Quintas do MARE

Valoração económica da biodiversidade: uma nova abordagem

Anfiteatro da FFCUL, Lisboa

Carina Silva
Centro de Estudos Florestais - ISA

A valoração económica da biodiversidade permite estimar o valor da biodiversidade para a sociedade. Através dos métodos das preferências declaradas é possível estimar os valores de uso e não-uso da biodiversidade e encontrar, assim, um valor que reflita a variação de bem-estar que a sua conservação provoca nos indivíduos. Estes métodos questionam os indivíduos acerca da sua disposição a pagar pela conservação. A maioria dos estudos de valoração foca-se em componentes específicas da biodiversidade (e.g. espécies, ou habitats). No entanto, este tipo de abordagem tem várias limitações. O presente trabalho seguiu uma abordagem alternativa, focada nos benefícios da conservação. Os resultados mostram a utilidade desta nova abordagem de valoração para a tomada de decisão e definição de prioridades de conservação.

13h30
MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente
Imagem ilustrativa do programa

A Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, a Universidade Católica Portuguesa, o Fórum Oceano e a Sociedade de Avaliação Estratégica e Risco lançaram em 2015 o consórcio MARE STARTUP destinado a promover o empreendedorismo e inovação empresarial no Mar,

Sara Martins Teixeira defende a dissertação "Diagnosis of Inflammatory Rheumatic Diseases: Preliminary Approach by Metabolomics".

Júri das provas:

Anabela Barreiro Gomes Vilares Bendada Esteves defende a tese "Genetic study of Toxoplasma gondii strains isolated from humans and animals".

Isabel José Capelo Ferreira Nobre defende a dissertação "Formações e classes de Fitting".

Por Ederson Moreira dos Santos (Universidade de São Paulo - São Carlos - Brazil).

Miguel Ângelo Teixeira Queirós defende a dissertação "Pneumococcal adaptation: from colonization to disease".

Imagem ilustrativa do evento, acompanhada de várias informações (título, dia, hora, local, orador e entidades participantes)

Por José Díez (Universidad de Barcelona, Espanha).

Cristiana Costa de Almeida defende a dissertação "Previsão de Séries Temporais Financeiras: Uma Abordagem com Long Short-term Memory Deep Neural Networks".

Catarina Pires de Almeida Rosa defende a dissertação "Bird talk, the soap opera: vocal and behavioural repertoire of a zoo population of rainbow lorikeets (Trichoglossus moluccanus)".

Júri das provas:

Diogo Domingues Ferreira defende a dissertação "Avaliação e otimização da incerteza de constantes cinéticas de fotodegradação determinadas pelo Método de Monte Carlo".

Membros do Júri:

Speaker: Ana Mourão (Departamento de Física e CENTRA - Centro de Astrofísica e Gravitação,  Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa).

Por Luís Antunes (Instituto Português de Oncologia do Porto).

Por Rogério Henriques (Presidente da Multicare).

Formadores: Bruna Francisco & Inês Ventura (GAPsi-Gabinete de Apoio Psicopedagógico).

Por Joana Portugal Pereira (Universidade Federal do Rio de Janeiro, Imperial College London e IPCC).

Miguel Simões Nunes defende a dissertação "Understanding the differentiation process of western Mediterranean butterflies: the case studies of Lycaena and Melanargia".

Júri das provas:

Por Gabrielle Nornberg (University of São Paulo and Sapienza Università di Roma).

Por Pedro Simões (EE-cE3c).

Diogo Rafael Santos Pereira defende a dissertação "Palm leaf fungi in Portugal: ecological, morphological and phylogenetic approaches".

Afonso Luís Moreira Dimas Martins defende a dissertação "Modelling Influenza Strain Competition Dynamics and Transmission Fitness".

Orientação: Maria Helena Mouriño Nunes, Erida Gjini (Instituto Gulbenkian de Ciência).

João Guilherme Figueira Lopes Frazão defende a dissertação "The genomic impact of deleterious mutations in isolation with migration models".

Júri das provas:

Pedro Miguel Rosa Tremoceiro defende a dissertação "Burden of Healthcare-Associated Infections in Mainland Portugal: DALYs and Costs".

Orientação: Maria Isabel Barão.

Novas Exposições em Ciências ULisboa

As exposições E3 e The Eagle Has Landed chegam a Ciências ULisboa, nomeadamente aos espaços expositivos dos edifícios C6 (átrio) e C4 (Galeria Ciências).

Páginas