Best of Computing 2016

Artigos do Departamento de Informática entre os melhores

Na lista de artigos e livros notáveis da ACM Computing Reviews, a Best of Computing, encontram-se publicações de professores e investigadores do Departamento de Informática

ACI Ciências

Todos os anos a Association for Computing Machinery, através da sua publicação Computing Reviews, revista científica focada na revisão de literatura de ciência da computação, anuncia uma lista com publicações notáveis feitas ao longo do ano na área da informática.

Os professores e investigadores de Ciências, Francisco Martins, Luís Carriço, Luís Correia, Tiago Guerreiro, Vasco Vasconcelos e os alunos de doutoramento Diogo Marques e Fernando Silva, viram alguns dos seus trabalhos serem aqui distinguidos.

Na última lista publicada, relativa ao ano 2016, os artigos referenciados na Computing Reviews foram Snooping on mobile phones: prevalence and trends, dos autores pertencentes a Ciências, Luís Carriço, Tiago Guerreiro e Diogo Marques; e o artigo Open issues in evolutionary robotics, dos autores Luís Correia e Fernando Silva. O primeiro artigo foi também reconhecido com o "Distinguished Paper Award" da conferência SOUPS - Symposium on Usable Privacy and Security, que atesta a qualidade elevada da contribuição na área da privacidade usável. O último artigo é um dos mais lidos na revista científica onde foi publicado, a MIT Press Journals.

Em 2016 foram distinguidos 231 artigos na lista da Computing Reviews.

Em 2014 a prestigiada publicação havia já reconhecido o trabalho de outros dois professores do Departamento de Informática desta faculdade, Francisco Martins e Vasco Vasconcelos, com o trabalho The stream-based service-centred calculus: a foundation for service-oriented programming.

A revisão dos artigos e respetiva seleção é feita por um júri composto por revisores e editores da Association for Computing Machinery, bem como por investigadores da área da computação, inseridos no meio académico e na indústria.

Sinopse dos trabalhos distinguidos

Snooping on mobile phones: prevalence and trends

O artigo estima que uma em cada cinco pessoas já acedeu a conteúdos no telemóvel de um amigo ou familiar, sem a sua permissão. Para tal, e dada a relutância das pessoas em admitir comportamentos reprováveis, os investigadores aplicaram uma metodologia de inquirição anónima e indireta, que levou a estes números alarmantes que superam em grande escala as estimativas obtidas anteriormente em questionários diretos. O estudo apresenta ainda tendências para este fenómeno que se mostra prevalente entre a população mais nova e aqueles com maior nível de adoção de smartphones. Este estudo mostra que as defesas existentes atualmente não são eficazes contra a intrusão a dispositivos móveis por parte de pessoas socialmente próximas, abrindo espaço para investigação em novas defesas que sejam resilientes a esta ameaça.

Open issues in evolutionary robotics

A publicação consiste numa análise do estado da arte da robótica evolucionária. Um dos objetivos de longo prazo nesta área de investigação é o de poder criar automaticamente controladores para robôs autónomos, com base apenas numa especificação sumária da tarefa que o robô deve realizar. Todavia, os investigadores têm enfrentado consistentemente uma série de questões que impedem a adoção generalizada de algoritmos evolucionários para produzir controladores de robôs móveis. Neste artigo, analisamos e discutimos os problemas em aberto na robótica evolucionária. Estes problemas variam desde questões técnicas, como se devem ser usadas simulações computacionais ou apenas robôs reais, até questões metodológicas, como que práticas de investigação podem ser melhoradas na área. Para além da revisão e discussão dos problemas em aberto, discutimos quais são os caminhos potencialmente mais promissores em termos de investigação futura, com vista ao estabelecimento da robótica evolucionária como abordagem canónica para a engenharia de robôs autônomos.

The stream-based service-centred calculus: a foundation for service-oriented programming

Os serviços web são atualmente a mais importante tecnologia para disponibilizar sistemas de informação de forma a que estes possam ser descobertos, acedidos e compostos remotamente. Estes conceitos deram origem a um paradigma denominado "computação orientada por serviços". Por forma a modelar este tipo de serviços, e permitir raciocinar sobre os seus comportamentos, são necessárias linguagens e técnicas de análise adequadas. Este artigo apresenta uma destas linguagens, denominada "stream-based service-centered calculus" (SSCC). A SSCC é uma linguagem para modelar a composição e a orquestração de serviços, permitindo analisar e provar propriedades dos modelos. Além disso, o artigo contém uma série de exemplos que atesta a flexibilidades da linguagem: explica como codificar um longo catálogo de conhecidos padrões de interação e descreve dois estudos de caso relacionados com a indústria automóvel. Mostra também como a modelação centrada em objetos pode ser transformada num estilo centrado em serviços, de um modo sistemático e garantindo a equivalência comportamental entre o sistema de objetos e o de serviços.

Fonte: DI

Raquel Salgueira Póvoas, Área de Comunicação e Imagem de Ciências
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt

Os vários objectivos do DEGGE: Tudo o que nos define, e tudo o que apoiamos

O ENEI'12 vai realizar-se na FCUL.

ESTRUTURA E GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ANIMAL (DBA)

Apresentação do Departamento

Paleontólogos do MNHN da UL e do GeoFCUL em foco na revista TVmais.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

O DQB e a FCUL acolheram, mais uma vez, a realização de provas semifinais das Olimpíadas de Química Júnior 2012 no sábado, 14 de abril de 2012.

Pessoas estudam numa mesa na biblioteca

“Acho que qualquer aluno consegue ser bom, se tiver uma boa disciplina de trabalho e objetivos concretos”. Quem o diz é Gonçalo Faria da Silva, estudante do 3.º ano de Biologia.

No penúltimo dia de março realiza-se a quinta e última sessão do workshop destinado a preparar os estudantes para a obtenção do 1.º emprego.

 

Alunos da FCUL

A Schlumberger realiza uma sessão de recrutamento em Ciências. As grandes empresas procuram os melhores profissionais. A FCUL apoia a inserção profissional dos seus diplomados.
 

O evento é uma organização conjunta da Norton/Symantec e do mestrado em Segurança Informática do DI-FCUL.

O DM está na Futurália

Para Duarte Flor, presidente da associação académica e aluno do 12.º ano em Ciências, é importante que os candidatos ao ensino superior visitem as instalações de uma faculdade.

Desenho de uma figura masculina

“Existe um espaço onde o sentimento de pertença a uma escola pode ser reavivado", afirma Miguel Ramos.

Aluna junto a uma das colunas do átrio do C6

A mostra pictórica da atividade científica da FCUL é inaugurada a 13 de março. Conheça as razões pelas quais deve visitar a exposição.

O que são líquidos iónicos? Num dos primeiros programas do ano, o Com Ciência entrevistou o professor e investigador da FCUL, Carlos Nieto de Castro sobre esta classe de solventes.

Desenho de uma figura masculina

A data de lançamento do livro ainda não é pública, mas o evento deverá ocorrer brevemente, na Faculdade de Belas-Artes da UL.

Ontem evocou-se o Dia das Doenças Raras. A fibrose quística é um desses males incomuns. A investigação científica é importante em todos os setores, mas ganha especial sentido em áreas como esta.

Cerca de 20 professores de Ciências da Natureza e Ciências Naturais de nove concelhos portugueses participam na atividade promovida pelo MNHNC-UL a decorrer até abril.

Imagem de um folheto promocional

A FCUL volta a marcar presença no evento, juntamente com outras unidades orgânicas da UL.

Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

Páginas