Ciências ULisboa e Universidade de Tianjin submeteram candidatura para criação e financiamento de laboratório conjunto

NLX Ciências ULisboa visita LIA da Lenovo

João Ricardo Silva, Deyi Xiong, António Branco, Changjian Hu, diretor do Grupo de Linguagem Natural da Lenovo, Rodrigo Santos e João Rodrigues

João Ricardo Silva, Deyi Xiong, António Branco, Changjian Hu, diretor do Grupo de Linguagem Natural da Lenovo, Rodrigo Santos e João Rodrigues

AB

Palestra

"Multilingual Chatbots: how much helpful is machine translation?"

Empresas como a Lenovo recorrem a chatbots para responderem automaticamente a pedidos de ajuda dos clientes para a resolução de problemas com equipamentos e serviços, para dessa forma reduzirem custos com operadores humanos, em call centers. Quando as empresas se instalam num novo mercado cujos falantes usam uma nova língua não é necessário desenvolver-se um novo chatbot de raiz caso se recorra à tradução automática.

Palestra

"Predicting Brain Activation with Word Embeddings based on Lexical Semantic Ontologies"

Uma tarefa interessante em IA consiste em determinar automaticamente o padrão de ativação de zonas do cérebro humano em consequência da exposição cognitiva do sujeito a uma dada palavra, sem que o sistema que faz essa previsão tenha arquivado esse padrão, mas tendo aprendido apenas a associação de outros padrões a outras palavras.

Fonte: AB

Um grupo de investigadores do Grupo de Fala e Linguagem Natural (NLX) do Departamento de Informática (DI) de Ciências ULisboa visitou, em julho passado, o Laboratório de Inteligência Artificial (LIA) da Lenovo, no âmbito de um projeto de intercâmbio científico, coordenado por António Branco, professor do DI e coordenador do NLX .

Para António Branco o balanço desta visita a Pequim é “extraordinariamente positivo”, já que como resultado disso Ciências ULisboa e a Universidade de Tianjin (UT) submeteram uma candidatura para a criação e financiamento de um laboratório conjunto sobre processamento de linguagem natural. “Para organizações com a dimensão de Ciências ULisboa é crucial a parceria com estes laboratórios para se manterem competitivas", diz.

O intercâmbio entre Portugal e a China sobre processamento de linguagem natural é financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia e pelo Ministério da Ciência e Tecnologia da China (MOST), em coordenação conjunta com Deyi Xiong, professor na UT e conselheiro científico do LIA da Lenovo. Durante a visita a equipa de Ciências ULisboa também foi acompanhada por Changjian Hu, diretor do Grupo de Linguagem Natural da Lenovo.

O acontecimento incluiu a apresentação de duas palestras, ocorridas em 11 de julho passado. Perante uma audiência de investigadores em Inteligência Artificial (IA) da Lenovo, António Branco e outros membros do NLX, nomeadamente, João Ricardo Silva, João Rodrigues e Rodrigo Santos, apresentaram alguns dos resultados obtidos pelo NLX, incluindo o LX-Translator, um serviço online de tradução automática neuronal Português/Chinês, com qualidade superior à do Google Translate, para esse par de línguas, desenvolvido por Rodrigo Santos na sua investigação de mestrado em Engenharia Informática.

“Apresentámos os resultados da nossa investigação em que se estima que, com o estado de maturidade atual da tecnologia de tradução automática, entre 40 a 60% dos pedidos de ajuda podem ser respondidos automaticamente no primeiro dia de operação num novo mercado linguístico usando um chatbot originalmente desenvolvido para outra língua.”
António Branco

A missão da equipa do NLX em Pequim possibilitou ainda o estabelecimento de contactos tendo em vista futuras iniciativas de cooperação com o LIA da Lenovo. O grupo foi ainda convidado para um almoço na residência do embaixador português, José Augusto Duarte, onde tiveram a oportunidade de dar conta das atividades e resultados de investigação em IA de Ciências ULisboa e ficar a conhecer melhor o sistema científico e tecnológico da China.

O LIA da Lenovo tem sete grupos e centenas de investigadores. “Só o Grupo de Processamento de Linguagem Natural conta com mais de 40 colaboradores, aproximadamente tantos quantos os docentes de todas as áreas da Ciência e Engenharia da Computação do DI Ciências ULisboa”, conta António Branco, salientando ainda que “esta aposta muito forte na investigação é uma tendência transversal a todos os gigantes tecnológicos mundiais, que é onde grande parte do progresso científico está a acontecer nesta área”.

“Apresentámos os resultados da nossa investigação em que usámos uma representação vetorial para o significado das palavras baseada em ontologias lexicais, em combinação com aprendizagem automática profunda baseada em redes neuronais artificiais (deep learning) para a resolução desta tarefa. O desempenho do nosso sistema mostrou-se competitivo em relação ao estado da arte e aos resultados obtidos com outras abordagens, as quais, porém têm a desvantagem de requerer um maior volume de dados ou um maior trabalho humano prévio de teste e seleção de elementos informativos relevantes.”
António Branco

Ana Subtil Simões, Área de Comunicação e Imagem Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Henrique Costa

Henrique Regateiro Machado e Costa faleceu no passado dia 14 de Fevereiro.

Secção Autonoma de História e Filosofia das Ciências da FCUL

Hasok Chang, Prémio Fernando Gil

A RIGC – Rede de Informação da Indústria do Grande Consumo, empresa de consultores especializada na realização de trabalhos de consultoria n

Consulte as ofertas de emprego do Departamento de Estatística e Investigação Operacional.

A empresa Grupo Actuarial oferece estágios remunerados na área da Estatística/Probabilidades ou Matemática.

Para mais informações consultar:

RIGC – Rede de Informação da Indústria do Grande Consumo, empresa de consultores especializada na realização de trabalhos de consultoria na área de do Grande Consumo procura Analista de Dados Júnior(m/f).

Maksen é uma multinacional organizada em unidades de negócios, a fim de prestar serviços de consultoria em estratégia e redes de negócios, sistemas de informação, engenharia e comunicação e neste momento procura

Das 121 candidaturas admitidas para avaliação no âmbito do concurso para a criação do Rnie, somente 54 foram recomendadas a integrar o roteiro, dez delas incluem a presença de Ciências, sendo que cinco são lideradas por investigadores da faculdade.

Maria Helena Florêncio, Jorge Miguel Miranda, Henrique Cabral e António Branco apresentam infraestruturas de investigação de interesse estratégico para Portugal.

Gonçalo Costa Gomes Amaral

"Não se deve deixar que a sua memória seja esquecida, pois é através de tudo o que ele passou e viveu entre nós que vai continuar a viver e a iluminar tudo aquilo que fizermos", declararam em comunicado a AEFCL e o Conselho de Veteranos de Biologia.

A empresa Grupo Actuarial oferece estágios remunerados na área da Estatística/Probabilidades ou Matemática.

Mapa

A recomendação de inclusão da Clarin Portugal no Roteiro Nacional de Infraestruturas de Investigação de Interesse Estratégico (Rnie) representa um passo da maior importância para a internacionalização da língua portuguesa e para a sua preparação para a era digital. 

O Seminário Diagonal realiza-se dia 17 de março, pelas 18h00, na FCUL, no anfiteatro 6.2.53.

Henrique Cabral

Investigadores de seis universidades portuguesas criam novo centro de investigação em ciências marinhas: o Mare.

Candidaturas decorrem até 21 de março de 2014.

Após as audiências pública e privada dos candidatos a diretor, o Conselho de Escola elegeu com maioria absoluta, no dia 26 de fevereiro, a candidatura do professor do Departamento de Química e Bioquímica, frisando na ocasião “o empenho de ambos os candidatos no enriquecimento da discussão e definição dos problemas e desafios que a FCUL enfrenta”.

Jornadas e-Planning

“O objetivo das jornadas é refletir e debater as grandes prioridades e desafios societais que enfrentamos”, diz Pedro Ferraz de Abreu, dinamizador da iniciativa.

Filipe Duarte Santos aceitou coordenar a equipa que vai avaliar a estratégia de gestão da zona costeira nacional, “porque é um serviço para o meu país numa área em que tenho algum conhecimento e experiência”, na sequência do convite feito pelo ministro do Ambiente, Jorge Moreira da Silva.

Ciências em Movimento - Laboratório Biologia Animal

“Não conhecia a Faculdade e estou a gostar. Nunca tinha aberto um peixe! Acho que é importante fazer parte deste tipo de iniciativas para que quem queira seguir [a área das ciências], tenha contacto com a realidade antes de fazer a sua escolha”, declarou Alexandra Monteiro, aluna do 12.º ano de Biologia da Escola Secundária Dona Filipa de Lencastre.

O Departamento de Estatística e Investigação Operacional apresenta uma oferta de emprego.

O artigo científico com o título "Chord-based Correction for Multitouch Braille Input" recebeu o prémio de Melhor Artigo Científico na Conferência CHI 2014.

O Prof. Nuno Neves é o novo prof. Associado com Agregação do Departamento de Informática da FCUL.

Henrique Leitão

Quem cultiva a terra sabe que os pepinos devem ser podados, para que possam crescer sem rama e com um gosto agradável. Quem trabalha com as comunidades do pré-escolar e dos ensinos básico e secundário deve ter cuidados semelhantes aos dos agricultores. Despertar o gosto pelas ciências, seja em que contexto for, é sempre uma boa prática.

Páginas