Projeto NitroPortugal promove livro infantil

História sobre azoto

"Os mais novos são a geração do futuro. É importante chegarmos a eles para criar um maior conhecimento sobre esta área e sobre os problemas associados ao ambiente e ao ser humano", diz Vanda Brotas

unsplash - Tom Hermans

O livro infantil “A história do azoto, bom em pequenino e mau em grande”, da autoria de Vanda Brotas, professora do Departamento de Biologia Vegetal de Ciências ULisboa e investigadora do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE), com ilustrações de Rui Sousa, é apresentado ao público no próximo dia 5 de dezembro, pelas 18h00, no Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva, em Lisboa.

O convite para a criação desta obra surgiu no âmbito do projeto europeu “NitroPortugal -Strengthening Portuguese research and innovation capacities in the field of excess reactive nitrogen”, que ao longo dos últimos três anos estudou o impacto real do azoto em Portugal, propondo soluções que permitem diminuir a poluição causada pelo seu excesso no ambiente.

De acordo com o comunicado de imprensa emitido recentemente pelo cE3c, o livro infantil “A história do azoto, bom em pequenino e mau em grande” conta a aventura de um grupo de amigos na busca pela causa pela qual o lago onde se realiza o piquenique anual da turma se encontra poluído, e a sua luta por uma solução para reestabelecer a beleza ao lago da cidade.

“Os mais novos são a geração do futuro. É importante chegarmos a eles para criar um maior conhecimento sobre esta área e sobre os problemas associados ao ambiente e ao ser humano. Através deste livro, procuramos consciencializar este público mais jovem e ao mesmo tempo colmatar a falta de conhecimento que existe sobre o problema do excesso de azoto, algo que é abordado de forma bastante ligeira no plano curricular.”
Vanda Brotas


Capa do livro infantil
Imagem cedida por cE3c

 

cE3c com ACI Ciências ULisboa
info.ciencias@ciencias.ulisboa.pt