Palestra

Do granito ao granito: o ciclo petrogenético

Transmissão através de Videoconferência
Imagem ilustrativa do evento

Uma conversa com A. M. Galopim de Carvalho (Ciências ULisboa), no âmbito das comemorações do Dia da Terra 2021.

Será abordado um dos processos fundamentais do nosso planeta: a permanente reciclagem das rochas, com foco nos granitos.

Quando, no campo, olhamos para o granito num afloramento ou, na cidade, o pisamos, coeso e duro como pedra da calçada, podemos pensar que esta rocha sempre foi assim, mas não é essa a realidade. São muitas as rochas que resultaram de outras. Por exemplo, quem diria que o granito, que se vê e explora em Trás-os-Montes, no Minho ou nas Beiras já foi xisto, o mesmo que, com ele, forma o substrato destas províncias.

A explicação é simples se nos fixarmos nos aspetos mais gerais, deixando de parte pormenores que aos especialistas dizem respeito e o abordarmos por palavras que toda a gente entenda.

Como é sabido, os agentes atmosféricos “apodrecem” (alteram) as rochas e é essa alteração que gera a capa superficial sobre a qual se instala o solo.

Nesta rocha é o feldspato e a mica preta (biotite) que sofrem o essencial dessa alteração. O primeiro, parcialmente, em minerais das argilas (barro), a segunda libertando os óxidos de ferro que dão à rocha, por vezes, o aspeto enferrujado. O quartzo, praticamente, não sofre qualquer alteração, o mesmo sucedendo à mica branca (moscovite) que apenas se divide em palhetas cada vez mais pequenas e delgadas.

Em tempo de chuva estes materiais acabam canalizados nos rios que conduzem muitos deles (areias finas com quartzo, algum feldspato, micas, limo e argilas) até ao oceano profundo onde, ao longo de milhões de anos, se acumulam em depósitos sedimentares com milhares de metros de espessura.

Sempre que um oceano se fecha, nasce uma montanha, envolvendo uma série de processos que, de um modo muito simplificado, se resume, dizendo que grande parte desses depósitos se afunda na crosta, ficando submetidos a temperaturas e pressões que aumentam com a profundidade. Começam aqui as transformações próprias do metamorfismo. De entre os que se afundaram menos e que, portanto, sofreram um metamorfismo mais fraco, surge o xisto argiloso. Dizemos que é uma rocha metassedimentar porque está na fronteira entre as sedimentares e as metamórficas. Com o aumento da pressão e da temperatura, em profundidade, formar-se-ão outros xistos de um grau de metamorfismo mais elevado, os micaxistos e os gnaisses. Sem entrar em pormenores, podemos simplificar, rematando que, mais abaixo, a profundidades na ordem dos 30 quilómetros, a temperatura pode atingir os 800ºC e a pressão ultrapassar as 4000 atmosferas. Inicia-se a fusão dando nascimento ao magma que, uma vez, arrefecido refaz o granito.


Transmissão em direto via Zoom.

15h00
MUHNAC - Museu Nacional de História Natural e da Ciência

A iniciativa conta com a participação de Luís Saraiva (Ciências ULisboa).

Imagem ilustrativa do evento (saúde e medicina)

Webinars da redeSAÚDE, de participação gratuita (mediante inscrição prévia).

Geometry Webinar, por João Pedro dos Santos (Universidade de Paris-Sorbonne e Universidade de Montpellier).

A iniciativa conta com a participação de Maria João Verdasca (cE3c, Ciências ULisboa).

Conversa com Galopim de Carvalho.

Cartaz do evento

A Feira Internacional dos Minerais, Gemas e Fósseis está de regresso ao Museu Nacional de História Natural e da Ciência!

Logótipo do projeto

Bioecosys brings together expertise and experience in forest ecosystem management and economics to communicate recent findings and to accelerate the transfer of knowledge and best practices to stakeholders and forest actors.

Workshop promovido pelo GAPsi - Gabinete de Apoio Psicopedagógico.

Mathematical Logic Webinar, por Paulo Santos (Universidade Nova de Lisboa - CMA).

Talks @DI, por Marcelo Inuzuka e Ruan Rodrigues.

Seminário no âmbito da Unidade Curricular de Introdução aos Recursos Naturais Vegetais, por Jorge Faria (INIAV - Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária / MED - Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento).

Sessão de apresentação do livro coordenado por José Almeida Silva (IDL / Ciências ULisboa).

Imagem alusiva ao evento

This Workshop will gather specialists in the field of Combinatorial Optimization, from several countries, to present and discuss recent research work around this subject. Luís Gouveia, coordinator of CMAFcIO and José Rui Figueira, president of CEG-IST will present the Opening Session.

Imagem ilustrativa do evento e várias informações (título, oradora, data)

Formação de Comunicação em Ciência(s), por Cristina Nobre Soares.

Conversa com Galopim de Carvalho.

Imagem alusiva ao evento

The training program will provide industry and academia the technological and scientific pathways required for deployment of sustainable cost-effective large scale energy storage and conversion powered by renewable energies.

Workshop promovido pelo GAPsi - Gabinete de Apoio Psicopedagógico.

Logótipo dos Prémios, sobre um fundo azul escuro

Candidaturas a decorrer até 15 de dezembro de 2021.

Logótipo do ENBE XVII, sobre um fundo branco

This meeting is a forum for scientists of all academic levels, (from master to principal investigators), to present their work and discuss, fostering new ideas and collaborations. We invite researchers from all over the world to participate and submit their work.

Conferência do Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia, por Céline Paillette (Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne).

Desde o início de 2020 que somos bombardeados, através da comunicação social, com informações sobre o novo coronavírus humano - SARS-CoV-2 - que provoca a síndrome respiratória aguda grave. Nunca se comunicou tanto, em tempo real, um tema científico, mas será que já vimos todas as nossas perguntas sobre este tema respondidas?

Pormenor de mapa do continente europeu

Candidaturas online de 01 a 31 de dezembro de 2021.

At the end of this course, participants will be able to predict the three-dimensional structure of nucleic acid and proteins from their sequence and use the acquired knowledge to improve or create new methodologies in molecular biology research and diagnostics.

The course SoilEco aims at introducing attendants to an updated state of the art of diversity of the soil biota and the functional roles played by soil organisms in key ecological processes.

Logótipo do evento, sobre um fundo branco

Understanding plant water relations at several scales under climate change is the theme of the XV Portuguese-Spanish Water relations Symposium: “Water relations under climate change: from genes to ecosystem”.

Páginas