Investigação

Prémios CNOIV

Candidaturas até 28 de fevereiro de 2020.

Considerando a relevância da promoção de estímulos à inovação tecnológica, ao desenvolvimento técnico-científico e cultural que sirvam de suporte ao reforço da competitividade do sector vitivinícola nacional, a Comissão Nacional da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (CNOIV) criou um conjunto de Prémios CNOIV, de carácter bienal.

César Garcia

“Tive uma educação científica de excelência”, conta César Garcia, que concluiu os estudos em Ciências ULisboa, primeiro a licenciatura em Biologia Vegetal Aplicada, depois o doutoramento em Biologia, especialidade em Ecologia, com um trabalho sobre a Biodiversidade de Carvalhais da Rede Natura 2000.

Epitáfio: Liquidação da FFCUL

"A memória da FFCUL, instituição, que soube merecer uma apreciação inequivocamente positiva dos investigadores que serviu, e de todas as instituições que financiaram as suas atividades, será mantida no seu site, onde se encontram todos os relatórios e contas desde 2009, e onde se pode seguir, com toda a transparência, a vida da FFCUL." Leia o artigo de José Manuel Rebordão, ex-presidente do Conselho Diretivo e da Comissão Liquidatária da FFCUL.

Algas - investigação, inovação, sustentabilidade e estímulo à bioeconomia circular

O evento pretende divulgar iniciativas conjuntas entre a indústria e o CCMAR de modo a estimular a interface academia-indústria. Está planeado no âmbito do projeto ALGACO2, no qual Ciências ULisboa é parceira/prestadora de serviço, que resultou de um contrato de investigação estabelecido entre o CCMAR e a ALLMICROALGAE.

É especialmente direcionado para estudantes, investigadores, produtores de algas e consumidores de biomassa algal.

Dia Europeu da Estatística

O Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa juntou-se à celebração do Dia Europeu da Estatística pelo 4.º ano consecutivo, numa sessão com três convidados de peso - Hygor Piaget, Carlos da Camara e Vitor Sousa - que apresentaram de forma clara a Estatística como pilar transversal da ciência.

Novo método de produção de hidrogénio

Em plena emergência climática, um grupo de investigadores desenvolveu um novo método de criar hidrogénio a partir da água e que pode fomentar novas oportunidades para a captura de energia renovável. “Este estudo permite uma melhor compreensão dos resultados experimentais e poderá guiar estudos futuros da mesma linha temática”, refere Nuno A. G. Bandeira, investigador do DQB Ciências ULisboa, do CQB, do BioISI e um dos autores do artigo.

Porque é que a maior montanha do mundo está a colapsar?

Um novo estudo publicado na prestigiada revista Nature Communications e no qual estiveram envolvidos João C. Duarte, investigador do DG Ciências ULisboa e do IDL e Filipe M. Rosas, professor do DG Ciências ULisboa e investigador do IDL, mostrou que a resposta a esta pergunta se encontra na fronteira entre o oceano Pacífico e a margem continental do este asiático, junto ao Japão e às Filipinas, já que nesta zona existe um limite de placas tectónicas caracterizado pela presença de grandes zonas de subducção, onde diversas placas tectónicas mergulham umas sob as outras.

Páginas