Programa Interreg Sudoe: quarta convocatória

Logótipo do Programa Interreg Sudoe, sobre um fundo branco

O Programa Interreg Sudoe apoia o desenvolvimento regional no sudoeste da Europa, financiando projetos transnacionais através do Fundo FEDER.  Assim, promove a cooperação transnacional para resolver problemas comuns ao dito território, como o baixo investimento em investigação e desenvolvimento, a baixa competitividade da pequena e média empresa e a exposição às alterações climáticas e aos riscos ambientais.

Regiões elegíveis
Os projetos aprovados são fruto de consórcios compostos por parceiros públicos ou privados de regiões de diferentes países do sudoeste europeu.  As regiões elegíveis são todas as comunidades autónomas espanholas (exceto as Ilhas Canárias), as regiões do sudoeste da França (Auvergne, Occitanie, Nouvelle Aquitaine), as regiões continentais de Portugal, o Reino Unido (Gibraltar) e o Principado da Andorra.

Encontra-se aberta a quarta convocatória do Programa para duas prioridades temáticas, com um orçamento FEDER de 12,9 milhões de euros, repartido da seguinte forma:

Eixos prioritários abertos FEDER disponível
em milhões
de euros (€)
1 -  Promover as capacidades de inovação para um crescimento inteligente e sustentável

8, 7

5 - Proteger o meio ambiente e promover a utilização eficiente dos recursos

4,2
TOTAL 12,9

Calendário da convocatória
Apresentação das candidaturas da primeira fase até ao dia 25 de outubro de 2019 antes das 12:00:00 (meio dia, UTC+2).
Apresentação das candidaturas da segunda fase: data provisória: março - maio de 2020

Beneficiários potenciais
Todas as entidades públicas, privadas com ou sem fins lucrativos e empresas (com exceção das grandes empresas) localizadas na zona elegível do Programa Sudoe podem ser beneficiárias. Em função da área de atuação de cada eixo prioritário aberto na convocatória, estabelece-se o tipo de atores que devem constituir a parceria das candidaturas de projetos.
Na atual convocatória apenas se aceitará a participação de uma candidatura de projeto por entidade, seja como Beneficiário Principal ou como Beneficiário de projeto (para mais informação consultar ponto 5).

Modo de apresentação da candidatura
As candidaturas deverão apresentar-se através de eSudoe, utilizando os documentos normalizados estabelecidos para o efeito. As candidaturas deverão apresentar-se nos idiomas dos beneficiários participantes (espanhol, francês, português ou inglês).
Por outro lado, deverá remeter-se obrigatoriamente ao Secretariado Conjunto, em formato papel, a versão original da Declaração de Responsabilidade e de Compromisso correspondente a cada uma das duas fases, devidamente assinada e carimbada pelo Representante Legal da entidade do Beneficiário Principal.

Seleção das candidaturas
As candidaturas serão avaliadas num processo de 2 fases. A sua análise será realizada com base nos critérios de admissibilidade, na coerência da candidatura com as características da convocatória de projetos e nos critérios de seleção estabelecidos pelo Programa.

Por Boris Zilber (Oxford University).

João Gonçalo Marques Oliveira defende a dissertação "EmoStatus - Estimating the Emotional State of People using Electrodermal Activity".

Ana Rita dos Santos Lopes Prada defende a dissertação "Studies on the Role of Calprotectin as a Mediator of Iron-induced Inflammation with Implications in Parkinson´s Disease".

Imagem ilustrativa do evento (aluna), acompanhada de várias informações (título, dia, hora, local) sobre um fundo azul

Vem conhecer as oportunidades internacionais que Ciências tem para oferecer!

Jorge Miguel Gualter da Costa Alves defende a dissertação "Taxonomia, Ecologia e Conservação da Coruja das Torres de São Tomé (Tyto alba thomensis)".

Júri das provas:

Por Carlos Florentino (Departamento de Matemática, Faculdade de Ciências Universidade de Lisboa, CMAFcIO).

Imagem ilustrativa do evento

As Conferências do CIUHCT são um ciclo de palestras organizado anualmente pelo CIUHCT acerca de assuntos de História das Ciências e da Tecnologia.

Patrícia Andrea Bastião Rocha defende a dissertação "Characterization of bacteria isolated from Portuguese traditional cheeses".

Miguel Filipe Cecília Lança defende a dissertação "Functional studies of genetic variants of unknown significance".

The periodic table: Some mathematical aspects
José Francisco Rodrigues (CIM and FCiências/ULisboa)

Daniela Saraiva Amaro defende a dissertação "Tabelas de mortalidade dinâmicas na mitigação do risco de longevidade".

Orientação: Carlos Manuel Ribeiro Albuquerque (DM).

Imagem ilustrativa do evento, acompanhada de um cacho de uvas, sobre um fundo representando a calçada portuguesa

A tertúlia Vinho com Ciência é um evento promovido anualmente pelo Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas (BioISI) da Faculdade de Ciências de forma a celebrar a ciência e despertar o interesse do público em geral e assinalar o dia Nacional da Cultur

Filipe Nunes Rocha defende a dissertação "Biological effects of thoracic irradiation with low to moderate daily doses on rat lung".

André Miguel Carapinha Gomes defende a dissertação "Epithelial Differentiation: From Organoids to Cells in Cystic Fibrosis Patients".

Membros do Júri:

Joana Filipa Pires Silva defende a tese "Analysis of translation of 5' untranslated regions in cancer".

Filipa Alexandra Dias Martins defende a dissertação "Metabolic remodeling of endothelial cells upon hypoxia and β-Blockers as anti-angiogenic drugs".

O evento pretende divulgar iniciativas conjuntas entre a indústria e o CCMAR de modo a estimular a interface academia-indústria.

Carolina Teles de Carvalho Caldas Xavier defende a dissertação "Joint management models of kidney exchange program and deceased donor waiting list".

Logótipo da Semana da Ciência e da Tecnologia 2019, sobre um fundo azul

De 24 a 30 de novembro, instituições científicas, universidades, escolas e museus abrem portas, proporcionando ao público oportunidades de observação científica e de contacto pessoal com especialistas de diferentes áreas do conhecimento.

O Grande Prémio Ciência Viva Associação Mutualista Montepio 2019 distingue Rui Agostinho (Ciências ULisboa) pela sua ação notável na promoção da cultura científica como professor, inves

Celebração dos 20 anos do Observatório Pierre Auger, com uma palestra sobre raios cósmicos, análise dos dados públicos do Observatório e montagem e operação de um detetor de raios cósmicos (uma Câmara de Nuvens).

Bruno Henrique Batista Cruz da Silva defende a dissertação "O turismo Inteligente: validação e análise da deslocação de turistas".

Sara Vanessa Sanches Lima do Nascimento defende a dissertação "Robotização de tarefas repetitivas e críticas nos centros de operação de ciber segurança".

Sandrine Marques Gordino defende a dissertação "Epidemiologia da insuficiência renal crónica e anemia associada em adultos".

Membros do Júri:

Páginas