WideHealth Summer School

Saúde digital reúne 100 participantes na escola de verão WideHealth

pessoas sentadas a escrever ao computador e em post its

Evento decorreu de 11 a 15 de julho na Ciências ULisboa

LASIGE

Decorreu de 11 a 15 de julho na Ciências ULisboa a WideHealth Summer School sob o tema “Human Factors in Pervasive Health”. O evento foi organizado pelo centro de investigação da Faculdade Computer Science and Engineering Research Centre (LASIGE), tendo acolhido participantes de toda a Europa.

O WideHealth (Widening Research on Pervasive eHealth) é um projeto europeu que procura criar uma rede internacional na área da saúde digital, nomeadamente para a prestação de serviços de saúde ubíquos através de sistemas computacionais, disponíveis a qualquer pessoa, hora ou local. O objetivo do projeto é permitir que uma nova geração de investigadores nos países menos desenvolvidos do consórcio desenvolva e adapte novas ferramentas e soluções digitais no campo da saúde.

pessoas a assistir a uma palestra
O evento incluiu diversas apresentações científicas e sessões de hands-on
Fonte LASIGE

“Existe uma diferença considerável entre o que achamos que as pessoas precisam e o que as pessoas querem usar” foi o mote para a WideHealth Summer School on Human Factors in Pervasive Health.

Sob o lema “existe uma diferença considerável entre o que achamos que as pessoas precisam e o que as pessoas querem usar”, a escola de verão WideHealth teve como principal objetivo consciencializar os participantes para a necessidade de incluir os utilizadores finais enquanto membros ativos no processo de desenvolvimento e avaliação de tecnologias de saúde eficazes, eficientes e efetivas.

Durante a semana de trabalho foram abordados temas como a identificação de necessidades, desenho participativo de tecnologias, prototipagem, acessibilidade, considerações éticas e metodológicas em investigação clínica, e translação de conhecimento/produtos da academia para a indústria. O programa de atividades incluiu comunicações científicas, sessões de hands-on, painéis temáticos, mesas-redondas, mostra de projetos em saúde, visita a um parceiro clínico, entre outros. A semana culminou com uma pitch competition onde os grupos de trabalho apresentaram os projetos desenvolvidos, seguida do anúncio dos grupos vencedores.

No evento participaram alunos do ensino superior e investigadores que desenvolvem ou têm interesse nestas temáticas, a maioria na área da Engenharia Informática, mas também nas áreas da Engenharia Biomédica, Biologia Computacional e Bioinformática. Tendo acontecido no formato híbrido (presencial e online), contou com cerca de 100 participantes, de dez nacionalidades diferentes.

Em fevereiro deste ano realizou-se a primeira escola temática do projeto, em Escópia, na Macedónia do Norte, dedicada ao tema “e-Health & Pervasive Technologies”. No evento participaram sete alunos de doutoramento da Faculdade, acompanhados por Tiago Guerreiro, tendo o grupo alcançado o 4.º lugar e uma menção honrosa numa competição de Machine Learning.

O projeto WideHealth é um Twining Programme financiado pela União Europeia. A coordenação está a cargo da Ss. Universidade Cirilo e Metódio em Skopje (UKIM), na Macedónia do Norte e tem como instituições parceiras o Instituto Jožef Stefan, na Eslovénia; a Fundação Bruno Kessler, em Itália; o Instituto Hasso Plattner, na Alemanha e a FCiências.ID - Associação para a Investigação e Desenvolvimento de Ciências e o LASIGE, em Portugal. Neste projeto estão envolvidos Tiago Guerreiro, professor do Departamento de Informática e investigador do LASIGE, André Rodrigues, investigador do LASIGE, Filipa Brito e Diogo Branco, estudantes de doutoramento na Faculdade.

A equipa do LASIGE considera fundamental consciencializar quem desenvolve tecnologias de saúde para a necessidade de envolver os utilizadores no desenho dessas mesmas tecnologias, de forma a que sejam eficazes e adaptadas às necessidades dos utilizadores finais. Filipa Brito diz que o objetivo da escola de verão “foi amplamente alcançado, o que se pôde constatar na elevada participação da audiência nos momentos de discussão e debate de ideias, assim como na qualidade dos projetos apresentados”.  

Tendo permitido reunir mais de 15 peritos e investigadores internacionais em “Pervasive Health”, o evento proporcionou uma oportunidade única de partilha de conhecimento, estabelecimento de colaborações futuras, e de divulgação do trabalho de “elevada qualidade e mérito desenvolvido pelos membros do LASIGE, tanto nos seus produtos finais, como nos métodos e instrumentos utilizados”, partilha a investigadora.

Subscreva a Newsletter do projeto para acompanhar o desenvolvimento do trabalho desenvolvido.

Marta Tavares, Gabinete de Jornalismo Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

Vale a pena recordar a iniciativa do Gabinete de Mobilidade, Estágios e Inserção Profissional da FCUL.

Fotografia de alunos a andarem, junto ao C8

A primeira edição do curso realiza-se já em 2012.

Outra forma de fazer turismo.

Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25.Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25

O Encontro decorreu em Junho no GeoFCUL.

Páginas