Campus Virtual de Ciências

Perspetiva do Campus de Ciências em 3D

<i>Campus</i> Virtual FCUL – ESRI CityEngine

O projeto de Joana Pereira intitula-se “Modelos urbanos tridimensionais: uma análise na perspetiva dos sistemas de informação geográfica” e foi orientado por Paula Redweik e Cristina Catita. Joana Pereira terminou o mestrado em Sistemas de Informação Geográfica - Tecnologias e Aplicações em 2012 e trabalha agora na ESRI Portugal.

"Na minha opinião, o projeto Campus Virtual confirma o compromisso da Faculdade em dar continuidade aos trabalhos realizados pelos alunos durante o seu percurso académico, melhorando-os e colocando-os à disposição de todos”, declara a antiga aluna de Ciências.

Campus virtual da FCUL: modelação de um edifício inteligente” é o título do trabalho final de Duarte Lima, que em 2016 concluiu o mestrado em Engenharia Geográfica. As suas orientadoras foram também as professoras Paula Redweik e Cristina Catita.

“É com grande entusiasmo que vejo o Campus Virtual disponível para todos os membros da Faculdade”, diz orgulhosamente Duarte Lima, atualmente a trabalhar na KCS iT.

Localizar uma sala, saber a sua ocupação instantânea, localizar facilmente os equipamentos de emergência ou os pontos de reunião durante uma evacuação, estas são apenas algumas das informações que podem ser obtidas através do projeto Campus Virtual, que se traduz na modelação interior e exterior em ambiente 3D da Faculdade.

O Campus Virtual de Ciências foi tornado público em outubro e pode ser acedido a partir do site da Faculdade. O projeto é da responsabilidade de Paula Redweik e Cristina Catita, professoras do Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia; Hugo Miranda, professor do Departamento de Informática; Luiz Coutinho, investigador da Direção de Serviços Informáticos de Ciências e tem origem em dois projetos desenvolvidos por Joana Pereira, no âmbito do mestrado em Sistemas de Informação Geográfica - Tecnologias e Aplicações; e Duarte Lima, no âmbito do mestrado em Engenharia Geográfica.

“Este projeto coloca Ciências na linha da frente do desenvolvimento e da investigação de tecnologias ligadas ao conceito de Smart Cities, pois faz uso de tecnologia de topo que é referência mundial em soluções de gestão urbanística. Atualmente, o projeto tem um impacto direto na divulgação das atividades de investigação e no aumento da visibilidade da Faculdade como produtora de ciência e de investigação na área. No entanto, e indiretamente, o projeto tem também vindo a motivar uma maior integração dos sistemas de informação, encorajando a adoção de modelos e protocolos de comunicação abertos. Consegue-se assim a correlação de dados, fundamental para uma visão única e global da informação de gestão”, explica a equipa.


Vista detalhada do interior de um dos edifícios do campus
Fonte Campus Virtual FCUL – ESRI CityEngine 

A modelação 3D do exterior dos edifícios foi realizada com o software Trimble Sketchup. A modelação do interior, dos equipamentos e a base de dados associada foram realizados com o software da ESRI, ArcGIS e CityEngine.

“O CityEngine é uma ferramenta desenvolvida especialmente para modelação e análise de ambientes urbanos tridimensionais. Nos últimos anos tem-se destacado pela capacidade de análise espacial como deteção de mudanças, análise de sombras de edifícios e potencial de radiação solar para utilização de células fotovoltaicas. Tem sido utilizado pela indústria do cinema na modelação de ambientes urbanos, que fazem parte de cenários de alguns filmes conhecidos”, acrescentam.

Com este projeto, ficam acessíveis de forma centralizada informações dispersas por diferentes serviços e aplicações, facilitando o seu acesso por parte dos membros de Ciências.

Raquel Salgueira Póvoas, Área de Comunicação e Imagem de Ciências
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt
Fotografia com pontos de interrogação

Alunos finalistas aconselham Engenharia da Energia e do Ambiente. Testemunhos de Guilherme Gaspar e Ricardo Leandro.

Fotografia de mesa com cinco pessoas sentadas, na Reitoria da UL

A rede pretende formalizar colégios doutorais em áreas transversais. Opinião de Maria Amélia Martins-Loução.

Fotografia de pessoas sentadas num dos anfiteatros da FCUL

A iniciativa acontece a 17 de março e é organizada pelos Departamentos de Física e de Informática.

Fotografia de Dois voluntários, sentados junto a uma banca no átrio do C5

Em fevereiro estão abertas inscrições para a admissão de novos voluntários.

A FCUL participa em "Programa de Estudos Avançados" com mais quatro instituições universitárias portuguesas e brasileiras.

Fotografia de alunos procuram informações junto a uma banca no átrio do C3

Vale a pena recordar a iniciativa do Gabinete de Mobilidade, Estágios e Inserção Profissional da FCUL.

Fotografia de alunos a andarem, junto ao C8

A primeira edição do curso realiza-se já em 2012.

Outra forma de fazer turismo.

Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25.Artigo de investigadores do CeGUL e docentes do GeoFCUL no Top 25

O Encontro decorreu em Junho no GeoFCUL.

Páginas