Ciclo de conferências

Andamentos da Ciência

Sala 8.2.39, Ciências ULisboa
Logótipo da iniciativa, sobre uma fotografia da Ilha de S. Jorge, Açores

A ciência rege-se por diferentes escalas de tempo. Diferentes áreas do conhecimento estudam processos a diferentes escalas: dos nanossegundos aos milhões de anos. Quais são os Andamentos da Ciência?

Neste novo ciclo de conferências, convidamos especialistas de diferentes áreas do conhecimento para partilhar connosco o mais recente conhecimento em diferentes áreas de interesse para todos nós, em comunicações inspiradas nas palestras TED.

A 22 de junho (quarta-feira), às 17h00, fazemos uma viagem ao tempo profundo, pela mão de José Madeira (Professor Associado no Departamento de Geologia de Ciências ULisboa), que nos propõe olhar para o passado para compreender o presente: o que sabemos sobre a crise sismo-vulcânica em São Jorge, Açores?

A conferência tem lugar na sala 8.2.39 (Edifício C8, piso 2). A participação na conferência é livre, sujeita à capacidade da sala, e aberta a todos os interessados.

No final da sessão, os interessados poderão participar numa visita guiada à sala de atividades hands-on de sismologia do Instituto Dom Luiz - a participação na visita guiada requer inscrição prévia (vagas limitadas).

Programa:

  • 17h00 - Apresentação do formato e do orador
  • 17h05 - Intervenção de José Madeira
  • 17h30 - Perguntas do público
  • 17h50 - Visita guiada à sala de sismologia do Instituto Dom Luiz (sujeita a inscrição prévia, com vagas limitadas)

Olhar para o passado para compreender o presente: o que sabemos sobre a crise sismo-vulcânica em São Jorge, Açores?

Por José Madeira (Professor Associado no Departamento de Geologia de Ciências ULisboa).

Vivendo numa região tectónica e vulcanicamente ativa, os açorianos estão habituados aos sismos de baixa intensidade que se sentem regularmente nas várias ilhas. Na verdade, o arquipélago é a parte visível à superfície do oceano de um alinhamento de vulcões oceânicos ativos que se foram modificando ao longo de milhões de anos.

Mas, a 19 de março de 2022, os habitantes de São Jorge ficaram sobressaltados. Um número elevado de sismos de baixa e média magnitude, bastante acima dos valores de referência, começaram a ser sentidos. A sua frequência deixava no ar a dúvida: estaria iminente um cenário de erupção vulcânica? Este cenário tornava-se mais presente dada a recente crise sísmica que antecedeu a erupção vulcânica em La Palma, Canárias, com severas consequências económicas e sociais.

As semanas que se seguiram, com detalhado acompanhamento científico e trabalho de sensibilização junto da população, mostraram que a frequência dos sismos foi baixando e, consequentemente diminuindo o alarme.

O que sabemos sobre o passado geológico de São Jorge? Desde a chegada dos portugueses à ilha, no século XV, existem registos de sismos de magnitude elevada, crises sísmicas e três erupções. Venha conhecer o passado geológico desta ilha, para melhor compreender o seu futuro.

 

Biografia de José Madeira

José Madeira

José Madeira é Professor Associado no Departamento de Geologia de Ciências ULisboa desde 1983, e investigador do Instituto Dom Luiz - Laboratório Associado.

Doutorado em Geologia pela ULisboa, é autor de mais de 60 artigos científicos internacionais e uma dúzia de artigos em revistas nacionais, bem como de mapas geológicos e notícias explicativas, e de vários relatórios científicos sobre perigosidade geológica.

Tem desenvolvido trabalho de campo nas ilhas do Atlântico Central – arquipélagos dos Açores, Madeira, Cabo Verde, Canárias e São Tomé e Príncipe – e também em Portugal continental, Marrocos e Brasil. O seu trabalho de investigação levou-o a acompanhar as erupções de 1995 e 2014-2015 da ilha do Fogo (Cabo Verde), e as erupções submarinas da Serreta na ilha Terceira em 1999 e de El Hierro (Canárias) em 2011.

17h00

Colóquio no âmbito do projeto WineClimAdapt, que conta com participação de Ciências ULisboa.

Seminário do Departamento de Física de Ciências ULisboa, por Felix Riehn (The Galician Inst. of High Energy Physics, Spain).

Colóquio de Matemática, por Bruno Loff (University of Porto).

Banner do Ciclo de Palestras

Ciclo de Palestras de Outono, promovidas pelo GAPsi - Gabinete de Apoio Psicológico.

Banner do Ciclo de Palestras

Ciclo de Palestras de Outono do GAPsi.

Mathematical Logic Seminar, por António Marques Fernandes (IST - Universidade de Lisboa).

Lisbon Workshop Series - AI Aesthetics and Philosophy of Technology.

Data Science Seminar, por Daniel Gonçalves (LASIGE/DI-FCUL).

Banner do Ciclo de Palestras

Ciclo de Palestras de Outono do GAPsi.

Currently, climate changes or alterations are known to be reflected on the stable isotope ratios of Hydrogen, Nitrogen, Carbon, Oxygen and Sulphur present in atmospheric gas forms, fresh or ocean water, as well as in plants and animals and organic matter in the soil.

Ação de formação para docentes.

Banner do Ciclo de Palestras

Ciclo de Palestras de Outono do GAPsi.

Cartaz da campanha

A campanha visa recolher o maior número possível de pilhas, baterias, lâmpadas, tinteiros e equipamentos elétricos usados.

Pormenor de mapa do continente europeu

Candidaturas online de 1 a 31 de dezembro de 2022.

The objective of this course is to acquire knowledge regarding bioinformatic tools available to predict nucleic acid (RNA, DNA or Nucleic Acids Mimics) and protein three-dimensional structure, as well as autonomy and critical thinking in the use of those tools.

Science is increasingly more present in our everyday decisions, with a fundamental role in global problems. Scientists, as the main actors in the production of scientific knowledge, have the responsibility of having an active voice in communicating this knowledge.

The course aims at introducing attendants to an updated state of the art of diversity of the soil biota and the functional roles played by soil organisms in key ecological processes.

Symbiosis is a key strategy for life on Earth. Nevertheless, although many research groups have long been committed to the study of symbiosis, its definition and functioning are not fully understood, and its ecological role and relevance are still underestimated.

This 5-day course offers to the participants a light microscopy course focusing on fluorescence microscopy techniques applied to the detection of proteins and glycans in tissue samples and cell cultures.

This course aims to explore ways of communicating science to non-specialized audiences, such as policy makers, industry, general public (including students and teachers), through their engagement and participation in citizen science activities.

The objective of this course is to provide students with basic knowledge of R programming, allowing them to manipulate and visualize data with R.

The objective of this course is to provide students with statistical knowledge and tools to manipulate, analyze and visualize biological data with R. Introduction to modeling, simulations and Bayesian statistics.

Under the general framework of Global Change Ecology, the goal of this course is to provide the participants with the most recent and practical knowledge on the use of Functional Diversity. This includes the selection of functional traits and calculation of Functional Diversity Indexes.

Logótipo do evento

Abstract submission will close on 14 November 2022.

The course provides essential skills and knowledge that enable the participants to develop climate change adaptation strategies.

Páginas