XV Troféu Central Comics

Melhor desenho atribuído a banda desenhada sobre alterações climáticas

A obra está disponível de forma gratuita em formato digital, em português e em inglês

ClimAdaPT.Local

“Ao contrário do que aparentava no início deste projeto, foi relativamente fácil dar um ritmo de arte sequencial (banda desenhada) ao argumento. (…) O grande desafio foi o de criar um conjunto invulgarmente numeroso de personagens e fazê-lo de forma que o leitor não ficasse confundido ou perdido perante a panóplia de intervenientes. (…) Outra dificuldade foi o de misturar personagens reais - tais como os investigadores que participaram no projecto ClimAdaPT. Local - com as fictícias e manter estas últimas - de que são exemplo a repórter e o operador de câmara - como elementos transversais cujo percurso unifica toda a narrativa do livro.”
Penim Loureiro

“Reportagem Especial - Adaptação às Alterações Climáticas em Portugal” ganhou o XV Troféu Central Comics para Melhor Desenho.

Bruno Pinto (argumento), Penim Loureiro (desenho) e Quico Nogueira (cor) são os autores da banda desenhada, que surge no âmbito do ClimAdaPT.Local, um projeto coordenado por Gil Penha-Lopes, investigador do grupo CCIAM - Climate Change Impacts, Adaptation and Modelling do cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais, sediado no campus de Ciências.

A obra baseada em histórias e personagens reais representa um alerta para as consequências que as alterações climáticas já têm e vão continuar a ter em Portugal e está disponível de forma gratuita em formato digital, em português e em inglês. De acordo com o comunicado de imprensa emitido esta quinta-feira “há já escolas em que o livro está a ser apresentado como forma de sensibilização para o tema”.

A ideia desta banda desenhada surgiu na sequência de uma outra banda desenhada - “Portugal 2055” -, um livro sobre as alterações climáticas em Portugal, com dez capítulos ao longo de 80 páginas a cores, publicado em 2015, promovido pelo Museu Nacional de História Nacional e da Ciência e coordenado pelos investigadores Bruno Pinto e Luis Filipe Lopes.

“Do ponto de vista do argumento, foi um grande desafio juntar na mesma história temas tão diversificados como as mudanças na agricultura, a subida no nível médio da água do mar, os eventos extremos como as inundações urbanas ou as tempestades, e também uma grande diversidade de personagens (…) As partes do argumento que achei mais fáceis de escrever foram as histórias dos entrevistados, que relataram por exemplo a inundação em Albufeira ou a destruição de estufas agrícolas na região de Torres Vedras. Ainda que não sejam transcrições literais (ou seja, foram sempre adaptadas e modificadas), boa parte do que é mostrado na história é real.”
Bruno Pinto


Uma das páginas da obra premiada em janeiro
 Fonte ClimAdaPT.Local

 

ACI Ciências com cE3c
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt