Vanda Faria dos Santos

Contactos

Departamento de Geologia

Sala/Gabinete 6.3.57

Email vafsantos@ciencias.ulisboa.pt
Página Pessoal

Carreira Investigacao
Categoria Investigador Auxiliar

Currículo Resumido

Formação académica

2003. Doutoramento Europeu cum laude em Paleontologia. Universidade Autónoma de Madrid. Espanha.

1990. Licenciatura em Geologia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Portugal.

Domínio de especialização

Paleontologia de vertebrados. Especialização em Paleoicnologia de Dinossáurios.

Outras competências/actividades

Actividades de divulgação científica, no âmbito da Geologia e Paleontologia, e outras relativas à protecção e valorização de geossítios com pegadas de dinossáurio (e.g. Geocircuito de Sesimbra: http://www.cm-sesimbra.pt/geocircuito/).

Atividades anteriores/ Situação actual

Desde 2018 | Investigadora Auxiliar

Departamento de Geologia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

Desde 2013 | Curadora de coleções de invertebrados fósseis, de Paleobotânica e de Paleoicnologia

Museu Nacional de História Natural e da Ciência, Universidade de Lisboa

De 2004 a 2017 | Investigadora Auxiliar

Museu Nacional de História Natural e da Ciência, Universidade de Lisboa

Museu Nacional de História Natural (Museu Mineralógico e Geológico), Universidade de Lisboa

De 1999 – 2004 | Estagiária de Investigação

Museu Nacional de História Natural (Museu Mineralógico e Geológico), Universidade de Lisboa

De 1990 – 1999 | Colaboradora

Museu Nacional de História Natural (Museu Mineralógico e Geológico), Universidade de Lisboa

Membro de Conselhos Científicos

Conselho Científico (Paleontologia), National Geographic Portugal, desde 2001

Consultora Científica (Paleontologia) Monumento Natural das Pegadas de Dinossáurio da Serra de Aire, desde 1996


Interesses Científicos

Paleobiologia, Paleoicnologia e Paleoecologia de Dinosauria e faunas associadas e o seu papel macroevolutivo no contexto do Mesozoico. Ecossistemas terrestres mesozoicos – pistas de dinossáurios. Comportamento e locomoção dos dinossáurios inferido a partir das suas pistas. Aspectos osteológicos e funcionais das estruturas osteológicas das extremidades dos seus membros anteriores e posteriores.


Scientific Interests

Palaeobiology, Palaeoichnology and Palaeoecology of Dinosauria and other associated fauna. Mesozoic Terrestrial Ecosystems. Behavior and locomotion of dinosaurs inferred from their tracks. Osteological and functional aspects of the osteological structures of the limbs extremities.


Publicações selecionadas
  • Castanera, D.; Belvedere, M.; Silva, B.; Marty, D.; Razzolini, N.; Meyer, C. & Santos, V.F. 2017. New Megalosauripus Tracks in the Late Jurassic of Portugal. 15th Annual Meeting of the European Association of Vertebrate Palaeontologists, Munich, Germany, 1-3 August 2017. Zitteliana 91: 27-28. http://www.palmuc.de/bspg/images/Zitteliana_Tagung/zittelina_91_online.pdf
  • Razzolini, N.L.; Oms, O.; Castanera, D.; Vila, B.; Santos, V.F. & Galobart, À. 2016. Ichnological evidence of Megalosaurid Dinosaurs Crossing Middle Jurassic Tidal Flats". Scientific Reports 6, 31494. doi: 10.1038/srep31494
  • Santos, V.F. 2017. Museu Nacional de História Natural e da Ciência: one hundred years of dinosaur ichnology in Portugal. Bollettino della Società Paleontologica Italiana, 56(2): 97-107. doi:10.4435/BSPI.2017.25
  • Santos, V. F.; Callapez, P.M. & Rodrigues, N.P.C. 2013. Dinosaur footprints from the Lower Cretaceous of the Algarve Basin (Portugal): New data on the ornithopod palaeoecology and palaeobiogeography of the Iberian Peninsula. Cretaceous Research. 40: 158–169. doi: 10.1016/j.cretres.2012.07.001
  • Santos, V.F.; Callapez, P.M.; Castanera, D.; Barroso-Barcenilla, F.; Rodrigues, N.P.C. & Cupeto, C.A. 2015. Dinosaur tracks from the Early Cretaceous (Albian) of Parede (Cascais, Portugal): new contributions for the sauropod palaeobiology of the Iberian Peninsula. JIG, 41(1): 155-166. doi: 10.5209/rev_JIGE.2015.v41.n1.48662

Ver todas as Publicações