No Campus com Helder Coelho

Design e Computação

Helder Coelho

Hoje em dia, o Design incomoda e é muito mais intrometido do que nunca no negócio dos computadores. Por exemplo, determina não só que apps de um telemóvel vão sobreviver ou morrer, mas também está presente nos melhoramentos conduzidos pelos dados de um retalhista.

A Revista norte-americana Wired (ou mesmo a versão inglesa dirigida para a Europa) reconheceu a sensatez de Steve Jobs em colocar, desde os anos 80, o design no posto de comando da Informática (veja-se o desenho da Lisa e depois do primeiro Mac), graças às formas, cores, e materiais, puxando o estilo como elemento de atração dos utentes. O quadrado design-ideias-tecnologia-negócios tem vindo a marcar os últimos anos das start-ups, as suas perspetivas e novas possibilidades, com uma inovação extraordinária que atrai os consumidores e faz crescer o valor de uma empresa. Repare-se que nas formas e materiais, a Apple, por exemplo, inovou na leveza (portabilidade), na espessura e tamanho (usabilidade), obrigando os outros concorrentes a optarem pela cópia.

Desde os anos 80 que o Design é permeável à influência da ciência da computação, com particular destaque para a automatização (sistemas de informação, robótica, sensores), a tomada da decisão, e a concepção de novas ferramentas profissionais. A Apple foi uma das empresas que prestou a devida atenção a este nicho, consagrando o designer Jonathan Ive, o “i” dos Mac, iPods, iPads, iPhones, iWatch como um artesão especialmente dotado e sensível. As belas artes digitais foram apoiadas na fotografia, escultura, arquitetura, pintura, ilustração, publicidade, cinema, animação, jogos, vídeo, ou web com novas ferramentas como o Photoshop, The Grid (“artificially intelligent website-design tool”), tornando assim o trabalho (projeto) dos estilistas e artistas gráficos, em geral, mais fácil e com melhores resultados e qualidade. Algumas indústrias, como a moda, vestuário, têxtil, calçado, mobiliário, jóias, ou relojaria têm competido com ideias e soluções obtidas com engenho. Em Portugal, não ficámos, no início, longe dos países que optaram apenas pela diversificação dos salários baixos. Mas, depois graças ao empenho dos mais jovens, enveredou-se pelos intangíveis, software (marcas), algoritmos (patentes) apoiados na tecnologia dos computadores (laptops, tablets, notebooks, impressoras 3D, além dos desktops vulgares). Em algumas indústrias fomos para a frente, embora sem a sustentabilidade desejável.

Empresas como a Pixar vendida à Disney, a DreamWorks, a Weta Digital e a Massive Software usadas pelo Peter Jackson no Senhor dos Anéis e Hobbit, Digital Arts, especializada em jogos e animação, ou a Deep Dream, da Google, virada para as imagens (psicadélicas) têm explorado a Inteligência Artificial para produzirem realidades virtuais ou efeitos especiais, ou mesmo conceberem duplos, figurantes e atores artificiais (“Paul Walker” em Furious 7) para certas cenas do cinema e TV. Esse esforço não tem sido acompanhado nos últimos anos, em Portugal, por falta de investimento na qualidade humana e nos bons salários, contrariamente a alguns países concorrentes, estrangeiros, que ainda decidiram apostar mais na ciência e na educação (Finlândia, Singapura, Coreia do Sul) e assim garantirem o topo das classificações.

Helder Coelho, professor do Departamento de Informática de Ciências

O Grupo Azevedos oferece estágio profissional remunerado a recém licenciado na área da Estatística ou Matemática. Os interessados devem enviar a candidatura para

A edição deste ano d´O Botânico, uma revista propriedade da Associação Íbero-Macaronésica de Jardins Botânicos já se encontra online.

O Centro de Informática migrou todo o sítio antigo para o novo Portal da FCUL.

O Centro de Informática colocou em produção, durante a ultima semana de Maio, um equipamento de rede central na arquitectura de comunicações da FCUL.

Na Licenciatura em Matemática (LM) da FCUL, o leque de opções do 3º ano da LM foi alargado e passou a incluir as seguintes disciplinas, que estarão já disponíveis no ano lectivo de 2012/13:

 

 

Em exibição no:

MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DA CIÊNCIA

1 de Junho de 2012 a 28 de Abril de 2013

 

 

Os cadernos e as comissões eleitorais estão publicitados no portal da FCUL, assim como o Despacho D/101/2012, que integra o calendário de eleições.

A eleição do Presidente do Departamento de Física  terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012

Comissão Eleitoral

Informações úteis:

Constituição da Comissão Eleitoral

A festa dos finalistas de Geologia juntou familiares, amigos, colegas e professores.

Conforme o despacho D/101/2012,  as eleições para a Presidência do Departamento de Informática, irão decorrer entre 3 e 5 de Julho de 2012 na secretaria do departamento.

 

Estão abertas as inscrições para o ‘Mestrado em Matemática para Professores’ (1ª fase de candidaturas até dia 15 de Junho)

 

No âmbito do nº 3 do artigo 9º do Regulamento Eleitoral, e de acordo com o calendário de eleições para Presidentes dos Departamentos, já se encontra disponível o 

A Eleição do Presidente do Departamento de Biologia Animal terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012 na Secretaria do Departamento

A inscrição nos exames dos dias 4 e 5 de junho podem ser excecionalmente realizadas até às 23h59m de 1 de junho.

A eleição do Presidente do DBV  terá lugar de 3 a 5 de Julho de 2012

Matéria escura

Um grupo de 19 cientistas, 14 deles investigadores do Centro de Física Nuclear da UL e do Instituto Tecnológico e Nuclear da UTL, publicaram recentemente novos resultados que contrariam as alegadas descobertas sobre a matéria escura.

PSMR2012 Conference

Estudante de doutoramento no IBEB ganha prémio para o melhor Poster

Tomás Aquino

Bolseiro do CFMC distinguido pela Fundação Calouste Gulbenkian

Imagem de Kairos em pedra

O próximo e quinto número da revista do Centro de Filosofia das Ciências da UL é lançado em novembro. A submissão de textos termina a 30 de setembro.

Encontra-se aberto concurso para bolsa de estágio na área de suporte aos laboratórios letivos e de investigação do Departamento de Informática da Faculdade de Ciências.

Simulação de uma proteína

Quatro lições sobre proteínas.  As investigadoras Maria José R. Gomes e Patrícia Faísca apresentam quatro razões para não faltar à quinta iniciativa do projeto Ciência na UL.

O Dr. Rui Lopes ex-aluno do Departamento de Informática e investigador no LASIGE, actualmente a trabalhar na Google, foi um dos responsáveis da equipa de desenvolvimento do doodle de hoje (23 de Maio).

A Investigação dos Doutores de Amanhã

Lâmpada

"O objetivo é partilhar com os colegas das outras faculdades a experiência que tivemos, e estamos a ter, com a implementação do modelo de gestão por objetivos, assente na identificação dos processos", diz Ana Rocha, secretária-coordenadora da FCUL.

Páginas