DEIO

Abordagens estatísticas à análise e modelação de resultados serológicos - uma aplicação à malária

Por João Torrado Malato [orientadores: Marília Antunes (DEIO-FCUL) e Nuno Sepúlveda (Institute of Tropical Diseases, UK)].

Abstract: Em 2015 foram estimados 212 milhões de casos de infeção por malária e 490.000 mortes a nível global. Têm sido feitos progressos na redução da morbilidade e mortalidade através da aplicação de estratégias de controlo já existentes, auxiliadas por novas técnicas para caracterizar eficientemente a epidemiologia deste patogénico.

Sessão de divulgação de mestrados nas áreas de Estatística e Investigação Operacional

Apresentação dos mestrados sob a responsabilidade do Departamento de Estatística e Investigação Operacional, nomeadamente:

  • Mestrado em Estatística e Investigação Operacional
  • Mestrado em Matemática Aplicada à Economia e Gestão (em colaboração com o Departamento de Matemática)
  • Mestrado em Bioestatística

Nessa sessão, serão apresentados os planos de estudo, as condições de acesso, bem como as principais saídas profissionais. Os coordenadores dos respectivos mestrados estarão à disposição dos alunos para quaisquer outros esclarecimentos.

Aluna de Bioestatística caracteriza perfil tabágico de estudantes do Arco Ribeirinho

Anny Caroline Muniz, aluna do mestrado em Bioestatística de Ciências, participou no estudo “Perfil Tabágico dos Estudantes dos 2.º e 3.º ciclos das Escolas do ACES Arco Ribeirinho”, dos concelhos de Alcochete, Barreiro, Moita e Montijo, desenvolvendo igualmente um modelo matemático para a previsão do adolescente/tipo com maior probabilidade de começar a fumar precocemente.

Páginas