Lançamento do Programa ERASMUS+ 21|27

Viana do Castelo
Imagem ilustrativa do programa, acompanhada do logótipo da Comissão Europeia
Erasmus+ Factsheet

A conferência de lançamento do novo programa Erasmus+ 21|27 decorre em Viana do Castelo, no dia 18 de junho de 2021.


A Comissão Europeia lançou no fim de março o novo programa Erasmus+ 21|27 no qual Portugal pretende reforçar a sua participação, designadamente em termos das seguintes metas

1. triplicar os estudantes em mobilidade até 2027, com mais e melhores acordos institucionais a nível europeu, de uma forma que reforce a evolução das últimas décadas do número de estudantes do Ensino Superior em Portugal em mobilidade (i.e., menos de dois mil e quinhentos estudantes no ano 2000, cinco mil em 2014 e dez mil em 2019/20). Representa o evoluir do nível atual de mobilidade, em que cerca de 10% dos estudantes que terminam o ensino superior têm uma experiência de mobilidade Erasmus, para que esse nível em 2030 atinja cerca de 1/3 dos estudantes que terminam a formação inicial no ensino superior. 

2. promover a efetiva inserção das instituições de Ensino Superior portuguesas, politécnicas e universitárias, públicas e privadas, em Redes Europeias de instituições de ensino superior, reforçando graus conjuntos e processos conjuntos de recrutamento de docentes e investigadores, assim como a mobilidade de docentes e investigadores e uma melhor e mais adequada articulação com atividades de investigação e inovação, assim como com empregadores europeus. 

3. modernizar e reestruturar completamente a atual Agência Erasmus +, de forma a evoluir para uma agência multipolar e em rede com as instituições de ensino superior e escolas secundárias e profissionais, garantindo instalar, até ao final de 2021, polos/delegações em todas as instituições de ensino superior e em muitas escolas secundárias e profissionais, assim como incluir: 

i) a criação de uma rede de mecenas, privados e públicos, com influência na gestão e governança da agência, designadamente ao nível de um Conselho Superior de Estratégia Erasmus; e 

ii) a implementação do Observatório Erasmus, através de um processo permanente de avaliação, monitorização, reporte e discussão pública dos dados nacionais e europeus. 

O Erasmus+ 21|27 foi apresentado formalmente em termos nacionais quarta-feira, dia 14 de abril, mas tratou-se da primeira de um conjunto de sessões de apresentação do novo programa Erasmus+ 2021|27 que conta com um orçamento de mais de 26 mil milhões de euros, complementado com cerca de 2 200 milhões de euros provenientes dos instrumentos externos à União Europeia. 

A nova fase conta com um reforço significativo de financiamento (14 700 milhões de euros foi o financiamento para o período de 2014-2020) pretendendo ser um programa mais inclusivo, digital e sustentável. 

Para além de apoiar projetos de mobilidade para fins de aprendizagem e de cooperação dentro e fora da União Europeia, o Erasmus+ 21|27 capacitará projetos centrados na inclusão e nas transições ecológica e digital, como previsto no Espaço Europeu da Educação, no Pacto Ecológico Europeu e no Plano de Ação para a Educação Digital, e projetos impulsionadores da resiliência dos sistemas de educação e formação face à pandemia. 

Seminário de Lógica Matemática, por Luis Pereira (Universidade de Lisboa).

Cartaz da iniciativa

Sessão de esclarecimento sobre o Laboratório de Cidadãos “Peças de Jardim”.

Fotografia da oradora e identificação do evento

Talk @LASIGE, com Diana Costa (LASIGE).

Seminário do Departamento de Física de Ciências ULisboa, por Miguel Zilhão (CENTRA - Center for Astrophysics and Gravitation, Instituto Superior Técnico).

BioISI Research Seminar, por Sophie Jackson (University of Cambridge, UK).

Imagem ilustrativa do evento (saúde e medicina)

A participação nos eventos é gratuita, mediante inscrição prévia.

Logótipo dos 100 anos da criação da licenciatura em Engenharia Geográfica/Geoespacial

A participação no evento é gratuita, mediante inscrição obrigatória até 12 de outubro de 2021.

Logótipo do consórcio e imagem de pessoa a usar máscara

2.ª Conferência Anual Lisbon Living + tem como objetivo reunir a academia, a saúde, a sociedade e os setores de inovação e tecnologia para analisar os impactos da pandemia COVID-19 em Portugal e recolher lições para o futuro.

Conversa com Galopim de Carvalho.

The objective of this course is to introduce participants to the details of communication and writing scientific publications.

Seminário Permanente de Filosofia das Ciências, por Anna Ciaunica (CFCUL/GI2).

Research at the Faculty of Sciences

Save the date: 27 October 2021!

Seminário conjunto do Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa e do Centro de Matemática Computacional e Estocástica, por Kristen Campbell (University of Colorado Anschutz Medical Campus, USA).

Geometry Webinar, por Giosuè Muratore (CMAFcIO).

Conversa com Galopim de Carvalho.

Logótipo da IAESTE, sobre uma fotografia da cidade de Edimburgo

Candidaturas online de 01 a 31 de outubro 2021.

Imagem alusiva ao Concerto e Conferência

Concerto e conferência pela Orquestra Metropolitana de Lisboa.

Imagem ilustrativa do programa, acompanhada do respetivo título

Um programa de aceleração de ideias e negócios, promovido pela redeSaúde, com candidaturas até 15 de outubro de 2021.

Conversa com Galopim de Carvalho.

The objective of this course is to introduce participants to the details of communicating science to non-specialized audiences, including, but not exclusive to, public and private stakeholders, students and teachers, and media professionals.

Conversa com Galopim de Carvalho.

The course aims at providing an introduction to stable isotopes ratios as tools to understand global, ecosystem and community level bio/geo cycles; light isotopes: H, N, C, O and S isotopes, geo cycles and ecological significance; sampling and analytical methodologies in stable isotope analysis.

This course aims to evidence the importance of natural history collections for the study of biodiversity, to show new tools and approaches to extract and disseminate biodiversity data from natural history collections and to increase awareness of young researchers for the scientific and cultural value of Natural History Museums.

Conversa com Galopim de Carvalho.

EvoS aims at turning evolutionary theory into a common language to areas that pertain to the natural world, including human affairs.

Páginas