Conferências CIUHCT | Literatura & Ciência

Medicina Indígena em Portugal: práticas de cura popular da colônia no cânone médico português

Sala 8.2.06, FCUL, Lisboa

Índio com prancheta de aspirar o Paricá, Iconografia da Viagem Philosophica de Alexandre Rodrigue Ferreira, Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, Biblioteca Nacional Digital (BNRJ. Objeto digital: mss1255454_13, loc. Original 21 A,1,001 nº13 - Manuscrito

As Conferências do CIUHCT são um ciclo de palestras organizados anualmente pelo CIUHCT sobre assuntos de História das Ciências e da Tecnologia.

Os oradores são convidados a apresentar trabalhos originais da sua autoria, concluídos ou em curso.

As conferências são abertas ao público e têm a duração aproximada de 45 minutos, seguidas de discussão. A maioria das conferências é em português, embora no caso de oradores estrangeiros possam ser proferidas em inglês.

Sinopse

Medicina Indígena em Portugal: práticas de cura popular da colônia no cânone médico português

O sincretismo das práticas médicas adotadas durante o período colonial no Brasil foi um tema recorrentemente abordado pela historiografia tradicional. Pesquisadores como Licurgo Santos Filho, Sérgio Buarque de Holanda e Ordival de Cassiano Gomes sublinharam em suas obras tal condição, mostrando que a medicina exercida na colônia se caracterizava por aliar tradições indígenas, práticas de cura dos escravos africanos e a medicina europeia. Todavia, o sincretismo das práticas médicas não esteve apenas cerrado no espaço colonial. O que os pesquisadores alinhados à História Atlântica tem mostrado contemporaneamente é que as relações entre a Colónia e Metrópole influenciaram em ambas uma mudança profunda na forma como a medicina era então exercida. Assim, a presente comunicação tem como objetivo mostrar a existência de elementos da cura popular e indígena da América colonial inseridas no cânone da medicina portuguesa.

Indigenous Medicine in Portugal: colonial popular healing practices in the Portuguese medical canon

The syncretism of the medical practices adopted during the colonial period in Brazil was a subject repeatedly studied by traditional historiography. Researchers like Licurgo Santos Filho, Sérgio Buarque de Holanda and Ordival de Cassiano Gomes highlighted such condition, showing that the colonial medicine was characterized by allying indigenous traditions, healing practices of African slaves and European medicine. However, the syncretism of medical practices was not exclusive to the colonial area. The Atlantic History shows us that the relations between the Colony and the Metropolis influenced in both a profound change in their medical practices. Thus, this communication aims to show the existence of popular and indigenous healing practices of colonial America within the canon of Portuguese medicine.

Sobre o orador

Wellington Silva Filho é doutorando em História e Filosofia das Ciências no Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia, Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa. Graduado em História pela Universidade Estadual de Maringá e Mestre em História pelo Programa de Pós-Graduação em História da mesma instituição. Possui interesse em História da Medicina e Farmácia, História da História Natural, História do Império Português e História do Brasil Colônia.

18h00
CIUHCT - Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia
CIUHCT

Edna Rita de Freitas da Costa Correia defende a tese "Small pelagics, predatory fish and seabirds: trophic and behavioural interactions in a marine protected area in Guinea-Bissau".

O final da Segunda Guerra Mundial levou a ONU a proclamar a Declaração Universal dos Direitos do Homem.

Como podemos ajudar a respeitar direitos tão fundamentais à vida de cada um? Como podemos, através destes direitos, preservar o que nos rodeia?

Vanessa Rodrigues dos Santos defende a dissertação "Melhoria ao Sistema de Avaliação de Vulnerabilidades - CVSS".

Por Pedro Pinto (Universidade de Lisboa).

You have certainly heard about solar panels on rooftops. But what about solar façades?

Building façades have plenty of free area, and costs of solar systems are decreasing more and more, so it is paramount to merge energy production with architectural creativity!

Por Gilles Lebeau (Université de Nice Sophia-Antipolis).

João Eduardo Silva Pombinho Batista defende a dissertação "Studying Elements of Genetic Programming for Multiclass Classification".

O que são as estrelas e os planetas? Para dar resposta ao problema foram introduzidos os novos ramos de conhecimento da Astrofísica e das Ciências Planetárias.

Por Bernardo San Martin (Universidad Católica del Norte).

As Adaptações da Agricultura às Mudanças Climáticas: França, Portugal e Mediterrâneo

Estes encontros visam aproximar as equipas de investigação de ambos os países assim como dos países parceiros, com o objetivo de desenvolver a cooperação científica, sobretudo no que respeita à iniciativa PRIMA (Partnership for Research and Innovation in the M

Tiago Filipe Miranda Mota defende a dissertação "Digital Workplace - Office 365 Solution".

A Associação Ludus e o Departamento de História e Filosofia das Ciências da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa tomaram a iniciativa de organizar regularmente um conjunto de conferências de alto nível.

Noite Europeia dos Investigadores 2018

Ciência na cidade é o tema da Noite Europeia dos Investigadores do biénio 2018-2019, o qual pretende aproximar investigadores e sociedade em atividades preparatórias e durante as noites da última sexta-feira de setembro.

Pedro Alexandre Pacheco Pinto Maia defende a dissertação "Resilient Communication in Smart Grids".

Noites no Observatório - Mais perto do inatingível

Por José Afonso (IA - Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço / Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa).

Alunos de Ciências

Candidaturas online de 01 a 30 de setembro de 2018.

Bolsas de Doutoramento da ULisboa

A ULisboa lançou, em 2015, um Programa de Bolsas de Doutoramento. Reconhecendo a importância que o financiamento dos estudantes tem para o desenvolvimento dos sistemas económico e científico, procurou-se assim criar condições para que os jovens investigadores concretizem o

Orçamento Participativo Portugal

O Orçamento Participativo Portugal é um processo democrático deliberativo, direto e universal, através do qual as pessoas apresentam propostas de investimento e que escolhem, através do voto, quais os projetos q

David Manuel da Costa Berto defende a dissertação "Universal Windows Application - Apoio à Inspeção".

SPINON Workshop 2018

A platform that brings together renowned scientists and young researchers in the field of molecular magnetism.

Ricardo João Viegas Ressurreição defende a tese "Evolução tectono-estratigráfica cenozóica do litoral alentejano (sector Melides-Odemira) e enquadramento no regime geodinâmico atual".

Tiago Alexandre Orrico Moucho defende a dissertação "VisuaLeague II - Animated Maps for Performance Analysis in Games".

Rui Pedro Cascalheira Calado defende a dissertação "Auditoria Contínua e os Incidentes de Segurança".

Paulo David Ferreira Antunes defende a dissertação "Monitoring Web Applications for Vulnerability Discovery and Removal Under Attack".

Páginas