Permalab

Permalab

Em outubro de 2009, e por iniciativa de um grupo de alunos de Ciências, foi criado o projeto Horta FCUL, que viria mais tarde, em colaboração com o Centro de Investigação cE3c, a dar início ao Projeto Permalab, que concentra a sua atividade num espaço do campus cedido para promover práticas de permacultura, atividade social em que a comunidade de Ciências é convidada a promover práticas agrícolas pensadas e concebidas de uma forma sistémica tendo por base princípios ecológicos, no sentido da promoção de um futuro sustentável. O PermaLab é assim um ecossistema aberto à inovação, centrado nos seus utilizadores, integrando processos de investigação e inovação propostos pela permacultura num ambiente de investigação-ação transdisciplinar e transformador com parcerias público-privada-pessoais. Sendo a permacultura um sistema de planeamento baseado na ciência que mimetiza padrões e relações ecológicas, o PermaLab pretende avaliar e criar evidências científicas de soluções baseadas na natureza, contribuindo para a regeneração do campus universitário e mobilizando a comunidade de Ciências.

O potencial de demonstração e inovação desta iniciativa, e o acompanhamento técnico-científico da mesma, ficam claramente afirmados, através da recente publicação de um estudo liderado por um aluno de doutoramento de Ciências, que teve por objetivo cultivar uma variedade híbrida comercial e uma variedade de polinização aberta de milho, exclusivamente com base no composto de lixo municipal e de resíduos verdes como fontes de nutrientes e, subsequentemente, medir o rendimento e a nutrição mineral como contributo para uma agricultura urbana sustentável.