Seminário

Habitar o vago

Regenerar um vazio urbano entre Ajuda e Alcântara: reflexões e propostas

Evento online

A Associação Eco bairros de Futuro, que tem como objetivo a conceção e construção de eco bairros em meio urbano, criando um novo padrão de sustentabilidade, habitabilidade e acessibilidade, promove um conjunto de conversas online sobre um vazio urbano localizado nas freguesias da Ajuda e Alcântara.

O espaço em causa confina com a Tapada da Ajuda, o Bairro do Casalinho da Ajuda e a Escola Francisco Arruda e integra os “Fornos d’El-Rei”.

Um território, antigamente ocupado por pedreiras de calcário e fornos de cal, abandonado, devoluto, entregue à degradação, um território constituído por espaços esquecidos, fragmentados, obsoletos e sem uso, mas também portadores de memória, espaços de oportunidade e dinâmica urbanística.

O PDM cartografa neste território três usos do solo: (i) Espaços Verdes de Proteção e Conservação em Espaços Consolidados, (ii) Espaços Centrais e Residenciais, e (iii) Espaços de Uso Especial de Equipamentos em Espaços a Consolidar, sendo assim um lugar de possibilidades futuras para a vivência urbana.

Pretende-se produzir alguma reflexão em torno dos Fornos d’ El Rei, um terreno vago que se apresenta como uma oportunidade para a reestruturação da cidade, com o sentido de o enquadrar na cidade e de estabelecer relações com os bairros e a sociedade que o envolve, o que suscita um conjunto de questões:

  • Como conceber a construção de um eco bairro que respeite o habitat natural e o património industrial existentes?
  • Como cerzir a nova malha urbana com os tecidos existentes?
  • Que políticas públicas poderão favorecer a regeneração de terrenos urbanos e a implantação de projetos de construção ambiental e socialmente sustentáveis, que envolvam a participação dos seus proponentes em diálogo com a comunidade local?
  • Que fazer para montar o processo do eco bairro como espaço de partilha e de criação participada?

Para esse efeito serão organizados três webinars (via teleconferência), divididos pelos temas de (1) Políticas Públicas para a criação de um eco bairro, (2) Fornos d’ El Rei - Ausência mas também promessa do urbano, e (3) Governança e Políticas Participativas.

A iniciativa conta com a participação de Gil Penha-Lopes (Ciências ULisboa).

Programa do evento

Logótipo da Unite!

Summer School no âmbito da Rede UNITE! (University Network for Innovation, Technology and Engineering), de que faz parte a ULisboa.

Cartaz do evento

Uma iniciativa com o objetivo de aproximar a ciência dos jovens de todas as idades, com desafios, palestras e muita diversão, num formato inteiramente online!

Primeira edição das Manhãs de Matemática na Aberta, dedicada à Geometria, com a participação de Carlos Florentino (Ciências ULisboa). 

Hi-Phi Seminar, por Lorenzo Baravalle (FCUL, CFCUL) e Maurizio Esposito (FCUL, CIUHCT).

Imagem ilustrativa da sessão

Sessão de homenagem no âmbito da 13.ª Reunião Anual da APG - Associação Portuguesa de Geólogos.

Colóquio de Matemática, por Teresa Monteiro Fernandes (Departamento de Matemática | Ciências ULisboa).

O curso visa apresentar uma série de perspetivas sobre o desenvolvimento conceitual da estatística e sobre o uso de inferências e modelos estatísticos nas ciências empíricas.

Mapa antigo

Workshop internacional associado ao projeto Medea-Chart.

Imagem ilustrativa do curso, acompanhada de várias informações úteis

Um curso dirigido ao público em geral e a estudantes de arte ou ciência (a partir dos 16 anos), com interesse em desenho de observação, ilustração e biologia, com ou sem experiência em desenho.

The objective of this course is to introduce participants to the details of communication and writing scientific publications.

Imagem ilustrativa do programa, acompanhada do respetivo título

Um programa de aceleração de ideias e negócios, promovido pela redeSaúde, com candidaturas até 30 de setembro de 2021.

The objective of this course is to introduce participants to the details of communicating science to non-specialized audiences, including, but not exclusive to, public and private stakeholders, students and teachers, and media professionals.

This course aims to evidence the importance of natural history collections for the study of biodiversity, to show new tools and approaches to extract and disseminate biodiversity data from natural history collections and to increase awareness of young researchers for the scientific and cultural value of Natural History Museums.

The course aims at providing an introduction to stable isotopes ratios as tools to understand global, ecosystem and community level bio/geo cycles; light isotopes: H, N, C, O and S isotopes, geo cycles and ecological significance; sampling and analytical methodologies in stable isotope analysis.

EvoS aims at turning evolutionary theory into a common language to areas that pertain to the natural world, including human affairs.

The course SoilEco aims at introducing attendants to an updated state of the art of diversity of the soil biota and the functional roles played by soil organisms in key ecological processes.

In this course, we promote a multidisciplinary approach presenting the most recent findings on the topic and challenging the traditional way of considering symbiotic associations as exceptions and not as the rule.

The goal of this course is to provide to the participants with current and practical knowledge on urban ecology, including ecological and social aspects.

This course aims to explore ways of communicating science to non-specialized audiences, such as policy makers, industry, general public (including students and teachers), through their engagement and participation in citizen science activities.

This course introduces the field of island biogeography, a discipline that has long influenced other research areas such as macroecology, community ecology, evolution and conservation biology.

Scientists, as the main actors in the production of scientific knowledge, have the responsibility of having an active voice in communicating this knowledge – and that can be achieved for example by a conscious use of the communication tools at their disposal and a better articulation with journalists, among other means.

This course aims at providing students with basic knowledge of R programming, allowing them to manipulate and visualize data with R.

This course aims at providing students with statistical knowledge and tools to manipulate, analyze and visualize biological data with R. It also includes an introduction to modeling, simulations and Bayesian statistics.

Under the general framework of Global Change Ecology, the goal of this course is to provide the participants with the most recent and practical knowledge on the use of Functional Diversity.

The course provides essential skills and knowledge that enable the participants to develop climate change adaptation strategies.

Páginas