Novo Dinossáurio do Jurássico Superior de Portugal

Oceanotitan dantasi

Esqueleto de <i>Oceanotitan dantasi</i> à escala

Esqueleto de Oceanotitan dantasi à escala. A vermelho estão os elementos encontrados. Fósseis estudados: vértebras caudais; escápula direita; fémur, tíbia e fíbula

Modificado de Paul, 2010

Uma equipa de paleontólogos identificou uma nova espécie de dinossáurio - Oceanotitan dantasi -, descoberto na Praia de Valmitão, na Lourinhã, em 1996. A identificação da nova espécie confirma a presença de uma grande diversidade de saurópodes no Jurássico Superior de Portugal rivalizando a diversidade já reconhecida nas faunas do Jurássico Superior da América do Norte e de África.

O estudo liderado por Pedro Mocho, investigador do Instituto Dom Luiz de Ciências ULisboa e da Sociedade de História Natural, publicado este mês no Journal of Vertebrate Paleontology, enriquece um dos melhores registos fósseis de dinossáurios jurássicos da Europa. Pedro Mocho contou com a colaboração de paleontólogos do Grupo de Biología Evolutiva-UNED e FCPT-Dinópolis, em Espanha e do Natural History Museum of Los Angeles County, nos EUA.

Neste trabalho iniciado em 2013 os investigadores descrevem os restos fósseis deste novo dinossáurio pertencente aos saurópodes, dinossáurios herbívoros que podiam atingir dimensões colossais e que se caracterizam pelas suas caudas e pescoços compridos. O Oceanotitan dantasi, com um tamanho mediano, habitou a Bacia Lusitaniana há 150-145 milhões de anos, no Jurássico Superior, e é um dos membros mais antigos e primitivos de um grupo de saurópodes denominado Somphospondyli, correspondendo a um dos grupos de dinossáurios saurópodes mais diversificados durante o período Cretácico.


Ilustração de Oceanotitan dantasi
Fonte Carlos de Miguel Chaves

O “gigante dos oceanos” é uma referência à cantora islandesa Björk e à sua música “Oceania”, que inspirou os autores na atribuição deste nome e homenageia o paleontólogo Pedro Dantas, um dos responsáveis pelo renascimento da Paleontologia de Vertebrados em Portugal nos anos 90, então paleontólogo do Museu Nacional de História Natural e da Ciência, em Lisboa, e involucrado na extração de dinossáurios como Dinheirosaurus lourinhanensis.

A nova espécie de dinossáurio foi descoberta em 1996 por José Joaquim, um entusiasta da Paleontologia e responsável por várias descobertas na região Oeste que se encontram depositadas na Coleção Paleontológica da Sociedade de História Natural, sediada em Torres Vedras. A região Oeste é conhecida pela sua riqueza em fósseis de dinossáurios do Jurássico Superior (há 148 milhões de anos). O núcleo provisório do futuro Museu Paleontológico da Praia de Santa Cruz deverá abrir este verão. O acervo existente representa uma das maiores coleções de vertebrados fósseis do mesozoico português.

ACI Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

O Prémio João Branco é uma iniciativa conjunta da Universidade de Aveiro e da família do designer Jo

Dia 4 Fevereiro 2013 – 14:00h às 19:30h (Sala 2.2.15)

Primeiro plenário do IPBES

Grupo liderado por Henrique Miguel Pereira, investigador do Centro de Biologia Ambiental da FCUL, submete à apreciação da comunidade científica o desenvolvimento de um sistema de monitorização da biodiversidade baseado num conjunto de variáveis essenciais.

Rosto de Maria Antónia Amaral Turkman

“Ao longo dos últimos dois séculos a Estatística foi indispensável em confirmar muitas das maiores descobertas científicas e inovações da humanidade, tais como a partícula bosão de Higgs e a Revolução Verde na agricultura”, declaram Daniel Paulino, presidente da Sociedade Portuguesa de Estatística e Maria Antónia Amaral Turkman, coordenadora do CEAUL.

Dois artigos -- contando com docentes e investigadores do GeoFCUL no seu elenco de autores -- assinalados no “TOP 25 Hottest Papers” de Abril-Junho de 2011 da revista Journal of South American Earth Studies (Sciencedirect / Elsevier).

Rosto de Henrique Leitão

Henrique Leitão foi eleito membro efetivo da Académie International d'Histoire des Sciences, pela relevância da sua carreira e produção intelectual. Para o historiador das ciências foi uma “honra enorme” receber a distinção, “a maior ambição de qualquer estudioso ou cientista”.

Proposal for a REGULATION OF THE EUROPEAN PARLIAMENT AND OF THE COUNCIL.

Laying down the rules for the participation and dissemination in 'Horizon 2020 – the Framework Programme for Research and Innovation (2014-2020).

EUA represents over 850 universities and university associations across 47 European countries. Its highly diverse membership covers the full spectrum of universities participating in European research programmes.

Vai realizar-se de 18 a 20 de Março de 2013, em honra do Professor Ross Leadbetter, o "Symposium on Recent Advances in Extreme Value Theory ".

Face de Maria Amélia Martins-Loução

O Flora-On sistematiza informação fotográfica, geográfica, morfológica e ecológica de todas as espécies de plantas vasculares autóctones ou naturalizadas listadas para a flora de Portugal. Atualmente, através deste portal acede a 164 famílias, 836 géneros e 2991 espécies.

Cortejo académico na Aula Magna

A cerimónia de abertura do ano letivo de 2012/2013 marca uma nova etapa do ensino superior público.
Exegi monumentum aere perennius - Ergui um monumento mais duradouro que o bronze.
Da nova Universidade de Lisboa vê-se o mundo...

Crianças dos 5 aos 9 anos descobrem as Ciências na FCUL

A FCUL abriu as portas do conhecimento aos alunos do Colégio Infantes de Portugal, de Palmela. Durante uma manhã, os laboratórios de Biologia e de Química e Bioquímica foram explorados por cerca de 20 crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 9 anos.

Encontra-se aberto concurso externo para o Banco de Portugal - Departamento de Supervisão Prudencial, com vista ao preenchimento de vagas de Técnico Superior para a área de supervisão

“A inovação é tipo ‘ovo de Colombo’, depois de se saber, parece fácil. Só que ‘saber’ significa um longo caminho de amadurecimento do conhecimento”, declara Maria Filomena Camões, docente do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, a propósito da atribuição da Bolsa Europeia de Excelência de Investigação.

A. M. Galopim de Carvalho num dos geoparques

O pioneiro da Geoconservação em Portugal sente-se agradado pelo reconhecimento dos mais de 20 anos de serviço em prol da preservação e salvaguarda dos geoparques, considerando o tributo um importante incentivo para a defesa territorial, para a promoção da geodiversidade e para o desenvolvimento sustentável baseado no património geológico.

Isaac Carrêlo e Rita Almeida, alunos do curso de Engenharia e Energia do Ambiente e Eva Barrocas, do curso de Biologia, viajaram até Cabo Verde para fazer parte da equipa Turtle Foundation. Durante um mês de experiências intensas, protegeram tartarugas e levaram os ensinamentos apreendidos na FCUL até à comunidade local.

Mapa

O Memorando de Entendimento celebrado com Portugal estabelece oito áreas programáticas para a respetiva alocação de verbas para 2009/2014. A abertura de concursos para Portugal deve acontecer ainda este ano.

Palestra por Jennifer de Jonge

Centro de Biotecnologia Vegetal/IBB

Evolução Tecnológica e o Cadastro Territorial Multifinalitário no Brasil

Páginas