Susana Custódio preside Comissão Executiva do ORFEUS

“Está a ser uma experiência muito interessante”

C4G coordena a participação portuguesa no EPOS

O ORFEUS está integrado no EPOS, que contribui para uma melhor compreensão dos processos físicos que controlam terramotos, erupções vulcânicas, tsunamis e por exemplo movimentos tectónicos

unsplash - Amaze Yin

Susana Custódio, professora do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia de Ciências ULisboa e investigadora do Instituto Dom Luiz,  é a presidente da Comissão Executiva do ORFEUS - Observatories & Research Facilities for European Seismology desde maio passado. O mandato tem a duração de quatro anos.

“Está a ser uma experiência muito interessante, com desafios a vários níveis”, conta Susana Custódio.

O ORFEUS está integrado no EPOS - European Plate Observing System, que contribui para uma melhor compreensão dos processos físicos que controlam terramotos, erupções vulcânicas, tsunamis, movimentos tectónicos e outros com impacto potencialmente grave sobre o meio ambiente e o bem-estar dos cidadãos.

“O ORFEUS é o pilar do EPOS-Seismology que se dedica à disponibilização de dados sísmicos brutos e serviços associados, representando uma das comunidades mais amadurecidas dentro do EPOS”, refere Susana Custódio.

Em 2018, o ORFEUS adotou uma nova estrutura: há comunicações em tempo real e uma diversificação dos tipos de sensores e dados recolhidos; o envolvimento de novos parceiros e a formação de sismólogos em início de carreira.

“O ORFEUS formalizou um novo grupo de trabalho dedicado à sismologia de movimentos fortes e está a trabalhar na formalização de outros grupos, por exemplo, sismologia computacional, parques móveis de sismómetros”, explica Susana Custódio para quem estes desenvolvimentos são fruto de um trabalho anterior.

Portugal participa no EPOS desde 2010, desde a sua fase preparatória. Em 2020 o EPOS iniciará a fase operacional. O ano passado, a comissão europeia concedeu-lhe o estatuto jurídico de European Research Infrastructure Consortium (ERIC). O C4G é um consórcio nacional de infraestruturas para as Geociências e coordena a participação portuguesa no EPOS.

“A formalização do EPOS como uma ERIC é um passo importante, após 16 anos de trabalho em comunidade nas fases de conceção, preparação e implementação da infraestrutura. Este longo e árduo percurso evidencia bem o desafio que é articular em rede uma enorme quantidade de dados e laboratórios, que por agora existem dispersos por vários países e comunidades científicas. Desafio este que a comunidade das Ciências da Terra Sólida tem vindo a superar com sucesso.”
Susana Custódio

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Museu do Quartzo é inaugurado e recebe o nome de Galopim de Carvalho, professor jubilado do Departamento de Geologia.

Céu com nuvens escuras

As candidaturas oficina de formao terminam a 21 de maio. As sesses realizam-se s teras e quintas-feiras, entre as 17h30 e as 20h30.

A exposição “O Cálculo de ontem e de hoje”, elaborada pelo Departamento de Matemática em colabora&

Lâmpada

Estudantes de Engenharia Biomdica e Biofsica da FCUL promovem reunio especializada. O Ne2b2 existe desde outubro de 2008.

Luzes

Pela primeira vez a Reitoria da UL abre as suas portas aos estudantes da cidade, organizando um evento noturno para alunos dos ensinos universitário e secundário.

A exposio est a partir de 26 de Abril noMuseu Nacional de Histria Natural e da Cincia.

As provas de doutoramento em Biologia, especialidade de Microbiologia, da Mestre Egídia Maria Valente de Azevedo realizam-se no próximo dia 26 de Abril, pelas 10h:30 na Sala de Actos da

O grande momento do dia é a sessão solene, que inclui este ano o lançamento do segundo volume dos Professores Cientistas e a inauguração do Quadro de Honra.

Sobre Namoros e Casamentos

Jorge Buescu

Quinta-feira, dia 12 de Abril de 2012, s 18h30, na sala 6.1.36

Vela

Ricardo Leandro o vencedor da Competio Europeia. O estudante da FCUL apresentou a melhor ideia: um coletor solar trmico de baixo custo, acoplvel a um mdulo fotovoltaico.

A palestra "O Princpio do Tempo" proferida por Pedro Gil Ferreira uma das iniciativas do “VII Encontro Ibrico de Cosmologia”, que decorre em abril nas instalaes da FCUL.

Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminao de conhecimentos e a interligao com diferentes agentes sociais.

Os vrios objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentao do Departamento

Paleontlogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avanados" com mais quatro instituies universitrias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais dasOlimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz Gonalo Faria da Silva, estudante do 3. ano de Biologia.

No penltimo dia de maro realiza-se a quinta e ltima sesso do workshop destinado a preparar os estudantes para a obteno do 1. emprego.

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sesso de recrutamento em Cincias. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a insero profissional dos seus diplomados.

O evento uma organizao conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurana Informtica do DI-FCUL.

O DM est na Futurlia

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Páginas