"HisParc: bringing physics to your neighbourhood"

HisParc: Bringing physics to your neighbourhood
Filipe Freire

Investigação, educação e networking. Estes são os pilares que sustentam o projeto “HisParc: bringing physics to your neighbourhood”, criado na Holanda há 12 anos, e do qual faz parte o antigo aluno do curso de Física da FCUL, Filipe Freire, agora professor no departamento de Física e Astronomia na University College pertencente à Universidade de Utrecht.

Filipe Freire estudou na FCUL entre 1980 e 1985, altura em que o campus ainda não existia. Do tempo enquanto estudante, recorda ter feito parte da turma que “estreou o único edifício existente da FCUL no Campo Grande, o C1”. Agora, identifica como uma das grandes conquistas da Faculdade o sentido de pertença alcançado com a concentração de todos os departamentos num mesmo local: “Hoje penso que há espírito universitário, há o “calor humano” por existir uma zona comum a todos, há um polo com que os alunos se podem identificar!”.

Ciências recebeu o antigo aluno no dia 19 de março, a convite do Departamento de Física (DF-FCUL) e do Centro de Astronomia e Astrofísica da Universidade de Lisboa (CAAUL), num seminário dirigido a professores e educadores do ensino secundário, bem como a todos os interessados pela investigação na área dos raios cósmicos.

De acordo com o cientista, o projeto apresentado surge da necessidade de fomentar o interesse dos alunos pela área da Física e de integrá-la na sociedade, fazendo com que todos se sintam parte do processo de investigação científica e compreendam que “a evolução da Ciência requer interação e colaboração”. Para isso, o trabalho solicitado pressupõe a integração de detetores de raios cósmicos em universidades, escolas secundárias e museus para a obtenção de resultados.

Os alunos são desafiados a fazer parte do trabalho da manutenção do aparelho, análise de dados e de comunicação de resultados com os investigadores. Para Filipe Freire, esta é uma oportunidade de “adquirir uma certa independência a nível do desenvolvimento projetos, uma vez que o alcance de dados e a descoberta do que fazer com esses dados, permite que os estudantes se questionem sobre o que há de interessante e se proponham a encontrar coisas que não se explicam de uma forma fácil, a tentar encontrar respostas e a explicar fenómenos”.

Nesta altura, existem cerca de 80 escolas holandesas envolvidas no projeto. Para além deste país, existem já detetores instalados em países como a Inglaterra, a Dinamarca, a Alemanha e o Vietnam.

Para o professor do DF-FCUL, José Mimoso, o HisParc “é uma iniciativa com um enorme potencial para estimular o interesse de estudantes do ensino secundário pela Física, envolvendo-os conjuntamente com os seus professores e, articuladamente, com a Universidade num projeto de investigação científica coletivo acessível e atual”, sendo que a vinda do professor Filipe Freire à FCUL “serviu para estudar a possibilidade de uma futura adesão da Universidade de Lisboa a esta iniciativa, nomeadamente através do CAAUL e do DF-FCUL”.

Filipe Freire espera que Portugal se possa juntar à lista e, assim, estimular a “aprendizagem exploratória dos alunos” do seu país de origem.

As informações sobre o projeto podem ser encontradas no portal http://www.hisparc.nl/en/about-hisparc/ .

Raquel Salgueira Póvoas, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt
Lâmpada

Estudantes de Engenharia Biomédica e Biofísica da FCUL promovem reunião especializada. O Ne2b2 existe desde outubro de 2008.

Luzes

Pela primeira vez a Reitoria da UL abre as suas portas aos estudantes da cidade, organizando um evento noturno para alunos dos ensinos universitário e secundário.

A exposição está a partir de 26 de Abril no Museu Nacional de História Natural e da Ciência.

As provas de doutoramento em Biologia, especialidade de Microbiologia, da Mestre Egídia Maria Valente de Azevedo realizam-se no próximo dia 26 de Abril, pelas 10h:30 na Sala de Actos da

O grande momento do dia é a sessão solene, que inclui este ano o lançamento do segundo volume dos Professores Cientistas e a inauguração do Quadro de Honra.

Sobre Namoros e Casamentos

Jorge Buescu

Quinta-feira, dia 12 de Abril de 2012, às 18h30, na sala 6.1.36

Vela

Ricardo Leandro é o vencedor da Competição Europeia. O estudante da FCUL apresentou a melhor ideia: um coletor solar térmico de baixo custo, acoplável a um módulo fotovoltaico.

A palestra "O Princípio do Tempo" proferida por Pedro Gil Ferreira é uma das iniciativas do “VII Encontro Ibérico de Cosmologia”, que decorre em abril nas instalações da FCUL.

Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Páginas