Energia positiva na Universidade

Maqueta do Campus Sustentável da UL
Reitoria da UL

A Universidade de Lisboa apresentou recentemente o Projeto de Eficiência Energética. No Salão Nobre da Reitoria da Universidade, o reitor António Sampaio da Nóvoa citou Sophia de Mello Breyner e agradeceu a colaboração dos parceiros internos e externos – Galp Energia e CAPA Energies.

“Sejamos impacientes! Mas de uma impaciência crítica e de uma impaciência construtiva, de uma impaciência que não nos leva à demissão, mas a produzir coisas novas. É essa a responsabilidade maior de uma universidade e creio que é isso que estamos a cumprir hoje”, disse António Sampaio da Nóvoa no final do discurso.

A primeira fase do Campus Sustentável da UL integra quatro centrais de produção de energia elétrica, com 2627 painéis fotovoltaicos, o que corresponde a uma potência instalada de 644 kW e uma área total de 8495 m2 dos espaços da Universidade.
Salão Nobre da Reitoria da UL
Fonte: Reitoria da UL
Legenda: A Galp Energia e a CAPA Energies são os parceiros da Universidade neste projeto

A primeira edição de abril do PULSAR, o magazine de informação semanal da Universidade, integra um vídeo com André Amaral e Ricardo Ferreira, ambos técnicos da área da Sustentabilidade dos Serviços Partilhados (SP) da UL e que apresentam as principais características do projeto e os seus benefícios. Para Márcia Vila, coordenadora daquela área dos SPUL, com este projeto “a Universidade dá um sinal positivo ao país e à cidade”. Também Viriato Soromenho-Marques, professor da Faculdade de Letras da UL, mencionou que “a experiência do Campus Sustentável é um sinal que a Universidade dá, em contracorrente com a fase de alucinação geral que contamina as políticas que se recusam a encarar o abismo”.

As expetativas da equipa da Universidade Verde só podiam ser elevadas: as verbas alcançadas no âmbito desta iniciativa serão usadas para implementar medidas de eficiência energética, já identificadas nas auditorias realizadas. “Este é um projeto de uma universidade responsável, de uma universidade que não só ensina as boas práticas, como as pratica efetivamente”, afirmou Carlos Lobo, durante a abertura da sessão. Para o pró-reitor da Universidade este projeto a nível financeiro é exemplar: “ Com esses recursos - cerca de três milhões de euros no final do projeto - podemos investir na melhoria da eficiência energética e na melhoria da qualidade ambiental dos edifícios da UL, ou seja, todos os recursos alcançados com este projeto serão recanalizados para o mesmo efeito”.
Equipa da Universidade Verde
Fonte: Reitoria da UL
Legenda: Os técnicos da área da Sustentabilidade dos SPUL apresentam as principais características do projeto, num vídeo divulgado pelo PULSAR

Ricardo Leite, engenheiro da Galp Soluções de Energia, não tem dúvidas em afirmar que se trata “do maior projeto de mini produção de energia da cidade de Lisboa e [que tenha conhecimento] do país”. Durante a apresentação do projeto, Carlos Pina, administrador executivo da Galp Energia, chamou a atenção para o facto “de que se está a devolver à sociedade aquilo que a sociedade através do seu sistema educativo, científico e tecnológico tem permitido desenvolver e aperfeiçoar ao nível do uso de novas tecnologias, com o objetivo de garantir padrões elevados de eficiência energética”.

A sessão de apresentação do Projeto de Eficiência Energética juntou a 12 de março empresários, professores, investigadores e alunos, nomeadamente alguns estudantes do mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, para quem é sempre bom complementar a formação com ações deste género, propícias à projeção de novas ideias.

+ Comentários sobre o Campus Sustentável da UL

“É um projeto muito interessante do ponto de vista do impacto que isto terá na economia da Faculdade, da sua visibilidade, como um exemplo de produção de energia limpa e de satisfação de uma boa parte das suas necessidade e também com um envolvimento, esperamos cada vez maior, dos nossos alunos nestas iniciativas. Os nossos alunos estão, por exemplo, envolvidos no planeamento de eficiência energética dos grandes auditórios da Fundação Calouste Gulbenkian e do ISCTE, não há razão para não fazerem isso na UL.”
António Vallêra, professor do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia da FCUL

“O projeto é interessante (…) como se disse durante a sessão, estamos a cumprir aquilo que ensinamos. (…) Qualquer aluno que saia da nossa cadeira de Energia Solar Fotovoltaica sabe projetar um sistema destes, sabe fazer a avaliação do potencial, sabe projetar.”
Jorge Maia Alves, professor do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia da FCUL

“Este tipo de projeto é imprescindível. (…) Não é ensinar por ensinar, mas ensinar demonstrando. (…) Há que implementar formas de manutenção de prolongamento dos sistemas e de aumentar a sua eficiência energética porque a longo prazo os materiais têm o seu desgaste. (…) Estas ações são importantes para os alunos: são educativas, pedagógicas, sociais, culturais.”
Maria José Lourenço, professora do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL

Ana Subtil Simões, Gabinete de Comunicação, Imagem e Cultura da FCUL
info.ciencias@fc.ul.pt

Devido a uma avaria no equipamento de Videoconferência, o serviço encontra-se interrompido por tempo indeterminado. Pedimos desculpa pelo incómodo causado.

Alunos aguardam a sua vez na fila para as inscrições

Este ano, durante a 1.ª fase de inscrições, foi realizado um inquérito a 845 estudantes. De acordo com os resultados obtidos, o reconhecimento da competência científica (25%), a localização (22%) e a nota de candidatura (22%), foram determinantes na escolha da FCUL.

Abertura de Concurso para uma posição de substituição de Doutor Ciência na CFNUL na área Física Nuclear – Reações Nucleares, ver anúncio em http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx?task=global&job

A FCUL dá as boas-vindas aos novos alunos, após o arranque do novo ano letivo, a 17 de setembro.

Filipe Duarte Santos - Professor Catedrático e Jubilado do Departamento de Física e Director do SIM

Imagem de perfil de Maria Filomena Camões, professora do DQB-FCUL

Maria Filomena Camões, professora do Departamento de Química e Bioquímica da FCUL, assina um artigo sobre a criação do Instituto Nacional de Metrologia da Colômbia e a inauguração de um laboratório do qual é madrinha.

Guiomar Evans - Prof. Auxiliar do Departamento de Física e Investigadora do Centro de Física da Matéria Condensada

A missa do 30.º dia em memória de José Manuel Pires dos Santos, professor aposentado do Departamento de Informática da FCUL, realiza-se a 11 de setembro, pelas 19h00, na Igreja da Luz, em Carnide.

Toda a morte, mesmo a anunciada, é uma surpresa. Um misto de espanto e de descrença como se não fosse possível acontecer.

As actividades da Semana Zero do DEGGE têm lugar nos dias 12, 13 e 14 de Setembro.

Bolsas Universidade de Lisboa / Fundação Amadeu Dias

Em cinco anos, a UL e a FAD apoiaram 134 projetos. A Faculdade de Ciências distingue-se com o maior número de alunos e respetivos trabalhos distinguidos, setenta.

Apresentações públicas do Programa de Doutoramento em Biologia

Apesar do próximo ano letivo começar já dia 17 de setembro, a FCUL ainda está a receber candidaturas de alunos interessados nos seus cursos pós-graduados.

Centro de Dados da FCUL

Tal como anunciado em julho, a modernização do Centro de Dados da FCUL foi realizada durante os meses de verão e está prestes a terminar.

Vela

Aos familiares, amigos e colegas a FCUL apresenta as sinceras condolências.

Fluxo de energia bancária

“O princípio de que aumentar o capital dos bancos favorece a estabilidade bancária, para além de estar errado, penaliza países como o nosso de forma ainda mais gravosa”, refere em entrevista Pedro Gonçalves Lind, um dos autores do regular article “The Dynamics of Financial Stability in Complex Networks”.

Os cidadãos estrangeiros abrangidos pelos programas “Erasmus Mundus” e “Ciência sem Fronteiras” podem ter autorização de residência em menos de 15 dias e direito à mobilidade no espaço da União Europeia.

Jardim

Através do sistema Concursos pode aceder a mais informações sobre o convite publicado no Jornal Oficial da União Europeia.

Vela

Aos familiares, amigos e colegas a FCUL apresenta as sinceras condolências.

Adultos e criança em atividade da Ciência Viva no Verão

Até 15 de setembro, a iniciativa Ciência Viva no Verão percorre o País organizando mais de 1700 atividades científicas gratuitas para toda a população. As inscrições permanecem abertas até 15 de setembro, de acordo com o calendário de atividades. Nesta altura, já são mais de 20 mil os inscritos.

Nos dias 9 e 10 de Agosto a plataforma Moodle da FCUL vai estar inacessivel devido a uma manutenção de rotina.

As nossas desculpas pelos possiveis incómodos causados.

Liliana Caldeira junto aos posters

A investigação sempre foi um objetivo, que ganhou força após o prémio para melhor poster ser-lhe atribuído numa importante conferência internacional. Até ao final do ano, Liliana Caldeira, aluna de doutoramento em Engenharia Biomédica e Biofísica da FCUL, deverá defender a tese.

Pontos de interrogação

"Aquando da candidatura, o projeto estava numa fase embrionária e foi o Programa de Estímulo à Investigação da FCG que deu força e motivação para avançar”, diz Jocelyn Lochon, um dos vencedores da edição 2011 do Programa de Estímulo à Investigação.

Pages