COVID-19

Mapa de risco para Portugal

CFTC Ciências ULisboa participa no projeto coordenado por Universitat Rovira i Virgili e Universidad de Zaragoza

Mapa

O modelo visa estimar a taxa de risco de cada concelho de Portugal, tendo em consideração a dinâmica de transmissão do SARS-COV-2, os padrões de mobilidade recorrente em Portugal e a demografia da população portuguesa

https://covid-19-risk.github.io/map/

 De acordo com comunicado de imprensa, o sítio na Internet inclui três mapas de risco de propagação da COVID-19 por contágio comunitário para Espanha, Portugal e Brasil. O modelo utilizado é uma versão generalizada de uma família de modelos epidemiológicos de tempo discreto, que foi especialmente modificada para representar a dinâmica de transmissão do SARS-COV-2, o vírus que causa a doença COVID-19. O modelo visa estimar a taxa de risco de cada concelho de Portugal, tendo em consideração a dinâmica de transmissão do SARS-COV-2, os padrões de mobilidade recorrente em Portugal e a demografia da população portuguesa. O sítio na Internet inclui as motivações do projeto, a descrição do modelo, suas limitações, vantagens e perguntas frequentes.

O Centro de Física Teórica e Computacional (CFTC) da Ciências ULisboa participa no desenvolvimento do mapa de risco de propagação da COVID-19 por contágio comunitário em Portugal, um projeto coordenado pelas Universitat Rovira i Virgili, em Tarragona, e Universidad de Zaragoza, em Zaragoza, ambas em Espanha e que em Portugal tem como parceiros a NOS, a Data Science Portuguese Association e a Closer Consulting.

“Dois aspetos importantes para a previsão da propagação da COVID-19 são a distribuição geográfica dos casos identificados e a mobilidade das pessoas. É isso que nós estamos a considerar, pela primeira vez para o caso português”, diz Nuno Araújo, professor do Departamento de Física e coordenador do CFTC Ciências ULisboa, que começou a trabalhar neste mapa há cerca de duas semanas, juntamente com Hygor Piaget Melo, investigador pós-doutorado do CFTC Ciências ULisboa.

Os dados de mobilidade foram fornecidos pela NOS SGPS a partir dos padrões de mobilidade dos utilizadores de telemóvel durante o mês de janeiro de 2020. Os dados do número de infetados foram recolhidos dos relatórios diários da Direção Geral da Saúde (DGS) e dos meios de comunicação. “Em breve iremos receber dados oficiais da DGS. A possibilidade de fazer previsões a nível regional é muito importante para auxiliar na decisão, uma vez que permite estimar as necessidades de apoio locais, bem como avaliar a eficiência de cordões sanitários ou outras medidas de contenção local”, explica Nuno Araújo.

Consulte mapa de risco para Portugal em https://covid-19-risk.github.io/map/.

Esta primeira previsão está disponível para consulta pública e como é habitual noutros modelos deste tipo necessita de ser constantemente validada e atualizada. “Há um conjunto de medidas de prevenção implementadas que se esperam afetar quer os padrões de mobilidade como a forma como as pessoas interagem. Isso tem que ser tido em conta em futuras previsões já que se espera surtir efeitos nos próximos dias”. conclui Nuno Araújo.

ACI Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
A. M. Galopim de Carvalho num dos geoparques

O pioneiro da Geoconservação em Portugal sente-se agradado pelo reconhecimento dos mais de 20 anos de serviço em prol da preservação e salvaguarda dos geoparques, considerando o tributo um importante incentivo para a defesa territorial, para a promoção da geodiversidade e para o desenvolvimento sustentável baseado no património geológico.

Isaac Carrêlo e Rita Almeida, alunos do curso de Engenharia e Energia do Ambiente e Eva Barrocas, do curso de Biologia, viajaram até Cabo Verde para fazer parte da equipa Turtle Foundation. Durante um mês de experiências intensas, protegeram tartarugas e levaram os ensinamentos apreendidos na FCUL até à comunidade local.

Mapa

O Memorando de Entendimento celebrado com Portugal estabelece oito áreas programáticas para a respetiva alocação de verbas para 2009/2014. A abertura de concursos para Portugal deve acontecer ainda este ano.

Palestra por Jennifer de Jonge

Centro de Biotecnologia Vegetal/IBB

Evolução Tecnológica e o Cadastro Territorial Multifinalitário no Brasil

VicenTuna anima Sessão de Boas-vindas

Receber os novos alunos numa sessão de boas-vindas é uma das tradições da FCUL. Agora, o espírito da cerimónia pode ser conhecido pela voz dos profissionais e alunos que fizeram parte da última sessão, através de uma reportagem multimédia presente na página do YouTube da Faculdade, bem como na pasta de vídeos do Facebook.

Pormenor de obra de arte

Atualmente, o antigo aluno da FCUL é post-doc na Universidade Federal do Rio Grande - Fundação Universidade do Rio Grande, no Brasil, sendo responsável por projetos na área da Biologia Antártica – Biologia Polar.

Miguel Ramos

Miguel Ramos, professor do Departamento de Matemática da FCUL, faleceu esta quinta-feira, dia 3 de janeiro. O corpo será velado no dia 5 de janeiro, entre as 17h00 e as 24h00, na Capela da Igreja das Furnas, em São Domingos de Benfica, assim como no dia 6 de janeiro, a partir das 12h00, seguindo-se a missa pelas 15h00. A cerimónia de cremação ocorre no Cemitério dos Olivais.

Miguel Ramos (1963-2013)

Estão disponíveis os calendários de exames do 2º ciclo para as seguintes áreas:

- Mestrados de Engenharia Geográfica e SIG

Repórter e câmara de filmar

Após as palavras , chegam os sons e as imagens  do dia em que a FCUL voltou a fazer parte da “Rota das Vocações de Futuro” da associação EPIS. A reportagem está disponível na página do YouTube da Faculdade, bem como na pasta de vídeos do Facebook.

 

O histórico de aluno no Portal da FCUL foi atualizado e renovado.

Relembramos que pode utilizar os vários meios ao dispor para deixar comentários ou sugestões sobre os serviços da FCUL.

Bruno Almeida, doutorado em História das Ciências pela Secção Autónoma de História e Filosofia das Ciências da FCUL e membro do Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia, ganha "Prémio Cultura 2012" atribuído pela Sociedade de Geografia de Lisboa.

Alunos informam-se sobre programas de mobilidade internacional

“É uma grande oportunidade que estou a ter, a Faculdade dá um grande apoio aos alunos. (…) Estou a gostar do convívio com os colegas, das aulas, das disciplinas e da cultura portuguesa”, sublinha Daniel Martins, aluno oriundo do Brasil a estudar Biologia na FCUL.

Pela 2.ª vez, o Dia Internacional proporcionou a divulgação de programas de mobilidade internacional junto dos alunos, esclarecendo dúvidas e curiosidades. Durante o acontecimento, trocaram-se experiências, conheceram-se hábitos e tradições de diferentes países e, acima de tudo, enalteceu-se o espírito de convívio em ambiente "além-fronteiras".

Candidaturas para Base de Recrutamento de Professores Auxiliares Convidados do DF

“MARAVILHAR-SE: reaproximar a criança da Natureza” 

Foi duplicado o espaço de armazenamento nas áreas de alunos. A nova quota é agora de 1 Gb.

 

Com o intuito de inovar e proporcionar os melhores temas aos alunos da Faculdade de Ciências no que diz respeito às novas tecnologias, a

David Luz e Pedro Machado, investigadores do Centro de Astronomia e Astrofísica da UL, fazem parte de uma equipa de investigadores que ao fim de dois anos conseguiu medir os ventos da atmosfera de Vénus a partir da Terra. Até então, só era possível fazê-lo recorrendo a sondas espaciais.

À semelhança dos anos anteriores o Departamento de Química e Bioquímica vai promover a realização de Ações de Formação para os professores do Ensino Básico e Secundário na modalidade oficina.

Páginas