Crónicas em Ciências

“De Lisboa para os Trópicos”: uma viagem em 72 fotografias

A beleza e património das regiões tropicais pelos olhos de investigadores do Colégio Tropical da ULisboa

pessoa a ver uma fotografia da exposição

Após a Reitoria da ULisboa a exposição  “De Lisboa para os Trópicos” vai estar em exibição no campus da Ciências ULisboa de 21 de abril até 21 de junho de 2022

ULisboa
Teresa Vaz
Teresa Vaz
Imagem cedida por TV

Rúben Oliveira
Rúben Oliveira
Imagem cedida por RO

O que vivem e experienciam os investigadores que partem de Lisboa em busca de conhecimento nos trópicos? Como pode a ligação aos países tropicais ajudar a estabelecer laços entre os investigadores e as escolas da ULisboa a que pertencem? Com a exposição “De Lisboa para os Trópicos” procurámos responder a estas duas questões pelo poder da imagem e da beleza do património retratado – humano, material, imaterial e natural.

As 72 fotografias permitem não só cruzar um horizonte espacial, entre a América do Sul, África e Ásia, mas também temporal, ilustrando igualmente um ponto de vista histórico, patente graças à colaboração da Fototeca do Centro de Estudos Geográficos do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da ULisboa e de investigadores com relação próxima e até genealógica, sobretudo a África; mas também um passado recente, praticamente atual, que caracteriza missões e projetos inseridos nos mais variados domínios científicos, e que demonstram um investimento continuado na exploração e resolução de desafios no Sul global.

Procurámos que as fotografias fossem fiéis à riqueza, diversidade, contrastes e dinamismo que se vive nesta região do mundo, evitando reprimi-la por quaisquer ideias pré-concebidas do seu desenvolvimento.

É certo que muita da dedicação que os investigadores da ULisboa depositam sobre os seus trabalhos nos trópicos incidem sobre urgências que todos reconhecemos e que urgem resolver a bem das sociedades; todavia, é igualmente seguro dizer que, além desses desafios, o fascínio que as pessoas, os lugares, e a natureza suscitam em quem os conhece alimentam essa mesma dedicação, cativam e enraízam-se, de tal forma, que se fundem com o ser pessoal e profissional dos investigadores. Foi com base nesta ilação que estruturámos a exposição nas suas três vertentes: sendo, com foco na pessoa e na sua vivência; existindo, dedicada aos lugares, comércio e produção; e estando, com um olhar sobre o património natural.

Existe uma ligação íntima entre a ULisboa – todas as suas escolas e muitas das suas equipas – e os trópicos, e o Colégio Tropical (CTROP) tem por missão fortalecê-la e promovê-la. Aos investigadores, esperamos que a exposição instigue à construção de pontes entre as escolas e que facilite um diálogo multidisciplinar concretizado no desenvolvimento de projetos conjuntos. Aos alunos, esperamos que suscite o interesse pela investigação nos trópicos, reforçando os trabalhos sobre a região. E ao público, que lhe permita viajar e aperceber-se da importância do conhecimento como resposta aos desafios tropicais.

Nota de redação:
De Lisboa para os Trópicos” vai estar em exibição no átrio do edifício C6, no campus da Faculdade, de 21 de abril até 21 de junho de 2022. Esta exposição assinala o 2º aniversário do CTROP e esteve em exibição na Reitoria da ULisboa entre 16 de março e 7 de abril de 2022.

Rúben Oliveira (cE3c Ciências ULisboa, CTROP) e Teresa Vaz (CTROP), curadores da exposição
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Céu com nuvens escuras

As candidaturas à oficina de formação terminam a 21 de maio. As sessões realizam-se às terças e quintas-feiras, entre as 17h30 e as 20h30.

A exposição “O Cálculo de ontem e de hoje”, elaborada pelo Departamento de Matemática em colabora&

Lâmpada

Estudantes de Engenharia Biomédica e Biofísica da FCUL promovem reunião especializada. O Ne2b2 existe desde outubro de 2008.

Luzes

Pela primeira vez a Reitoria da UL abre as suas portas aos estudantes da cidade, organizando um evento noturno para alunos dos ensinos universitário e secundário.

A exposição está a partir de 26 de Abril no Museu Nacional de História Natural e da Ciência.

As provas de doutoramento em Biologia, especialidade de Microbiologia, da Mestre Egídia Maria Valente de Azevedo realizam-se no próximo dia 26 de Abril, pelas 10h:30 na Sala de Actos da

O grande momento do dia é a sessão solene, que inclui este ano o lançamento do segundo volume dos Professores Cientistas e a inauguração do Quadro de Honra.

Sobre Namoros e Casamentos

Jorge Buescu

Quinta-feira, dia 12 de Abril de 2012, às 18h30, na sala 6.1.36

Vela

Ricardo Leandro é o vencedor da Competição Europeia. O estudante da FCUL apresentou a melhor ideia: um coletor solar térmico de baixo custo, acoplável a um módulo fotovoltaico.

A palestra "O Princípio do Tempo" proferida por Pedro Gil Ferreira é uma das iniciativas do “VII Encontro Ibérico de Cosmologia”, que decorre em abril nas instalações da FCUL.

Jovem usa microscópio

A FCUL estimula a abertura permanente à sociedade civil, promovendo acontecimentos que visam a disseminação de conhecimentos e a interligação com diferentes agentes sociais.

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Páginas