Opinião

4.º Dia Aberto de Produtores

Última Revisão —
Mercado de Santa Clara

O 4.º Dia Aberto de Produtores aconteceu no passado dia 19 de março, no Mercado de Santa Clara, na Graça, em Lisboa

Leonor Rodrigues, Caravana AgroEcológica, Mite2, cE3c Ciências ULisboa
mercado de santa clara
A sustentabilidade económica e escalabilidade das produções agroecológicas foram o tema do 4.º Dia Aberto de Produtores
Fonte Leonor Rodrigues, Caravana AgroEcológica, Mite2, cE3c Ciências ULisboa

Esta iniciativa realizada em parceira pela Caravana AgroEcológica (CA), um projeto participativo do grupo de investigação MITE2 do Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais, polo da Faculdade, pela Escola Profissional de Hotelaria e Turismo de Lisboa (EPHTL) e pelo chef António Alexandre consiste na mostra de produtos de um conjunto de produtores cujas práticas são sustentáveis; seguida de uma prova de produtos (trazidos pelos produtores), confecionados pelo chef António Alexandre com o apoio de alunos da EPHTL; e acompanhada por uma conversa aberta sobre temas relacionados com a Agroecologia entre os participantes. O 4.º Dia Aberto de Produtores aconteceu no passado dia 19 de março, no Mercado de Santa Clara, na Graça, em Lisboa.

Os Dias Abertos de Produtores pretendem aproximar consumidores e produtores. Neste 4.º Dia Aberto de Produtores debatemos a sustentabilidade económica e escalabilidade das produções agroecológicas.

Os produtores concordam que o problema é real: é ainda muito difícil atingir a sustentabilidade económica da agricultura que não seja intensiva e apenas de mercado. Para Jorge Cancela, da Landscape Farm, para além desta agricultura existe a agricultura dos afetos - a horta que nos alimenta, mas que não produz para venda - e a do abandono. Tentar aproximar o mercado dos afetos sem cair no abandono não é tarefa fácil.

O papel do consumidor no apoio aos produtores agroecológicos é importante e pode ser reforçado através, por exemplo, de Associações para a Manutenção de um Consumo de Proximidade (AMAP) onde os consumidores partilham os riscos e os benefícios com os produtores, salienta Cátia Melo, da AMAP Maravilha.

Para dar a conhecer a sua produção aos consumidores, Rodolfo Pereira, da Papafigos.Bio, organiza Dias Abertos na sua quinta.

O produtor José Encarnação, da Quinta dos Medronheiros, salienta que a composição dos alimentos de cada estação adequa-se frequentemente às nossas necessidades: os citrinos, as couves e os brócolos dão-nos vitamina C no inverno; o tomate e o agrião dão-nos vitamina A no verão.

O chef António Alexandre corrobora a responsabilidade dos consumidores, salientando os benefícios para a saúde e o ambiente dos produtos agroecológicos.

A viabilidade das produções passa também pela diversificação: Hélia Machado e Marta Carrasco, ambas da Companhia das Lezírias e Márcia Pinto, da Salina Greens apostam na transformação de produtos (frutas e legumes desidratados e vinho). Ana Rita Lemos, da Quinta da Salema, tem nas suas galinhas um fertilizante natural para a sua produção. Para estes produtores os resíduos são recursos, não são desperdício.

Confirmamos na conversa aberta com os produtores que a sustentabilidade económica e escalabilidade dos sistemas agroecológicos é um objetivo difícil de atingir, mas sem dúvida necessário, e que todos nós temos um papel a cumprir: consumidores e produtores.

Inês Costa Pereira, equipa da Caravana AgroEcológica
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

Páginas