Best Early Career Scientist Presentation Award no ICES ASC 2018

Catarina Frazão Santos coordena OCEANPLAN

Catarina Frazão Santos

Nas instalações do Laboratório Marítimo da Guia de Ciências ULisboa, em Cascais, onde desenvolve o seu trabalho

Imagem cedida por CFS

O Museu do Mar Rei D. Carlos I, em Cascais, inaugura a 9 de fevereiro, pelas 17h30, a exposição “Alterações Climáticas e os Oceanos do Futuro”. A mostra fica patente ao público até 31 de julho de 2019. O OCEANPLAN é um dos parceiros da exposição, com um painel sobre os impactos das mudanças climáticas nos principais usos do oceano.

Catarina Frazão Santos, investigadora do Departamento de Biologia Animal e do polo de Ciências ULisboa do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE) trabalha na área do planeamento, gestão e governança do espaço marítimo, procurando contribuir para a proteção dos ecossistemas marinhos e o seu uso sustentável.

O ano passado participou no International Council for the Exploration of the Sea (ICES) Annual Science Conference (ASC) 2018 - uma oportunidade para discutir ideias, atualizar conhecimentos e divulgar resultados - e foi distinguida com o Best Early Career Scientist Presentation Award. Em 2019 espera voltar a estar presente no acontecimento, que se realiza em setembro, em Gotemburgo, na Suécia. O prazo para a submissão de resumos já abriu e termina a 11 de março.

Na ICES ASC 2018 estiveram presentes cerca de 650 especialistas, de 34 países, entre eles investigadores do MARE, IPMA, universidades dos Açores, Aveiro e Coimbra, do ISPA, da Nova School of Business and Economics e do IMAR. Para Catarina Frazão Santos esta distinção “representa um reconhecimento relativamente à qualidade científica do trabalho apresentado, o que é extremamente gratificante e motivador para continuar o desenvolvimento do mesmo”, diz.

Catarina Frazão Santos
Além do Best Early Career Scientist Presentation Award recebeu em 2007 e 2011 dois prémios FLAD/IMAR, no âmbito dos quais estagiou em instituições científicas nos EUA
Imagem cedida por CFS

A apresentação de Catarina Frazão Santos – “Impacts of global environmental change in ocean planning and the Blue Economy”, durante a sessão temática “Assessing and analysing marine spatial planning”, focou-se no desafio que as alterações climáticas representam para o ordenamento do espaço marítimo, bem como na necessidade de garantir mecanismos de adaptação a essas alterações, apresentando um índice para avaliar a vulnerabilidade do ordenamento do espaço marítimo às alterações climáticas, na qual está a trabalhar, juntamente com outros investigadores, há já algum tempo, bem como os resultados preliminares da sua aplicação a nível europeu.

“Foi a primeira vez que estive presente no ICES ASC e foi uma experiência muito positiva. Foi um encontro com uma grande variedade de sessões temáticas - 18 sessões abordando temas muito relevantes e atuais -, bem organizado e com a presença de especialistas reconhecidos nas diferentes áreas. Foi muito bom para discutir resultados e estabelecer novas contactos.”
Catarina Frazão Santos

O tema da apresentação de Catarina Frazão Santos corresponde ao projeto de investigação “Marine Spatial Planning under a Changing Climate” (OCEANPLAN), iniciado em outubro de 2018 e que decorrerá nos próximos três anos. A Fundação para a Ciência e a Tecnologia financia esta investigação, que tem como parceiros a Fundação Gaspar Frutuoso e a Universidade dos Açores. “Durante este período iremos investigar os mecanismos através dos quais o ordenamento do espaço marítimo pode ser afetado pelas alterações climáticas, bem como mecanismos através dos quais este se pode adaptar a essas alterações, utilizando um conjunto de casos de estudo”, conta Catarina Frazão Santos, a investigadora principal do projeto, cuja equipa inclui investigadores de várias instituições nacionais e internacionais, especialistas tanto em ordenamento e gestão do mar como em alterações climáticas.

“Esperamos obter resultados interessantes e, acima de tudo, úteis.”
Catarina Frazão Santos

Catarina Frazão Santos estudou em Ciências ULisboa. Concluiu o doutoramento em Ciências do Mar em 2016, tendo desenvolvido o projeto de doutoramento em ordenamento do espaço marítimo em colaboração com o Duke University Marine Laboratory, nos EUA. Durante esse período foi convidada para apoiar a Agência de Execução para a Investigação da Comissão Europeia na avaliação de projetos submetidos ao programa H2020, tendo desde então desempenhado papeis de vice-presidente, avaliadora e relatora. A licenciatura em Biologia Ambiental variante Marinha foi concluída em 2006 e o mestrado em Ecologia e Gestão Ambiental, em 2008, ano em que integrou uma equipa de investigação responsável pela avaliação ambiental e monitorização de diversos projetos e planos nacionais.

Além do Best Early Career Scientist Presentation Award recebeu em 2007 e 2011 dois prémios FLAD/IMAR, no âmbito dos quais estagiou em instituições científicas nos EUA. É autora de várias publicações científicas, algumas das quais em revistas da especialidade de topo, como é o caso da Nature Geoscience, sendo ainda revisora convidada em várias revistas científicas internacionais, como por exemplo a Conservation Biology, Ecological Indicators, Ecosphere.

 Katherine Mills, Jörn Schmidt e Catarina Frazão Santos
Catarina Frazão Santos com os investigadores Katherine Mills, da Gulf of Maine Research Institute, nos EUA e Jörn Schmidt, da Kiel University, na Alemanha, com quem coorganizou a sessão sobre vulnerabilidade e adaptação a alterações climáticas, durante a conferência internacional The Effects of Climate Change in the World’s Oceans, ocorrida o ano passado em Washington
Imagem cedida por CFS

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Camião de longo curso em via rápida

Existe uma enorme vontade de potenciar a economia baseada no conhecimento. O Ecossistema de Transportes ambiciona transformar Portugal num polo de referência, dinamizando projetos em inovação aberta, reconhecendo a oportunidade estratégica que se coloca.

A Unidade de Informática informa que desde hoje, dia 13 de Novembro de 2012 às 9h00, o Portal da FCUL está em IPv6.

Estão a ser enviadas, desde o passado fim de semana (3/11), mensagens de correio eletrónico para alguns utilizadores de contas fc.ul.pt com solicitação de preenchimento de formulários web ou respostas via mail com dados pessoais dos utilizadores.

Devido ao numero excessivo de mensagens falsas que nos últimos tempos têm chegado às caixas de correio dos utilizadores da FCUL, algumas delas dando a entender que são enviadas de endereços internos, fomos obrigados a tomar medidas mais restritivas em relaç

Boletim da Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) integra Portal RCAAP

Alunos brasileiros

A Faculdade de Ciências recebeu cerca de 70 alunos de mobilidade, vindos do Brasil.

Aula aberta - Mestrado em Biologia Molecular e Genética

7 de Novembro, 11:00, sala 2.4.16

 

INFORMAÇÃO

Recent years have witnessed the emergence of new sequencing technologies that are revolutionizing the approach to public health problems.

Na FCUL existe uma unidade curricular designada Projeto Empresarial. Esta “cadeira”, comum ao ISCTE-IUL, prepara os alunos para a realidade empresarial e tecnológica. No total, cerca de 300 alunos já a frequentaram.

Carlos Rafael Mendes

A tese do antigo aluno da FCUL, Carlos Rafael Borges Mendes e recentemente premiada, contou com a orientação conjunta das professoras Vanda Brotas e Virginia M. Tavano.

Web of Science Book Citation Index - Trial para todos os membros b-on

Estão abertas as inscrições para a disciplina que promove o empreendedorismo - Projeto Empresarial. Todos os alunos de mestrado ou nos dois últimos anos de mestrado integrado podem candidatar-se até dia 16 de novembro.

A FCUL, bem como toda a Universidade de Lisboa está sem acesso à Internet desde cerca das 11:45 da manhã.

Professora Olga Pombo, autora do livro "O Círculo dos Saberes"

“Estou convencida que a imagem do círculo constitui um arquétipo, uma determinação conceptual prévia a toda a investigação”, defende Olga Pombo, docente na FCUL e autora do livro “O Círculo dos Saberes”.

Imagem ilustrativa do livro "O Círculo dos Saberes"

“A apresentação do livro seguirá um formato sério e discreto. O professor Shahid Rahman fará uma apresentação e apreciação do livro e eu agradecerei todas as suas palavras, sejam elas elogiosas, sejam críticas", afirma a autora Olga Pombo.

Trial para todos os Membros da b-on.

Pessoas a correr junto ao Marquês de Pombal

A primeira Corrida da Ciência aconteceu o ano passado por ocasião das celebrações dos 100 anos da FCUL. A edição deste ano integra-se na 2.ª Edição do AmbientALL – Universidade em Movimento.

O concurso de programação destina-se a alunos universitários e este ano junta 16 equipas, oriundas de oito instituições universitárias portuguesas. A equipa da FCUL chama-se BigO(1).

Imagem da professora Maria José Boavida

“Colega amiga”, “orientadora empenhada e humanista” e “investigadora solidária”, assim se recorda Maria José Boavida (1948 – 2012).

Desenho do campus da FCUL

As tabelas e notas científicas, assim como as regras elementares de segurança em laboratórios são algumas das mais-valias deste “livro”.

A fim de cumprir com o estabelecido no Regulamento Eleitoral, o Caderno Eleitoral para a eleição do Presidente do Departamento de Estatística e Investigação Operacional está disponível para consulta.

 O projecto CAMPUS UL realizado pelos alunos de mestrado em Engenharia Geográfica no âmbito das disciplinas de Fotogrametria Analítica e de Produção Cartográfica ganhou o segundo prémio no concurso internacional de projectos com fins educativos

lâmpada

"Criar, transferir e valorizar economicamente o conhecimento científico" é a causa primária do renovado centro de inovação, situado no campus da FCUL.

Páginas