História e Filosofia das Ciências

Um dos aspetos de que a FCUL se pode orgulhar é que teve “a capacidade para se dar conta de que áreas como a História e a Filosofia das Ciências podem ter um papel fundamental na formação dos futuros cientistas portugueses”. Uma estratégia que na opinião de Ana Simões, uma das responsáveis pela licenciatura em Estudos Gerais e coordenadora do mestrado em História e Filosofia das Ciências, deve ser mantida.

Aos jovens candidatos ao ensino superior, que nutrem um especial fascínio por História e um interesse particular por Ciências, recomenda a licenciatura em Estudos Gerais, um dos cursos mais recentes da UL, resultado de uma parceria entre as Faculdades de Belas-Artes, de Letras e de Ciências. “Um aluno que se interesse por História das Ciências, e que se interesse por esta interface, é um aluno que deve ter uma formação científica relativamente sólida, e atendendo a que hoje em dia as licenciaturas têm três anos, seria muito interessante que essa pessoa pudesse fazer uma formação científica e depois uma formação complementar”. De acordo com Anabela Machado, chefe da Divisão dos Serviços Académicos da FLUL, neste primeiro ano letivo estão inscritos neste curso 37 discentes.

A História e a Filosofia das Ciências é uma das áreas mais recentes da FCUL. Segundo Cláudia Rodrigues, coordenadora do Gabinete de Estudos Pós-graduados da FCUL, no presente ano letivo inscreveram-se no mestrado em História e Filosofia das Ciências 17 alunos. A primeira fase de candidaturas do 2.º ciclo na FCUL para o próximo ano letivo terminou a 15 de junho. A 2.ª fase de candidaturas, referentes às vagas que não são preenchidas na 1.ª fase, decorre entre 15 e 22 de julho.

A Secção Autónoma de História e Filosofia das Ciências foi criada em 2007, mas o mestrado em História e Filosofia das Ciências existe desde o ano letivo de 2003/2004, enquanto o doutoramento na referida área existe desde 2007/2008. “No nosso mestrado aceitamos pessoas que venham tanto das áreas da ciência, como da História ou da Filosofia”, refere Ana Simões, para quem “Portugal nos últimos 10/20 anos entrou no mapa da história da ciência internacional”. A historiadora das ciências acrescenta ainda que “agora, há uma série de nomes de historiadores das ciências portugueses que são conhecidos, reconhecidos e referidos pelos mais importantes historiadores das ciências ou pelos centros mais importantes de História das Ciências”.

É por essa razão que Ana Simões diz que o grande desafio do tempo presente consiste em manter o financiamento das unidades de investigação portuguesas, renovando os seus recursos humanos. “No Centro Interuniversitário de História das Ciências e Tecnologia temos um conjunto de pós-docs de grande qualidade científica e o grande desafio é que Portugal não perca a oportunidade de os aproveitar, isto é, que o investimento que foi feito na Ciência nos últimos anos não seja deitado fora”. A preocupação de Ana Simões é múltipla, por um lado, não têm existido novas contratações, por outro a situação dos bolseiros em Portugal é muito instável: “A Faculdade de Ciências tem um corpo docente velhíssimo, e a UL também, nós estamos em  sério risco de áreas que são centrais, numa capital de um país da Europa, virem a desaparecer”. Ainda que seja um problema transversal, assume particular importância em determinadas áreas do conhecimento. “Custa-me muito pensar que nós fizemos este esforço, e que realmente conseguimos pôr a História das Ciências portuguesa no mapa internacional, e que uma série de pessoas que nós conseguimos cativar para a área, e que estão a fazer um belíssimo trabalho, possam estar numa situação horrivelmente instável”, desabafa Ana Simões.

Ana Subtil Simões, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt

Durante o terceiro debate foram apresentados os resultados de um estudo de opinião com incidência em temáticas como a educação para o mar, a Economia verde, a eficiência energética ou a reindustrialização.

Parabéns à Alexandra Symeonides, Fábio Silva, Filipe Gomes, João Dias, João Enes, Pedro Pinto e Sílvia Reis, alunos ou ex-alunos do mestrado em Matemática do Departamento de Matemática de Ciências, pela obtenção duma bolsa de doutoramento LisMath.

A sessão de abertura do Fórum do Mar ocorre no dia 28 de maio, pelas 9h30, com a presença do Senhor Secretário de Estado do Mar.

Logo do evento

O Departamento de Informática da FCUL (DI-FCUL) organiza este ano a segunda edição do&nb

Luís Correia, atual presidente do Departamento de Informática e diretor do LabMAg, foi entrevistado no contexto do projeto europeu ASSISIbf&nbs

No âmbito da unidade curricular Estatística Ciência e Sociedade, realiza-se no dia 29 de maio, pelas 12h, na sala 6.2.50 um Seminário da autoria dos alunos Carlos Botelho, Soraia Graça e Vasco Guerra, intitulado 

O Centro de Investigação Operacional realizará no dia 5 de Junho, pelas 15 horas, na sala 6.4.31, um Seminário intitulado : "Column Generation in Routing: Classical CVRP and Transport

António Amorim

As emissões das florestas podem ter um papel fundamental nos momentos iniciais da formação das nuvens.

Abstract: Routing problems are naturally formulated by enumerating possible routes and combining them to derive an improved solution. This combination is done by solving a set partitioning problem that assures the set of chosen routes to visit all routing customers exactly once.

Conferência no dia 30 de Maio, pelas 11h30, sala 6.2.53, Edifício C6, FCUL, Campo Grande, Lisboa, no âmbito do “Dia do Geológo”

 

O Professor Pedro Ferraz de Abreu, Professor Catedrático Convidado da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e Investigador do Massachusetts Institute of Technology (MIT) está a visitar vários estados do Brasil como Brasília,

Rita e Mariana, alunas do pré-escolar daquele colégio, deram conta de alguns pormenores do que aprenderam nos telhados do edifício C4: “vimos muitos painéis solares. Nunca tínhamos visto! O senhor disse que o Sol batia neles, depois aqueciam e produziam eletricidade”.

SESSÕES DE APRESENTAÇÃO & ESCLARECIMENTO

 

- 23 Maio 2014 (6ªF), 17:00-18:30h, sala 2.2.14

o    Biologia da Conservação (BC)

“Houve muitos [episódios] interessantes e inesperados. Os mais marcantes foram o encontro, o conhecimento e o convívio com alunos excecionais”, declara Filipe Duarte Santos, professor do Departamento de Física de Ciências, sobre a sua experiência ao longo dos anos na Faculdade.

O DEIO divulga mais uma oferta de emprego.

Acesso Gratuíto Cochrane Library via b-on

O Institut Français du Portugal, O Centro de Oceanografia da Universidade de Lisboa e a Fundação Calouste Gulbenkian apresentam o Coloquio internacional “Oceanos: de ambiente frágil a recurso sustentável”.

No dia 7 de Maio o Departamento de Matemática da FCUL associou-se à AÇÃO ESCOLA SOS AZULEJO com a atividade “Com um simples azulejo” em que participaram alunos do 3º ano de escolaridade da Escola Básica Santo António do Agrupamento de Esc

DI-FCUL visita Escola Secundária Rainha D. Leonor

Muhnac

Venha conhecer as rotas do conhecimento que ligam o Muhnac a outros museus e locais da cidade.

Está disponível um acesso gratuito ao ChemInform RxnFinder

Doutoramento e Mestrado em Ciência Cognitiva 

6ª Edição, 2014-15

A revista mais prestigiada na área da Biologia Computacional publicou um artigo que resulta de uma investigação financiada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia e que inclui investigadores de Ciências e da Universidade de Harvard.

O Centro de Investigação Operacional vai realizar no dia 21 de maio, pelas 14h30, na sala 6.4.30 um seminário intitulado Formulations and Exact&nbs

O Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa vai organizar de 4 a 6 de Junho de 2014 um curso intitulado "On Flexible Bayesian Methods for Diagnosis and ROC Curve Estimation".

Páginas