Investigação

Bolsas UL/FAD apoiam jovens investigadores

Bolsas Universidade de Lisboa / Fundação Amadeu Dias
Reitoria da Universidade de Lisboa

Reforçar a integração científica e a inclusão dos diplomados no meio empresarial e encaminhar os alunos de graduação para a descoberta científica são os principais objetivos do concurso para atribuição de bolsas UL/FAD.

Implementado em 2007, o programa destina-se aos estudantes do 1.º ciclo da Universidade de todas as áreas do saber aqui lecionadas, entre elas, Ciências, Letras, Medicina, Direito, Belas-Artes, Psicologia, Medicina Dentária, Ciências Sociais, Educação e Geografia e Ordenamento do Território.

Em quatro edições a iniciativa já apoiou 134 projetos, sendo a FCUL a instituição que contabiliza o maior número de bolseiros UL/FAD, setenta. Do total de bolseiros distinguidos registam-se ainda 18 projetos oriundos de alunos da Faculdade de Farmácia, 15 da Faculdade de Letras, 11 da Faculdade de Psicologia (anteriormente designada Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação), 12 da Faculdade de Medicina, três da Faculdade de Direito, dois da Faculdade de Medicina Dentária, dois do Instituto de Educação e um da Faculdade de Belas-Artes.

Na última edição, respeitante ao ano letivo 2011/2012, houve 27 trabalhos galardoados, 12 deles pertencentes a alunos da FCUL.

Bruno Carapinha, coordenador do Núcleo de Relações Externas da UL, reforçou a importância da iniciativa: “É fundamental promover uma cultura de participação ativa no mundo da investigação tão cedo quanto possível no percurso académico do estudante, incentivando-o a pensar de forma criativa e a conceber modos de concretizar uma ideia que lhe pareça ter interesse e merecer o apoio de avaliadores dessa mesma ideia”, acrescentando que o balanço da participação dos alunos da FCUL tem sido “muito positivo, visto que tem havido um número elevado de candidaturas, muitas delas bem sucedidas, o que prova que os projetos apresentados têm merecido a aprovação dos avaliadores ao longo dos anos”.

A bolseira Fátima Cardoso, apoiada para a conceção do projeto “Mecanismos da Ação Antitumoral de Complexos Organometálicos de Ouro (I)”, deu conta da sua experiência no ano letivo 2011/2012.“Quando vi que iria receber a bolsa fiquei mais que feliz, tinha uma oportunidade única de começar a trabalhar naquilo que quero fazer durante toda a minha carreira profissional: investigação!”, refere com entusiasmo a jovem estudante do 2.º ano de Biologia.

O aluno do 2.º ano de Bioquímica, João Coelho, distinguido no mesmo ano, reforçou a importância da participação nesta iniciativa e deixou conselhos aos colegas: “Este tipo de bolsas permite o desenvolvimento de capacidade e mentalidade prática acerca da Ciência, assim como permite a inserção e interação num ambiente diferente do habitual laboratório que se experiencia durante a licenciatura”. O jovem cujo trabalho incide sobre a doença genética da Fibrose Quística aconselhou ainda os colegas, que concorreram e não foram apoiados, a não desistir.

O número de bolsas a atribuir a cada umas das áreas do saber da UL, assim como o valor, varia de ano para ano. Os critérios de seleção baseiam-se no interesse e originalidade do projeto, média de curso do estudante e curriculum vitae do tutor.

Cada aluno é acompanhado por um tutor, por si escolhido, que irá orientar e avaliar o projeto de investigação. Na fase da conceção, o tutor terá de ser um docente ou investigador da UL (ou convidado) com grau de doutor. No que concerne à segunda fase do trabalho, o tutor terá de ser também docente da UL e deverá “responsabilizar-se pela realização de um pequeno projeto em ligação com o tecido empresarial”.

Para o professor Carlos Farinha, docente do Departamento de Química e Bioquímica e orientador do João Coelho, este tipo de iniciativas é “muito útil para implementar uma maior dinâmica às nossas atividades de investigação e permitir uma crescente ligação dos estudantes de 1.º ciclo a esse tipo de atividades”.

No final de cada edição todos os projetos são apresentados num fórum público onde são atribuídos dois prémios extra: um destina-se ao melhor poster, outro à melhor apresentação oral.

No ano letivo 2012/2013, serão 25 os projetos apoiados com uma bolsa no valor de 1.900 euros destinada exclusivamente aos estudantes. Até ao momento a Reitoria da UL recebeu 97 candidaturas. Este ano o prazo do programa foi prorrogado até 6 de setembro, sendo que os resultados deverão ser anunciados a 28 de setembro. A FCUL deseja boa sorte a todos os concorrentes!

Alunos da FCUL premiados em 2011/2012 com as Bolsas UL/FAD

Engenharia Biomédica e Biofísica
Andreia Sofia Oliveira Gaspar – “Implementação de um Software para Análise de Realce Tardio em Ressonância Magnética Cardiovascular”
Biologia
Evelina Daniela Teixeira Rodrigues – “Cuidados Parentais em Chimpanzés: Estudo de Interações Parentais numa População em Cativeiro do ZOO de Lisboa, Baseado no Grau de Parentesco e Idade”
Fátima Sofia dos Santos Cardoso – “Mecanismos da Ação Anti-tumoral de Complexos Organometálicos de Ouro (I)”
Maria José Minhoto Diniz da Costa – “Mecanismo de Resistência ao Arsénio numa Levedura Extremófila”
Mário Artur Santos Mira - “Evolução do Comportamento de Acasalamento da Natureza para o Laboratório: Será que as Fêmeas sabem a Diferença?”
Telma Soraia Guedes Laurentino – “Influência do fungo Batrachochytrium Dendrobatidis na Longevidade e Estrutura Etária de Urudelos”
Bioquímica
Ana Catarina Alcarva Pontes - “Otimização do Método de Quantificação de TTR em Extrato de Fígado Humano”
Ana Iolanda d’Armada Moreira - “Caracterização Molecular e Estrutural do Sintase do Óxido Nítrico de Leishmania Infantum
João Pedro Lourenço Coelho – “Desenvolvimento de Nova Metodologia para Estudo da Biogénese e Processamento da Proteína CFTR responsável pela Doença Genética Fibrose Quística”
Geologia
Marco Cantídio Azevedo – “Avaliação do Potencial e Natureza Metalogenética do Acidente de Juromenha (Zona de Ossa-Morena), através de Metodologias Analítica e Cartográficas Estruturais de Pormenor”
Susana Margarida da Graça Santos – “Química-mineral das Lavas da Ilha de Santa Maria (Açores): Implicações Petrogenéticas”
Matemática Aplicada
Diogo Afonso Carocho de Sousa Costa – “Visualização de Estruturas com Diferentes Níveis de Detalhe no Âmbito da Biologia Vegetal”

Espólio info-Ciências digital
Entrevista com Rafael Galupa
Entrevista com Patrícia Santos
Bolsas UL/FAD - 3.ª edição
Bolsas UL/FAD

 

Raquel Póvoas, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt

Entre os empregos mais bem pagos contam-se os que estão ligados às engenharias.

Capa

Esta coleção de Livros Brancos foi organizada pela META-NET, uma rede de excelência parcialmente financiada pela Comissão Europeia, que levou a cabo uma análise dos recursos e tecnologias da linguagem atualmente disponíveis. A análise abordou as 23 línguas oficiais europeias assim como outras línguas importantes na Europa a nível nacional e regional. 

O Prémio João Branco é uma iniciativa conjunta da Universidade de Aveiro e da família do designer Jo

Dia 4 Fevereiro 2013 – 14:00h às 19:30h (Sala 2.2.15)

Primeiro plenário do IPBES

Grupo liderado por Henrique Miguel Pereira, investigador do Centro de Biologia Ambiental da FCUL, submete à apreciação da comunidade científica o desenvolvimento de um sistema de monitorização da biodiversidade baseado num conjunto de variáveis essenciais.

Rosto de Maria Antónia Amaral Turkman

“Ao longo dos últimos dois séculos a Estatística foi indispensável em confirmar muitas das maiores descobertas científicas e inovações da humanidade, tais como a partícula bosão de Higgs e a Revolução Verde na agricultura”, declaram Daniel Paulino, presidente da Sociedade Portuguesa de Estatística e Maria Antónia Amaral Turkman, coordenadora do CEAUL.

Dois artigos -- contando com docentes e investigadores do GeoFCUL no seu elenco de autores -- assinalados no “TOP 25 Hottest Papers” de Abril-Junho de 2011 da revista Journal of South American Earth Studies (Sciencedirect / Elsevier).

Rosto de Henrique Leitão

Henrique Leitão foi eleito membro efetivo da Académie International d'Histoire des Sciences, pela relevância da sua carreira e produção intelectual. Para o historiador das ciências foi uma “honra enorme” receber a distinção, “a maior ambição de qualquer estudioso ou cientista”.

Proposal for a REGULATION OF THE EUROPEAN PARLIAMENT AND OF THE COUNCIL.

Laying down the rules for the participation and dissemination in 'Horizon 2020 – the Framework Programme for Research and Innovation (2014-2020).

EUA represents over 850 universities and university associations across 47 European countries. Its highly diverse membership covers the full spectrum of universities participating in European research programmes.

Vai realizar-se de 18 a 20 de Março de 2013, em honra do Professor Ross Leadbetter, o "Symposium on Recent Advances in Extreme Value Theory ".

Face de Maria Amélia Martins-Loução

O Flora-On sistematiza informação fotográfica, geográfica, morfológica e ecológica de todas as espécies de plantas vasculares autóctones ou naturalizadas listadas para a flora de Portugal. Atualmente, através deste portal acede a 164 famílias, 836 géneros e 2991 espécies.

Cortejo académico na Aula Magna

A cerimónia de abertura do ano letivo de 2012/2013 marca uma nova etapa do ensino superior público.
Exegi monumentum aere perennius - Ergui um monumento mais duradouro que o bronze.
Da nova Universidade de Lisboa vê-se o mundo...

Crianças dos 5 aos 9 anos descobrem as Ciências na FCUL

A FCUL abriu as portas do conhecimento aos alunos do Colégio Infantes de Portugal, de Palmela. Durante uma manhã, os laboratórios de Biologia e de Química e Bioquímica foram explorados por cerca de 20 crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 9 anos.

Encontra-se aberto concurso externo para o Banco de Portugal - Departamento de Supervisão Prudencial, com vista ao preenchimento de vagas de Técnico Superior para a área de supervisão

“A inovação é tipo ‘ovo de Colombo’, depois de se saber, parece fácil. Só que ‘saber’ significa um longo caminho de amadurecimento do conhecimento”, declara Maria Filomena Camões, docente do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, a propósito da atribuição da Bolsa Europeia de Excelência de Investigação.

A. M. Galopim de Carvalho num dos geoparques

O pioneiro da Geoconservação em Portugal sente-se agradado pelo reconhecimento dos mais de 20 anos de serviço em prol da preservação e salvaguarda dos geoparques, considerando o tributo um importante incentivo para a defesa territorial, para a promoção da geodiversidade e para o desenvolvimento sustentável baseado no património geológico.

Isaac Carrêlo e Rita Almeida, alunos do curso de Engenharia e Energia do Ambiente e Eva Barrocas, do curso de Biologia, viajaram até Cabo Verde para fazer parte da equipa Turtle Foundation. Durante um mês de experiências intensas, protegeram tartarugas e levaram os ensinamentos apreendidos na FCUL até à comunidade local.

Mapa

O Memorando de Entendimento celebrado com Portugal estabelece oito áreas programáticas para a respetiva alocação de verbas para 2009/2014. A abertura de concursos para Portugal deve acontecer ainda este ano.

Páginas