Terra, 17 novembro 2012

Membros de uma tuna, durante uma atuação
Francisco Alves

Cheguei a este planeta com a missão muito clara de integrar o júri do XII S. Vicente - Festival Intergaláctico de Tunas Universais e Universitárias.

A aterragem correu lindamente e sem problemas de maior. À minha espera tinha o Ricardo, “antigo” membro da VicenTuna. A Marta, ex-aluna da FCUL, atualmente a viver e a tirar doutoramento na Califórnia. O Rui, membro do grupo Dazkarieh. A Daniela, vocalista do grupo Flor-de-Lis e o Manuel Bustorff, atual magíster da VicenTuna.

Depois de um jantar gentilmente oferecido aos membros do Júri, no qual tivemos oportunidade de trocar dois dedos de conversa e de conhecer melhor os nossos gostos e as tendências musicais da nossa galáxia, seguimos para a grandiosa sala de espetáculos de Lisboa, a Aula Magna, onde iria decorrer o festival.

O estacionamento estava sobrelotado de naves vindas de todos os cantos do espaço e as “pessoas” apressavam-se para apanhar os melhores lugares.

No meu caso, esse problema estava ausente, pois o júri tinha à sua disposição cinco magníficos assentos com vista privilegiada sobre o palco. Sim! Porque isto de avaliar tunas tem regras muito bem definidas, como: o ritmo, o estilo, a coreografia, a sincronização, a interação com o público, entre outras. Por isso, temos de ter boa visibilidade para podermos prezar todos estes parâmetros.
Um dos momentos do Festival
Fonte: Francisco Alves

O espetáculo começou pouco tempo depois da hora programada, e o cenário estava decorado conforme o tema escolhido “O espaço Intergaláctico”. Toda esta montagem, bem como a animação do evento foi obra da tuna anfitriã, a VicenTuna, que de uma forma muito animada soube manter o público refém do espetáculo do princípio ao fim.

Cada tuna tinha vinte minutos para mostrar os seus dotes e convencer o público e o júri, que tinha direito ao prémio de melhor pandeireta, melhor porta-estandarte, melhor solista, melhor instrumental, melhor adaptação ao tema.

Mas o mais ambicionado é o de melhor Tuna.

Após quatro horas de deixar as antenas no ar, chegou o momento mais difícil da noite, para o júri, é claro! Decidir qual a tuna que tinha conseguido reunir todos os atributos acima mencionados e que por isso merecia o galardão máximo.

Antes da subida ao palco para entregar os prémios, fomos presenteados com a atuação da VicenTuna, que conseguiu “levar às estrelas” toda a audiência presente na sala.

Chegado o momento tão esperado, o júri foi unânime em entregar o prémio de melhor tuna intergaláctica da noite, à Magna Tuna Cartola, da Universidade de Aveiro, pela sua entusiástica, dinâmica e interativa apresentação.

No final ainda houve tempo para ir beber umas canecas de protões (na terra designada por cerveja) a Ciências (a faculdade que o meu bisavô dizia ter a forma de uma nave que aparecia numa série que ele via quando era mais novo “Espaço 1999”).

A noite já ia longa e infelizmente a hora da partida aproximava-se. A minha terra natal ainda estava a umas boas horas luz de distância. Porém, não quis partir sem deixar os meus parabéns a esta excelente iniciativa, na qual tive o privilégio de participar.

Afinal, nem tudo na Terra vai mal.

Parti feliz e com “saudades” (palavra nova para um Fculiano). Saudações Intergalácticas!

Miguel Gonçalves, coordenador do Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
gcic@fc.ul.pt
Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

Páginas