Perguntas Frequentes

O que é um Minor?
Como estão estruturados?
Quem se pode candidatar?
Fui admitido ao Minor em regime de inscrição em unidades curriculares isoladas. Quando é que tenho de me inscrever?
Sou aluno de Geologia, fui admitido ao Minor em Biologia e depois quero candidatar-me ao Mestrado em Ensino da Biologia/Geologia. O que devo fazer?
Sou aluno de Biologia, Química ou Física e pretendo candidatar-me ao Mestrado em Ensino da Biologia/Geologia ou Mestrado em Ensino da Física/Química. O que devo fazer?
A frequência de um Minor é obrigatória?
Qual o melhor Minor para mim?
Posso ingressar no Minor sem estar num Ramo específico do meu curso?
Como e quando se processam as candidaturas?
Qual a documentação que tenho que anexar à minha candidatura?
Qual o valor de emolumentos associado ao Minor?
Quais são os critérios de seleção/seriação dos candidatos?
Quando serão divulgados os resultados?
As unidades curriculares realizadas em Minor são regidas por normas regulamentares específicas?
Candidatei-me e fui aceite num Minor num determinado ano letivo, mas na altura das inscrições não me cheguei a inscrever. O que devo fazer?
Pretendo mudar de Minor. O que devo fazer?
Como é que eu sei se estou "bem inscrito"?

 

 

 

 

 

 

 

O que é um Minor?

O Minor consiste num conjunto de 30 ECTS opcionais, escolhidos de entre um agrupamento pré-estabelecido de unidades curriculares de uma mesma área.

 

Como estão estruturados?

O plano de estudos de cada Minor inclui um elenco de unidades curriculares da mesma área científica, de entre as quais os alunos farão as suas escolhas, sem prejuízo de um conjunto de unidades de frequência obrigatória proposto pelos coordenadores da área científica do Minor. Os alunos deverão atender às recomendações de frequência dos coordenadores dos cursos em que estão inscritos, visando uma concretização mais coerente da pretendida formação complementar.

 

Quem se pode candidatar?

  • Alunos da FCUL, inscritos num curso de 1.º ciclo, que reúnam as condições necessárias (número de créditos ECTS realizados), de acordo com o plano de estudos do respetivo curso;
  • Alunos que pretendam realizar um Minor em regime de unidades curriculares isoladas;
  • Outros interessados, desde que maiores de 16 anos.

 

Fui admitido ao Minor em regime de inscrição em unidades curriculares isoladas. Quando é que tenho de me inscrever?

Os alunos admitidos ao Minor em regime de inscrição em unidades curriculares isoladas têm de se inscrever presencialmente na secretaria da FCUL nas datas fixadas anualmente e até à data de início das aulas.

 

Sou aluno de Geologia, fui admitido ao Minor em Biologia e depois quero candidatar-me ao Mestrado em Ensino da Biologia/Geologia. O que devo fazer?

A Direção Académica irá contactá-lo pois nesse caso será inscrito no “Major em Geologia com Minor em Biologia”.

 

Sou aluno de Biologia, Química ou Física e pretendo candidatar-me ao Mestrado em Ensino da Biologia/Geologia ou Mestrado em Ensino da Física/Química. O que devo fazer?

Os alunos que pretendam candidatar-se aos Mestrados em Ensino têm que realizar mais ECTS da área científica do Minor para além dos 30 previstos. Para melhor aconselhamento deverá contactar os Coordenadores dos Mestrados em Ensino da FCUL.

 

A frequência de um Minor é obrigatória?

Não, com exceção dos alunos de Licenciatura em Tecnologias de Informação, em que a estrutura curricular do curso obriga a frequência de um Minor.

 

Qual o melhor Minor para mim?

Identifique a área científica que mais lhe interessa no âmbito dos cursos de 1.° ciclo (Licenciaturas); 
Contacte o coordenador da sua licenciatura para aconselhamento do melhor Minor para si e siga as suas recomendações, para que a formação complementar seja a mais coerente com o seu curso e objetivos pessoais.

 

Posso ingressar no Minor sem estar num Ramo específico do meu curso?

Não, se é aluno de um curso da FCUL em que existam Ramos e cada Ramo tem possibilidade de ter Minor, apenas poderá ingressar no "Ramo X com Minor em Y" se já tiver sido admitido num determinado Ramo do seu Curso.

 

Como e quando se processam as candidaturas?

As candidaturas são efetuadas online em data a divulgar anualmente no sítio da FCUL, em conformidade com os procedimentos referidos no regulamento de Minors.

 

Qual a documentação que tenho que anexar à minha candidatura?

Se sou aluno da FCUL: Nenhuma.
Se não sou aluno da FCUL:

  • Certificado de Disciplinas (se aplicável);
  • Cartão de Cidadão / Bilhete de Identidade e Cartão de Contribuinte - opcional.
     

Qual o valor de emolumentos associado ao Minor?

Anualmente é fixado o valor dos emolumentos devidos pela frequência do Minor, tendo por base o número de ECTS a que o aluno se inscreve 

n.º ECTS a que o aluno se inscreve X valor da propina anual
                                           60

Os alunos inscritos em cursos de 1.º ciclo na FCUL não são devedores de emolumentos adicionais pela frequência do Minor, desde que este conste do seu plano de estudos e que seja necessário para a obtenção do respetivo grau.

 

Quais são os critérios de seleção/seriação dos candidatos?

Aconselha-se a consulta do artigo n.o 6 do regulamento de Minors para obter informações a respeito dos critérios de seleção/seriação estipulados.

 

Quando serão divulgados os resultados?

São divulgados no sítio da FCUL, durante o mês de agosto.

 

As unidades curriculares realizadas em Minor são regidas por normas regulamentares específicas?

Não. Aplicam-se-lhe as normas regulamentares dos cursos de 1.° Ciclo.

 

Candidatei-me e fui aceite num Minor num determinado ano letivo, mas na altura das inscrições não me cheguei a inscrever. O que devo fazer?

No ano letivo seguinte deverá voltar a candidatar-se e aguardar os resultados.

 

Pretendo mudar de Minor. O que devo fazer?

No ano letivo seguinte deverá voltar a candidatar-se e aguardar os resultados.
 

Como é que eu sei se estou "bem inscrito"? 

É da responsabilidade do aluno verificar se está a cumprir a estrutura curricular do seu plano de estudos (ver publicação do curso em Diário da República) ou consultar os planos de estudos, bem como as regras/observações definidas no plano de estudos do Minor a que se candidatou. Se tiver dúvidas deverá falar com o seu Coordenador de curso ou com o responsável do Minor que pretende vir a frequentar.