ULisboa

Tremoço: uma alternativa para o futuro?

A sessão incidirá sobre as vantagens do tremoço (Lupinus albus), uma cultura bem conhecida no sul da Europa, mas que tem sido, por razões de natureza diversa, muito negligenciada. A sua introdução como cultura de larga escala no sul da Europa traria enormes vantagens, não só dos pontos de vista ecológico e económico, mas também de nutrição humana e de saúde das plantas e do Homem. Serão discutidas as suas vantagens em relação a outras culturas de leguminosas (nomeadamente à tão afamada soja), bem como&nb

Dia Aberto M23

Aproximar o público adulto da universidade é uma prioridade. Um contacto prévio à entrada dos potenciais candidatos com técnicos e profissionais que, em diferentes esferas de atuação, podem ajudar no encetar de um projeto de formação universitária, pode ser determinante da tomada de decisão.

Concurso de Fotografia em História Natural e Ciência

O Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa promove, pela primeira vez, um concurso de fotografia com o objetivo de difundir a Natureza e a Ciência em Portugal e nos países africanos de língua oficial portuguesa (PALOP).

Pretende-se atrair fotógrafos, com trabalhos de excelência e fomentar práticas de observação, conhecimento e registo através da fotografia, da natureza, e da ciência e tecnologia a diferentes escalas.

A expansão urbana e regressão das áreas agrícolas: O caso da Área Metropolitana de Lisboa

A 2.ª Sessão do Ciclo de Seminários sobre Planeamento Alimentar Urbano, que o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) da Universidade de Lisboa organiza em parceria com o Centro de Informação Urbana de Lisboa (CIUL), abordará a “expansão urbana e regressão das áreas agrícolas: O caso da Área Metropolitana de Lisboa” e contará com intervenções de João Teixeira (CCDR-LVT), Leonel Fadigas (FA-ULisboa) e Rosário Oliveira (ICS-ULisboa).

AlimentAÇÃO: direito humano a uma alimentação adequada através de compras públicas a cadeias curtas agroalimentares

Com o objetivo de contribuir para promover a realização do Direito Humano à Alimentação Adequada, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), a rede ReAlimentar, a Rede Rural Nacional (RRN) e o Colégio Food, Farming and Forestry (F3) da Universidade de Lisboa organizam no dia 7 de fevereiro, em Lisboa, o Seminário “AlimentAção: Direito Humano a uma Alimentação Adequada através de compras públicas a cadeias curtas agroalimentares”.

Rúben Oliveira é ex-aluno de Biologia e do Mestrado em Biologia da Conservação da Faculdade de Ciências e foi finalista na edição do Famelab 2017, tendo ganho o Prémio do Público. Nesta entrevista rápida, explica a importância de concorrer a este concurso e como o mesmo lhe abriu portas para as funções que hoje desempenha no Ce3c e na SPECO. 

«A FCUL tem uma comunidade de estudantes bastante ativa e é muito bom que esta oportunidades tenha chegado tão perto dos estudantes. Espero mesmo que haja muitos candidatos e tenho a certeza que terão muita qualidade»

Marta Santos é atualmente comunicadora de ciência no Ce3C (FCUL). Foi a grande vencedora da edição 2014 do Famelab e, nesta entrevista, partilha a importância que a experiência teve na sua vida e deixa algumas dicas para os futuros candidatos. A edição de 2018 do Famelab já está em curso e aceita candidaturas até 3 de fevereiro. Este ano, Ciências recebe pela primeira vez uma eliminatória regional do FameLab Portugal. Para concorrer, basta ser maior de 18 anos e "trabalhar ou estudar nas áreas de ciências, tecnologia, engenharia ou matemática".

Páginas