Faça Sol ou Faça Vento

Era uma vez… Seis histórias sobre energias renováveis

O livro Faça Sol ou Faça Vento reúne seis histórias infantojuvenis sobre energias renováveis. Todas elas são escritas por autores com ligação à Faculdade de Ciências da ULisboa

ACI Ciências

Era uma daquelas ideias guardadas na gaveta há já algum tempo, há já alguns anos. Um grupo de cientistas questiona-se sobre a existência de um livro para crianças sobre energias renováveis, decide escrevê-las, escreve-as e guarda-as. Até este ano.

O livro Faça Sol ou Faça Vento, escrito por Ana Amaral, antiga aluna de Ciências, assim como Roberto Gambôa; Killian Lobato, Miguel Brito, José Silva e Jorge Maia Alves, professores do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia de Ciências e investigadores do Instituto Dom Luiz, foi lançado em novembro de 2017.

No livro destinado a crianças e jovens dos nove aos 13 anos, fala-se sobre energia, recursos naturais, alterações climáticas e em “como encontrar energia no sol, no vento, na água das chuvas e de como a podemos aproveitar no dia-a-dia”.

“Maria vai à casa ecológica”, “A caixa de sol”, “A energia dos quatro elementos”, “A visita ao Dr. Júpiter da mãe terra”, “Os três porquinhos e o inverno” e “A energia mais importante” são as narrativas escolhidas para funcionarem como “um estímulo a tomadas de consciência [sobre os problemas ambientais] por parte dos mais jovens”.

“A importância das temáticas das energias renováveis e da eficiência energética é cada vez mais incontornável. De facto, estamos a viver uma revolução ao nível da utilização da energia, e dos recursos naturais em geral, que levará necessariamente a mudanças significativas no modo como a sociedade em geral valoriza o nível de sustentabilidade do nosso modo de vida. Alertar os mais jovens para esta realidade é uma parte importante do trabalho que tem de ser feito"
Jorge Maia Alves

Para Jorge Maia Alves, autor da história “A caixa de sol”, o mais difícil de escrever este tipo de livros “é conseguir utilizar linguagem acessível e, simultaneamente, não perder o rigor no que é importante”. Quanto ao melhor, afirma: “é ficar com a sensação que se conseguiu fazer isso”.

O livro reúne ilustrações de Carla Coelho, foi editado pela editora Alfarroba e está disponível nas livrarias portuguesas.

Raquel Salgueira Póvoas, Área de Comunicação e Imagem
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Pormenor da capa do livro

O livro está à venda pelo valor de €18,40, no Atendimento Geral, sito no edifício C5, piso 3.

Anfiteatro

"As Jornadas tiveram um balanço bastante positivo (...) elucidaram e esclareceram algumas dúvidas importantes para os estudantes (...) ", conclui a Comissão de Curso de Engenharia Geográfica.

Museu do Quartzo é inaugurado e recebe o nome de Galopim de Carvalho, professor jubilado do Departamento de Geologia.

Céu com nuvens escuras

As candidaturas à oficina de formação terminam a 21 de maio. As sessões realizam-se às terças e quintas-feiras, entre as 17h30 e as 20h30.

A exposição “O Cálculo de ontem e de hoje”, elaborada pelo Departamento de Matemática em colabora&

Lâmpada

Estudantes de Engenharia Biomédica e Biofísica da FCUL promovem reunião especializada. O Ne2b2 existe desde outubro de 2008.

Luzes

Pela primeira vez a Reitoria da UL abre as suas portas aos estudantes da cidade, organizando um evento noturno para alunos dos ensinos universitário e secundário.

A exposição está a partir de 26 de Abril no Museu Nacional de História Natural e da Ciência.

As provas de doutoramento em Biologia, especialidade de Microbiologia, da Mestre Egídia Maria Valente de Azevedo realizam-se no próximo dia 26 de Abril, pelas 10h:30 na Sala de Actos da

O grande momento do dia é a sessão solene, que inclui este ano o lançamento do segundo volume dos Professores Cientistas e a inauguração do Quadro de Honra.

Sobre Namoros e Casamentos

Jorge Buescu

Quinta-feira, dia 12 de Abril de 2012, às 18h30, na sala 6.1.36

Vela

Ricardo Leandro é o vencedor da Competição Europeia. O estudante da FCUL apresentou a melhor ideia: um coletor solar térmico de baixo custo, acoplável a um módulo fotovoltaico.

A palestra "O Princípio do Tempo" proferida por Pedro Gil Ferreira é uma das iniciativas do “VII Encontro Ibérico de Cosmologia”, que decorre em abril nas instalações da FCUL.

Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

Páginas