MUHNAC

As alterações climáticas vão ser importantes a partir de quando?

O aquecimento do sistema climático é inequívoco e muitas das mudanças observadas desde a década de 1950 não têm precedentes no último milénio. A maior parte do aquecimento global desde 1880 ocorreu nos últimos 35 anos, sendo de realçar que 16 dos 17 anos mais quentes registados ocorreram desde 2001. Nas últimas décadas, as vastas extensões de gelo da Gronelândia e da Antártida têm vindo a perder massa de uma forma crescente.

Science education at MUHNAC-ULisboa: Evaluation & Research

Por Raquel Barata [National Museum of Natural History and Science (MUHNAC-ULisboa) /  Centre for Ecology, Evolution and Environmental Changes (CE3C)].

Non-formal education in scientific museums has been one subject of research in order to measure the effectiveness of initiatives among different audiences, responding to specific objectives, and to promote the development of methodologies that may facilitate results.

Tremoço: uma alternativa para o futuro?

A sessão incidirá sobre as vantagens do tremoço (Lupinus albus), uma cultura bem conhecida no sul da Europa, mas que tem sido, por razões de natureza diversa, muito negligenciada. A sua introdução como cultura de larga escala no sul da Europa traria enormes vantagens, não só dos pontos de vista ecológico e económico, mas também de nutrição humana e de saúde das plantas e do Homem. Serão discutidas as suas vantagens em relação a outras culturas de leguminosas (nomeadamente à tão afamada soja), bem como&nb

Concurso de Fotografia em História Natural e Ciência

O Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa promove, pela primeira vez, um concurso de fotografia com o objetivo de difundir a Natureza e a Ciência em Portugal e nos países africanos de língua oficial portuguesa (PALOP).

Pretende-se atrair fotógrafos, com trabalhos de excelência e fomentar práticas de observação, conhecimento e registo através da fotografia, da natureza, e da ciência e tecnologia a diferentes escalas.

Leguminosas no Ponto!

Criado no seguimento do ciclo de oficinas Leguminosas no Ponto!, este livro  representa o culminar de um ano de consciencialização coordenado pelo MUHNAC-ULisboa para os benefícios e potencialidades das leguminosas secas em Portugal e no mundo. 

Saúde e Sustentabilidade: como pô-las no prato?

Como introduzir hábitos alimentares mais saudáveis? Como promover o consumo de plantas locais, sem esquecer a partilha de saberes entre gerações?

O Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa, através do projeto europeu “Big Picnic, Big Questions?”promove, até outubro de 2018 um ciclo de Cafés de Ciência com o objetivo de discutir as diferentes dimensões da alimentação saudável e sustentável.

E se fossemos jantar e cear na Lisboa Moderna (séc. XV-XVIII)?

Necessidade fisiológica e vital da existência humana, comer foi e será sempre um ato de sociabilização e de cultura.

Agricultura e abastecimento. Carência e abundância. Codificação hierárquica e social. Ritualidade de gestos e comportamentos. Hospitalidade e liberalidade. Falar de alimentação envolve, em todas as épocas e geografias, falar de práticas, hábitos, gostos e condutas alimentares, numa ampla abrangência económica, social, cultural, científica, artística, política e simbólica.

IDL na Noite Europeia dos Investigadores

O IDL estará presente na NEI 2017 - Noite Europeia dos Investigadores, evento cujo objetivo é celebrar a Ciência e aproximar investigadores e cidadãos.

Venha participar nas nossas atividades e conhecer os investigadores do IDL, um Centro de Investigação de referência nas Geociências mas também em aplicações e tecnologias que relacionam a ciência com as principais preocupações sociais do século XXI!

Páginas