Use”, iniciado este mês de julho e que visa desenvolver e testar uma tecnologia que permita tornar as superfícies seguras, capazes de inativar o SARS-CoV-2, o novo coronavírus, que origina a doença designada COVID-19, impedindo a sua viabilidade fora do hospedeiro humano e consequentemente, eliminando uma importante via de transmissão viral.

Carlos Cordeiro espera que a implementação do SAFE Coating possa ser eficaz não só em relação ao SARS-CoV-2, mas também relativamente a outras ameaças virais que possam emergir no futuro. No laboratório por si coordenado é realizada uma técnica de alta resolução de espectrometria de massa de transformada de fourier, única na Península Ibérica e apenas disponível em pouco mais de 20 laboratórios na União Europeia. Esta técnica tem um potencial inigualável para a identificação e caracterização de compostos químicos em misturas extremamente complexas de origem biológica ou ambiental, bem como de proteínas e péptidos e um vasto universo de aplicações.

Segundo comunicado de imprensa emitido pela Faculdade, este projeto com a duração de seis meses, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), no valor de 40 mil euros, no âmbito da Call Research 4 COVID-19, conta com dois parceiros, nomeadamente a Biomimetx, empresa incubada no Tec Labs – Centro de Inovação da Ciências ULisboa e o Hospital Curry Cabral.

Em que é que consiste este projeto?

Carlos Cordeiro (CC) - Este projeto consiste em investigar a degradação das proteínas do SARS-CoV-2 por espectrometria de massa de extrema resolução, após a sua exposição ao agente antiviral desenvolvido pela Biomimetx. Posteriormente, será investigada a inativação do SARS-CoV-2 em superfícies com ação antiviral, em ambiente laboratorial e hospitalar, no Hospital Curry Cabral. O projeto começou a 7 de julho e tem a duração de seis meses.

Quem são e o que fazem os membros desta equipa?

CC – Pela Faculdade, estou eu, coordenador do projeto, e a minha colega Marta Sousa Silva, investigadora principal da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) na Faculdade. Seremos responsáveis pela análise por espectrometria de massa das proteínas virais e sua degradação. Pela Biomimetx, está o Gonçalo Costa, fundador e chief cientific officer, Patrick Freire, fundador e executive director e Carla Coutinho, research development team manager, responsáveis pela produção do antiviral, sua aplicação em superfícies e testes. Por fim, mui digno, Conceição Godinho, diretora de laboratório do Hospital Curry Cabral que irá realizar os testes de inativação viral em condições reais, neste hospital.

Quem é que financia esta investigação?

CC - Esta investigação é financiada pela FCT, no âmbito dos projetos de implementação rápida para soluções inovadoras - COVID-19 – Fase 2. Foram atribuídos €40.000,00.

Biomimetx
Neste projeto a equipa da Biomimetx visa adaptar os seus produtos à descontaminação de superfícies, essencial para a contenção da propagação do SARS-Cov-2
Fonte Biomimetx

Como surgiu a hipótese de colaborarem com a Biomimetx e o Hospital Curry Cabral?

CC - A colaboração surgiu de forma muito natural, numa conversa casual entre mim e o Gonçalo. Decidimos combinar esforços no sentido de explorar o potencial conjunto dos produtos desenvolvidos pela Biomimetx e as capacidades analíticas do meu laboratório para avaliar o seu impacto na viabilidade do SARS-CoV-2. Precisávamos, no entanto, de um hospital onde pudessem ser efetuados os testes finais em ambiente real. O meu grupo já trabalha há alguns anos com o Hospital Curry Cabral e, no contexto da atual pandemia, já estávamos em convergência para atuar em conjunto, nomeadamente no domínio da proteómica e metabolómica de modo que a inclusão deste hospital no projeto foi imediata.

Qual é a mais valia deste projeto para a sociedade?

CC - Ao desenvolvermos superfícies capazes de inativar o SARS-CoV-2, impediremos a sua viabilidade fora do hospedeiro humano e consequentemente, eliminaremos uma importante via de transmissão viral. Adicionalmente, ao criarmos superfícies seguras reduziremos drasticamente os custos de sanitização em ambiente hospitalar e outros, criando condições para uma sociedade mais segura. Imaginemos um mundo no qual a maior parte dos objetos de uso comum possam incorporar esta tecnologia. Este mundo será muito mais seguro e confortável para todos. Não haverá mais o receio de contaminação por nos sentarmos à mesa de um restaurante, por estarmos numa sala de aula ou num laboratório, nem tão pouco por apanharmos um avião ou ficarmos hospedados num hotel. A sociedade poderá retomar uma maior normalidade de vida em comum, algo que é extremamente importante face a todas as incertezas relacionadas com o desenvolvimento de uma vacina segura e de uso generalizado. Esperamos ainda que a implementação eficaz do SAFE Coating possa ser eficaz não só em relação ao SARS-CoV-2 mas também relativamente a outras ameaças virais que possam emergir no futuro.

A equipa da Biomimetx desenvolve produtos anti-fouling não poluentes que possam ser incorporados na pintura exterior de embarcações, reduzindo assim os custos – nomeadamente em combustível – provocados pela acumulação de organismos. Neste projeto a equipa da Biomimetx visa adaptar os seus produtos à descontaminação de superfícies, essencial para a contenção da propagação do SARS-Cov-2.

Laboratório de FT-ICR e Espectrometria de Massa Estrutural no campus da Ciências ULisboa
As técnicas deste laboratório têm um potencial inigualável para a identificação e caracterização de compostos químicos em misturas extremamente complexas de origem biológica ou ambiental, bem como de proteínas e péptidos e um vasto universo de aplicações
Fonte Laboratório de FT-ICR e Espectrometria de Massa Estrutural Ciências ULisboa

 

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Estão abertas as inscrições para a disciplina que promove o empreendedorismo - Projeto Empresarial. Todos os alunos de mestrado ou nos dois últimos anos de mestrado integrado podem candidatar-se até dia 16 de novembro.

A FCUL, bem como toda a Universidade de Lisboa está sem acesso à Internet desde cerca das 11:45 da manhã.

Professora Olga Pombo, autora do livro "O Círculo dos Saberes"

“Estou convencida que a imagem do círculo constitui um arquétipo, uma determinação conceptual prévia a toda a investigação”, defende Olga Pombo, docente na FCUL e autora do livro “O Círculo dos Saberes”.

Imagem ilustrativa do livro "O Círculo dos Saberes"

“A apresentação do livro seguirá um formato sério e discreto. O professor Shahid Rahman fará uma apresentação e apreciação do livro e eu agradecerei todas as suas palavras, sejam elas elogiosas, sejam críticas", afirma a autora Olga Pombo.

Trial para todos os Membros da b-on.

Pessoas a correr junto ao Marquês de Pombal

A primeira Corrida da Ciência aconteceu o ano passado por ocasião das celebrações dos 100 anos da FCUL. A edição deste ano integra-se na 2.ª Edição do AmbientALL – Universidade em Movimento.

O concurso de programação destina-se a alunos universitários e este ano junta 16 equipas, oriundas de oito instituições universitárias portuguesas. A equipa da FCUL chama-se BigO(1).

Imagem da professora Maria José Boavida

“Colega amiga”, “orientadora empenhada e humanista” e “investigadora solidária”, assim se recorda Maria José Boavida (1948 – 2012).

Desenho do campus da FCUL

As tabelas e notas científicas, assim como as regras elementares de segurança em laboratórios são algumas das mais-valias deste “livro”.

A fim de cumprir com o estabelecido no Regulamento Eleitoral, o Caderno Eleitoral para a eleição do Presidente do Departamento de Estatística e Investigação Operacional está disponível para consulta.

 O projecto CAMPUS UL realizado pelos alunos de mestrado em Engenharia Geográfica no âmbito das disciplinas de Fotogrametria Analítica e de Produção Cartográfica ganhou o segundo prémio no concurso internacional de projectos com fins educativos

lâmpada

"Criar, transferir e valorizar economicamente o conhecimento científico" é a causa primária do renovado centro de inovação, situado no campus da FCUL.

Hoje, quarta-feira, dia 10 de Outubro de 2012, registou-se uma quebra no acesso à Internet pelas 17h00 por cerca de 5 minutos.

A causa foi externa à Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e ainda não fomos informados das suas causas.

Estão abertas três vagas para bolseiros para a Unidade de Informática

Imagem do professor J. Sebastião e Silva

O Departamento de Matemática da FCUL apresenta obras selecionadas de personalidades da nossa história, nomeadamente os Compêndios de Matemática e os respetivos Guias para professores de José Sebastião de Silva, cujos direitos patrimoniais foram cedidos à Faculdade por um período de 30 anos.

Devido a uma avaria no equipamento de Videoconferência, o serviço encontra-se interrompido por tempo indeterminado. Pedimos desculpa pelo incómodo causado.

Alunos aguardam a sua vez na fila para as inscrições

Este ano, durante a 1.ª fase de inscrições, foi realizado um inquérito a 845 estudantes. De acordo com os resultados obtidos, o reconhecimento da competência científica (25%), a localização (22%) e a nota de candidatura (22%), foram determinantes na escolha da FCUL.

Abertura de Concurso para uma posição de substituição de Doutor Ciência na CFNUL na área Física Nuclear – Reações Nucleares, ver anúncio em http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx?task=global&job

A FCUL dá as boas-vindas aos novos alunos, após o arranque do novo ano letivo, a 17 de setembro.

Filipe Duarte Santos - Professor Catedrático e Jubilado do Departamento de Física e Director do SIM

Imagem de perfil de Maria Filomena Camões, professora do DQB-FCUL

Maria Filomena Camões, professora do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, assina um artigo sobre a criação do Instituto Nacional de Metrologia da Colômbia e a inauguração de um laboratório do qual é madrinha.

Guiomar Evans - Prof. Auxiliar do Departamento de Física e Investigadora do Centro de Física da Matéria Condensada

A missa do 30.º dia em memória de José Manuel Pires dos Santos, professor aposentado do Departamento de Informática da FCUL, realiza-se a 11 de setembro, pelas 19h00, na Igreja da Luz, em Carnide.

Páginas